Infectologistas esclarecem polêmica matéria sobre PrEP

Anúncios

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Receber notificação
daniel
Visitante

em vez de se preocupar com PREP.

deviam estar focando em CURA

CURAAAAAAAAAAAA

Wellington
Visitante

Deveriam estarem mais focados em CURA mas percebo um certo desinteresse.

Alguém em dúvida
Visitante

JS e amigos do site: estou indetectável há 1 ano e no final de semana pratiquei sexo casual com uma pessoa que conheci em um bar. Infelizmente, juntou o tesão e a bebida e acabei fazendo sexo sem camisinha. Depois do ato, percebi que o meu ânus sangrou um pouco. Desde então estou em pânico, pois mesmo sabendo que sou indetectável, tenho dúvida se o contato do meu sangue com o pênis do parceiro possa ter oferecido um risco para ele. Como foi um sexo casual, não tenho contato com a outra pessoa. Posso ter contaminado ela com esse sangramento?

Life
Visitante

Indetectável não transmite o vírus, entretanto outras doenças podem ser transmitidas.

Se essa pessoa tiver HIV e não for Indetectável ela pode te passar o tipo da serpa com viris dela e isso pode criar resistência em você ao tratamento que você faz. Essa situação é rara de acontecer a quem é Indetectável a mais de 2 anos.

Sendo assim use camisinha, não vacilei.

Caio PE
Visitante

Quem tem HIV sempre se preocupancom quem não tem. Mas…. e o contrário ?

Edu
Visitante

Espero que sim

Ney
Visitante

A cura não surgi de um dia para outro. São décadas e testagem e muita tecnologia. Qualquer patologia para alcançar a cura não é fácil. E estão trabalhando Sim sou soro positivo e faço minha parte tomo remédio ajudo outros soro positivo e negativo e vou levando a vida. Quando a cura vier será apenas uma etapa a mais de minha vida.

+SC
Membro

Boa Ney!

Lara
Visitante

Esperamos a cura sim, mas evitar novas infecções tmb é de suma importância. Quanto mais meios de prevenção, melhor para todos. O que falta é divulgar tudo isso. Infelizmente a mídia quando menciona o assunto, ainda distorce tudo. Gostei muito do Rico, super competente e humano. Fala de uma forma tão leve que me fez esquecer por um momento todo o peso do HIV. Por mais olhares assim no mundo !!! 🙏🏼🙏🏼🙏🏼

Ytalo
Visitante

Galera tenho um vidro de Raltegravir 400mg com 30 comprimidos sobrando quem quiser entre em contato no meu email que eu envio! ytalobatista20@gmail.com

maxwell
Visitante

Se tiver fechado seria interessante vc devolver na farmácia que vc pegou. Agora se tiver aberto acredito que eles não aceitariam

Ser H
Visitante

Mudei de tratamento e devolvi à Farmárcia o frasco aberto com 20 comprimidos de 3×1, como pedido pela farmacêutica que disse que iria repassar para outro paciente.

Rodrigo
Visitante

Há alguns meses, quando troquei meu esquema, ainda tinha comprimidos para uns 40 dias. Perguntei à farmácia o que fazer com eles. Me deram duas opções: jogar fora ou entregar pra alguma entidade de assistência a soropositivos, que muitas vezes recebem pessoas que estão sem medicação.
Preferi tomar os comprimidos que tinha em estoque, porque achei que não deveria desperdiça-los enquanto gente morre por falta de medicamento.
Acabei tendo de me explicar depois, quando fui buscar novos medicamentos, porque a data foi bem depois da prevista inicialmente e a farmácia achou que eu não estava aderindo ao tratamento.

Lara
Visitante

Italo tem uma moça aqui no blog, Telma, que est com problemas pois disse que o MS suspendeu a compra do raltegravir. Quem sabe ela não quer esse frasco ?! Alguém tem o contato dela gente??

lucio
Visitante

Pessoal, uma duvida

sou indetectavel ha mais de 2 anos e meio.
estou saindo com um cara que gosta que eu ejacule na boca dele.
isso é perigoso? o semem tem virus?

Caio PE
Visitante

Vc indetectável a chance de transmitir a ele é praticamente zero. Ele poderia usar a PrEP caso ele queira. Mas a questão é: se ele for apenas “um fica”, será que ele não está recebendo “leite” de outras pessoas também ?