Diário
Comentário 1

Descanse em paz, Timothy

Ontem, 30 de setembro, foi-se embora Timothy Ray Brown, o “Paciente de Berlim”, o primeiro e por muito tempo único homem curado do HIV no mundo. Conheci Timothy em Lisboa, em 2016, onde nos encontramos por dois dias, para um jantar e, depois, uma cerveja. Seu marido o acompanhava e foi ele que, ontem, enviou por WhatsApp a última imagem de Timothy: magro, fraco e muito sorridente, abraçado com um boneco do personagem Yoda.

A leucemia que, por fim, o levou à cura — graças à perspicácia do Dr. Gero Hütter, que transplantou sua medula com um doador naturalmente imune ao HIV — foi a mesma que levou sua vida, ao retornar no começo deste ano, de forma bastante agressiva. Nesse ínterim, Timothy cedeu sua vida e seu corpo à ciência, para que pudéssemos nós, soropositivos, nos beneficiarmos de todo o aprendizado que seu caso oferecia e, quem sabe, também alcançarmos a cura.

Obrigado, Timothy. Descanse em paz.

Este post foi publicado em: Diário

por

Jovem paulistano nascido em 1984, que descobriu ser portador do HIV em outubro de 2010. É colaborador do HuffPost Brasil e autor do blog Diário de um Jovem Soropositivo.

1 comentário

Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s