Temos nosso próprio tempo

Me lembro daquela música da banda Legião Urbana, que escutei tanto durante a adolescência, com um refrão que dizia: “temos nosso próprio tempo”. Talvez, tenhamos mesmo. Tempo Perdido é uma música que fala sobre as diferentes perspectivas de tempo, e do tempo que se perdeu. Desde o meu próprio diagnóstico, que se deu em 2010, me pergunto se Renato Russo, que faleceu em 1996 em decorrência de complicações relacionadas à aids, não teria composto essa música depois de seu próprio diagnóstico, ciente que o tempo com HIV poderia ser diferente — em seu caso, foi mais curto. Mas como estaria ele hoje se ainda estivesse vivo e vivendo com HIV?

Aparentemente, a maioria das más perspectivas que ainda recaem sobre a saúde de quem vive hoje com HIV, mesmo sob tratamento antirretroviral e carga viral indetectável, pesa sobre aqueles que foram diagnosticados há mais tempo, nos primeiros anos da epidemia e durante o advento dos primeiros antirretrovirais — os antigos antirretrovirais.

Um estudo canadense observou pessoas com HIV com mais de 50 anos e concluiu que elas são mais propensas a desenvolver diabetes tipo 2 se iniciaram o tratamento antirretroviral antes de 1999 ou se tiveram uma exposição mais longa aos medicamentos antirretrovirais mais antigos, como Estavudina (d4T) ou inibidores de protease de primeira geração, como Nelfinavir ou Indinavir. O diabetes tipo 2 é uma doença mais comum em pessoas obesas e se torna mais comum com a idade. Nesse estudo, o início do diabetes se mostrou muito menos provável em pessoas com idade igual ou superior a 50 anos que iniciaram o tratamento a partir de 2010, ou que iniciaram o tratamento com uma contagem de células CD4 mais elevada. Foram observadas 1065 pessoas com idade igual ou superior a 50 anos de idade ao longo de 13 anos —  89% eram homens, 83% eram brancos e com alta prevalência de coinfecção por hepatite C. Uma das conclusões prováveis é que o tratamento moderno contra HIV ofereça pouco risco de promover o desenvolvimento de diabetes em pessoas com HIV.

Um outro estudo, conduzido em Malawi, na África Oriental, encontrou níveis elevados de colesterol LDL e diabetes em pessoas que vivem com HIV e há muitos anos sob tratamento antirretroviral, especialmente em pessoas com mais de 60 anos, em comparação com seus pares soronegativos. O estudo recrutou 379 pessoas com HIV e 356 sem HIV. 73% eram mulheres. A maioria das pessoas fazia tratamento com Tenofovir, Lamivudina e Efavirenz, depois de terem iniciado o tratamento com Estavudina, Lamivudina e Nevirapina, ao longo de mais de 11 anos. A conclusão do estudo é que as pessoas com HIV com mais de 60 anos são muito mais propensas a desenvolver diabetes tipo 2 e a ter níveis elevados de colesterol LDL.

Mas quando se fala de envelhecimento e HIV não se fala apenas diabetes. Vários tipos de câncer são mais comuns em pessoas mais velhas que vivem com HIV, de acordo com relatório publicado na Clinical Infectious Diseases, nos Estados Unidos. Indivíduos soropositivos de 50 anos ou mais mostraram uma incidência significativamente maior de vários tipos de câncer, incluindo aqueles que não são normalmente considerados relacionados ao HIV. O risco de câncer de pulmão, anal, fígado e oral se mostrou maior à medida que as pessoas com HIV envelhecem.

Entretanto, estes mesmos pesquisadores descobriram que o envelhecimento em si não se comprovou responsável pelo maior aumento no risco de câncer nas pessoas com HIV, em comparação com a população em geral: a prevalência de fatores de risco, como tabagismo, consumo de álcool e infecções virais causadoras de câncer é que são responsáveis pelo aumento do risco de alguns tipos de câncer em pessoas idosas com HIV. De fato, fumar causa um em cada cinco tipos de câncer entre pessoas com HIV na América do Norte, de acordo com uma pesquisa publicada no jornal Aids. Por alguma razão, parece que o pulmão das pessoas fumantes que vivem com HIV  é mais susceptível ao câncer e outras complicações respiratórias do que das pessoas sem HIV: de acordo com pesquisadores franceses, a infecção pelo HIV está associada à obstrução das vias aéreas, incluindo enfisema.

Por sua vez, a prevalência de doenças vasculares cerebrais silenciosas — precursoras de condições neurocognitivas mais graves — é significativamente maior entre as pessoas soropositivas de meia idade, em comparação com a população em geral, de acordo com uma pesquisa francesa publicada na Clinical Infectious Diseases. Esse estudo incluiu 456 pessoas com HIV e 156 sem HIV, observadas entre 2013 e 2016. Aproximadamente dois terços da amostra soropositiva foram diagnosticados antes do advento do tratamento antirretroviral, em 1996. O número médio de células CD4 foi de 196 entre as pessoas com HIV e 665 células/mm³ entre as pessoas sem HIV.

Todas, complicações observadas mais comumente em pessoas que vivem com HIV há mais tempo e que passaram pelos primeiros antirretrovirais, tão tóxicos. Aos jovens soropositivos, ao que tudo indica, cada vez menos complicações a longo prazo. É como se experimentássemos a vida com o vírus de maneira diferente, em tempos diferentes. Perece mesmo que temos nossos próprios tempos.

Anúncios

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Receber notificação
Jeff
Visitante

Agora o termo usado é carga viral intransmissível correto?

Meire
Visitante

Jeff, pelo que sei, o termo continua carga viral indetectável (se mudou, me corrijam 😬).
Estudos mostram que quando a carga viral está indetectável, não se transmite o hiv.
Por isso falamos indetectável=intransmissível.

Meire
Visitante

Em tempo, carga viral indetectável há pelo menos 6 meses, fazendo tratamento corretamente.

Rafael
Visitante

Excelente post e me fez refletir que estamos com uma terapia menos tóxica e teremos uma velhice quase igual aos soronegativos e quiçá experimentemos a cura.

GILBERTO PEREIRA DA SILVA JUNIOR
Visitante
GILBERTO PEREIRA DA SILVA JUNIOR

Amei! Parabéns!

Meire
Visitante

Olá!
Jovem, adorei o post. Só uma correção, que com certeza foi erro de digitação, Renato Russo morreu em 1996 e não em 1966.
Fui em varios shows da Legião Urbana. Renato era uma pessoa singular, no jeito de dançar, nas composições, no jeito de cantar.
Também penso como estaria Renato Russo hoje. Mas imagino que compondo e cantando lindamente com todos esses avanços que os antirretrovirais tiveram.
Fico muito feliz cada vez que vejo que avançamos algo no tratamento do hiv.
Precisamos vencer agora esses preconceitos que ficaram de épocas atrás.
Mas conseguiremos, afinal “temos todo tempo do mundo”.

Beijo no coração.

Meire
Visitante

Sou psicóloga do CR IST/Aids de Campinas.

Jeff
Visitante

Meire indica alguma infectologista que atenda Amil em Campinas ?

Meire
Visitante

Jeff, vou ver para você.

Meire
Visitante

Jeff, segue indicação infectologista Amil.

Dra Audrey C. Quezada Almeida

Central Clinicas
Rua Sacramento, 928
Tel. 19 3722-7758
19 3723-7759
19 99380-6810 (WhatsApp)

Ela é muito boa, trabalhou no Centro de Referência.

Bjs

Jeff
Visitante

Muito obrigado ☺️

Jeff
Visitante

Muito obrigado 😘

Meire
Visitante

Imagina! Bjo

Jeff
Visitante

Meire adorei a Doutora , muito atenciosa , obrigado pela ajuda😘

PVS
Visitante

Meire, tudo bem? Como consigo conversar com vc? Teria essa possibilidade?

Meire
Visitante

Oi, tem sim.
Vou passar meu e-mail.
meiresoldera@terra.com.br

Bjs

Luquinha
Visitante

Temos nossa corrida contra o tempo !

Luquinha
Visitante

Sobre as duas ultimas noticias do reservatórios , muito em breve irei pronunciar , mais como já disse dez passos pra frente um pra trás .

Luiz Gaúcho 02
Visitante

Olá pessoal, faz um bom tempo que não comento por aqui, mas sempre acompanho as postagens.
Quero compartilhar uma notícia maravilhosa. Como alguns já sabem, minha esposa, que é negativa, estava grávida. No dia 02/02, às 16h58min, deu à luz uma linda menina, muito saudável, com a graça de Deus!!!
Estou muito feliz e por isso compartilho essa alegria enorme na minha vida.
Muita saúde e paz para todos!!!

GILBERTO PEREIRA DA SILVA JUNIOR
Visitante
GILBERTO PEREIRA DA SILVA JUNIOR

Parabéns! Toda a felicidade do mundo para vocês!

Carla
Membro

Que notícia boa! Para mim isso é muito importante, obrigada por compartilhar. Agora vcs irão conhecer o amor infinito.

Meire
Visitante

Parabéns!!!!! 🎉🍾🎈

Lara
Visitante

Parabéns Gaúcho !!! Viva intensamente esse momento lindo !!

Arthur
Visitante

Luiz, eu e minha esposa estamos pensando tbm. Ela é S-. Vocês fizeram alguma técnica de reprodução assistida ou foi método convencional?

luizgaucho02
Visitante

Olá Arthur, foi método convencional, meu médico sempre reforçou que eu não transmito o vírus, pois está indetectável. 😉

Gaúcha
Visitante

A única coisa que transmites é o mais puro amor meu bem! ❤️🍀

kiss
Visitante

Que notícia maravilhosa! Isso nos trás alegria e esperanças!!! A vida precisa prosseguir, precisamos vencer o medo de viver e ser feliz!!!

Gaúcha
Visitante

Foi a maior bênção das nossas vidas! Te amo muito meu amor! ❤️💑

Ney
Visitante

Ei Luquinha nos informe sobre reservatórios. 2020 está bem aí será que teremos novidades??

Lucilio
Visitante

E muito bom saber que estamos numa era mais segura de anti-retrovirais. Tomara que tenhamos tempo tbm de experimentar a cura e poder acordar pela manhã com o organismo 100% puro e livre de medicamentos.
Sobre o post, pelo q eu entendi nos que fazemos tratamento temos menos chances de desenvolver diabetes ou é o contrário?
Tenho muito medo dessa doença, ela simplesmente muda drasticamente a vida da gente e abre caminho para muitas complicações!

Alex
Visitante

De vez em quando, quando ouço alguma música do Cazuza ou Renato Russo, ou mesmo do Freddie Mercury, presto atenção na letra e tento ver alguma similariedade com a vivência com o HIV. Cazuza tinha “O Tempo Não Para”, Renato, “Tempo Perdido”, interessante como eles passam a ressaltar a importância do tempo. Pode ser apenas uma impressão, mas muitas das músicas se encaixam perfeitamente com a situação.

Pena mesmo eles terem ido cedo, que bom que deixaram a contribuição ainda viva em suas obras.

GILBERTO PEREIRA DA SILVA JUNIOR
Visitante
GILBERTO PEREIRA DA SILVA JUNIOR

Concordo plenamente!

Meire
Visitante
As músicas do Renato Russo, Cazuza, Freddie Mercury sempre nos fazem pensar mesmo né?! Pelo que sei a música Tempo Perdido é de 1986 e Renato Russo soube ser soropositivo em 1990, supostamente infectado por um namorado que teve em 1989. Então, ele ainda não sabia do hiv quando fez esta música. Mas se vc ouvir o CD Tempestade da Legião Urbana, onde o Renato já estava doente, vc nota a melancolia que ele estava, afinal não se tinha o tratamento de hj, como o js comentou no post. Já a música O Tempo não para foi feita em 1988,… Ler mais »
Luquinha
Visitante

O tempo aqui no Rio de Janeiro esta tão CHATA !

Rodrigo
Visitante

Então, Meire, Tempestade é realmente um CD tristemente lindo. Mas já em Descobrimento do Brasil há uma série de músicas que falam de morte, possivelmente influenciado pelo diagnóstico: Só por hoje, A fonte, O passeio da Boa Vista, Um dia Perfeito e Love in the Afternoo.
Já o Cazuza foi bem mais explícito, como em Ideologia (“Meu tesão agora é risco de vida”).
De toda forma, são dois gênios que marcaram muito minha juventude – e que, ironicamente, tiveram o mesmo inimigo íntimo que eu carrego agora.

Meire
Visitante
Verdade Rodrigo, também acho dois gênios, poetas…que marcaram muito minha juventude também. E estas músicas já diziam muito mesmo. Lindas né? Como vc disse são tristemente lindas! Mas quanto ao hiv, tente não pensar assim, que vc carrega um inimigo. Entendo perfeitamente o que vc quiz dizer. Mas conheço pessoas que a partir do hiv mudaram suas vidas para melhor, parece demagogia, mas não é. São pessoas que a partir do diagnóstico passaram a cuidar mais da saúde, mudar alimentação, fazer atividade física, dar mais valor a algumas coisas e menos valor a outras, se fortaleceram. Claro que viveram o… Ler mais »
Silvio
Visitante

Querido Lucilio, pelo que entendi, nos tratamentos mais antigos, iniciais onde os efeitos colaterais eram maiores das drogas antiretrovirais, era mais comum desencadear o diabetes. Mas também sabe-se que o diabetes se desenvolve em todo tipo de pessoa, independente de soropositivo ou não, eu vi falar que muito se dá também por motivos de mal hábitos alimentares, genética, etc

Santos
Visitante

Acho q se o soro positivo ter uma vida saudavel com praticas regular de exercicios dificilmente desenvolvera diabetes. Abraço a todos

Sorocaba
Visitante

penso que temos tanta sorte com esses remedios… quando tenho algum tipo de indisposição nem cosigo mais saber se eh o remedio ou algum outro fator…. sempre acho que é outra coisa nada haver com remedio. Viva o seculo XXI.

Caio PE
Visitante

O Renato, assim como outros, infelizmente, não tiveram a mesma sorte das pessoas de hoje. Claro que todos almejam a cura, mas não podemos ter pressa nem agotação: temos nosso próprio tempo ! Parabéns, JS !

Caio PE
Visitante

Agitação*

Ruth
Visitante

Pessoal, alguém aqui já foi para New York sendo soropositivo?

Chloe
Visitante

Eu já fui, qual é o problema ?

Miguel
Visitante

nenhum problema, leve seu medicamento na bagagem de mão e a receita, nunca fui questionado também, mas só por precaução mesmo.

Fabricio
Visitante

Uma convite à reflexão: imaginem que o HIV fosse transmitido por um inseto, qual seria a sua reação, como lidaria com isto? Seria mais leve, certo? Talvez nosso maior dilema seja em lidar com as questões do sexo, não ignoro que haja outros tipos de transmissão, mas quando pensamos nas condições excelentes de tratamentos que temos hoje e, mesmo assim, sofremos com baixa auto-estima, só me resta pensar que temos que nos livrar é dos nossos próprios preconceitos e vivermos bem, com respeito e amor. O que acham?

Caio PE
Visitante

Certamente. Eu fico imaginando as pessoas das décadas de 80 e 90 que não tinham sequer esperanças, quanto mais medicação. Agora cabe a todos brigarmos para que esse governo forneça sempre os medicamentos. Impostos são pagos pra isso !

enny
Visitante

É VERDADE!! Vamos ltar para que não nos falte as medicações. Caio , sou daqui do Recife também , descobri que sou soro há u ano ,mais ainda não aceitei 100% essa ideia ,porém no inicio foi bem difício , mas tô me acostumando Só três pessoas sabem do meu diagnóstico,gostaria de participar de algum grupo no recife mais ainda não conheço ,vc conhece algum? me indicaria ? Obrigada!! Haaa meu apelido é enny

Caio PE
Visitante

Gestos (apoio jurídico), radar PE (site com grupos e discussões), existe um grupo no Lessa também (mas não sei os horários). Vale a pena ir lá buscar informações.

Carla
Membro

Realmente acho que o preconceito está dentro de nós e primeiro precisamos trabalhar isso para depois exigir dos outros. Mas com que nós amamos não temos preconceitos.

Tiago2
Visitante

Fabrício, penso exatamente assim. Tive 60 dias de cão até me conscientizar que poderia viver muito bem e normal como antes.
Algumas vezes quando estou sozinho com o meus pensamentos percebo que estou mais feliz.
Sabe o porquê de estar mais feliz? Por me cuidar mais, por me amar mais, por amar mais a minha família e agradecer mais a Deus!!!

Marco
Visitante

Pessoal, alguém sabe me responder se há algum problema, contra-indicação, de tomar algum remédio para tratamento de insônia, um hipnótico (Patz, Zolpidem) juntamente com o 3×1?

Joel
Visitante

Também gostaria de saber. Sofro com insônia.

Meire
Visitante

Marco, eu acho que sempre se deve conversar com o infecto, pois ele sabe sua história, as medicações que vc usa e saberá avaliar. Bjo

Oliveira
Visitante

Nao tem , conversei com.minha infecto e ela me receitou zolpidem . É de boa. Mas fale com sua medica

Caipira
Visitante

Eu tomo 3 em 1 com zolpidem há 3 anos. O 3 em 1 me dá mta insônia. Tudo prescrito pelo médico

Dan
Visitante

Pessoal alguém aqui emagreceu muito ? Iniciei o tratamento em novembro do ano passado, eu fazia academia e depois da infecção emagreci uns 5 kilos só que sempre fui magro porém tô com medo de emagrecer mais , voltarei a academia e tô pensando em comprar umas vitaminas pra ganhar peso. Estava muito mal com depressão chorei muito porém agora quero seguir em frente, estou melhorando aos poucos e vida que segue

Caio PE
Visitante

Fale com seu infecto e busque um (a) nutricionista recomendado, de preferência, por ele.

Rodrigo29
Visitante

Dan, eu tbm emagreci nos primeiros meses! Hoje, depois de 1 ano voltei a ganhar peso e estou até acima do meu peso de antes! hehe

Paulo
Visitante

Dan, você deve ter emagrecido por causa da depressão ou da baixo estima, isso afeta tanto a nossa mente no começo que é natural emagrecer, mas nada a ver com o remédio, lipodistrofia não existe mais, ainda mais para quem pratica atividade física. Sou educador físico e sei. Arregaça na dieta e nos treinos que seu peso se normalizará. Abraço

Meire
Visitante

Dan, concordo com o Paulo que vc deve ter perdido peso devido a depressao e que treino e alimentação adequada te ajudarão. Na minha opinião, vc deveria conversar com seu médico antes de tomar qualquer coisa. Converse também sobre necessidade de fazer exames para treinar, estes que sempre pedem em academias. 😘

Fabricio
Visitante

Olá Dan, antes de mais nada, levante a cabeça, tome seus remédios direitinho e encare tudo isso como uma condição com a qual você vai VIVER e não morrer. É importante também fazer aquele check up geral para ver se não há alguma outra coisa que esteja alterando o seu peso, talvez nem seja da sorologia. Caso esteja tudo bem, o fator psicológico precisa ser trabalhado, assim como uma dieta bem gostosa e cheia de coisas boas. Vamos lá, rapaz!

Meire
Visitante

👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼 Isso aí!!!

Tiago2
Visitante

Dan, isso é super normal!!! Eu perdi 15kg e ganhei 20kg depois de seis meses. Quem faz o tratamento direitinho e se alimenta bem, vive uma vida normal ou até melhor, pois se cuida mais!!! Seja muito feliz e ame o máximo que puder!!!

Rick
Visitante

Dan, eu tbm como o Rodrigo disse aí…. emagreci nos primeiros meses! Hoje, depois de uns 8 meses voltei a ganhar peso também e estou até acima do meu peso de antes!

anne
Visitante

Ai, ai… às vezes, depois de ler vocês… não sei o que dizer.

Paulo
Visitante

Espero que pra melhor Ane rs

Meire
Visitante

Rsrs…

MHP
Visitante
Entrei numa paranóia de ter contraído o vírus. Depois de dois testes com mais de 30 dias de diferenças parece ser garantido que sou soronoegativo. Mas diálogos como o seu, o qual a mídia mainstream não faz, aprendi muito sobre a situação de quem é soropositivo e sobre a doença, pós 80’s. Preconceitos foram superados e medos acabaram por ser racionalizados. Digo isso para mim. Espero de verdade, uma vida próspera e cheia de saúde para vc. Que seu trabalho se expanda para que ajude a superação do maior sintoma do HIV, que é o o preconceito. Além disso, tenho… Ler mais »
Solange
Visitante
Essa época de l990 quando fui diagnosticada foi muito difícil embora meu médico sempre se negou a passar qualquer medicamento tanto é que achei que nada tinha,abandonei os exames e segui a vida apenas a um ano procurei meu médico ele se afastou por estar doente,câncer,a médica que me atendeu passou os retrovirais e estou seguindo o tratamento estou hoje com 56 anos ,o preconceito nada mudou basta discutir com alguém aí vem o indivíduo dizer que sou podre ,doente quando não se tem argumento é assim que me atacam eu simplesmente ignoro e sigo a minha vida afinal ninguém… Ler mais »
Paulo
Visitante
Meire
Visitante

Nossa Paulo, Acabei de ler.
Muito triste isso!
A situação da Venezuela está muito difícil.

caio
Visitante

Esse é meu maior medo que os remédios acabem

AnonimoFer
Membro

Bem triste com essa situação na Venezuela.
Não sou politizado o suficiente para comentar de forma profunda, mas essa situação tem que mudar.
Sou reagente, agradeço o remédio de cada dia. Me entristece mto essa matéria.

Ney
Visitante

A AIDS retornou a período que lembra os anos 80 na Venezuela. Muitos estão morrendo e por falta de remédios. Por isso é importante que estejamos unidos quanto a falta de medicamentos. E esperamos que a ONU e ONGs possam de alguma forma fornece remédio a população Venezuelana que está afligida com HIV. Boa sorte.

Rayo
Visitante

Alguém que mora ou vai para São Paulo vai tomar a vacina de febre amarela?

Meire
Visitante

Rayo, está sendo indicada a vacinação em todo o estado de São Paulo. Temos casos de febre amarela no estado, inclusive que evoluíram para óbitos. Então, melhor prevenir.
Lembrando que no caso de ser soropositivo, precisa conversar com seu médico, ele avaliará se você pode tomar a vacina (de acordo com Cd4…). Lembrando também que no caso de ser indicada a vacina, deve-se tomar 10 dias antes de viajar.
Espero ter ajudado.
Bjs

Meire
Visitante
Rayo
Visitante

Meire, muito obrigada pelas informações!

Carla
Membro

Bom dia! gostaria de uma informação, se puderem me ajudar, quanto tempo o vírus sobrevive fora do nosso organismo, como por exemplo o sangue em uma gilete? desde já obrigada pela ajuda.

telma
Visitante
07 DE FEVEREIRO DE 2018 CLEVELAND e RICHMOND, Califórnia, 7 de fevereiro de 2018 / PRNewswire / – A Case Western Reserve University e Sangamo Therapeutics, Inc. (Nasdaq: SGMO) anunciaram hoje o prêmio de uma doação de US $ 11 milhões do National Institutes of Health para um planejado estudo de células T editadas por genes projetadas para erradicar a persistente infecção pelo HIV em pacientes que recebem terapia anti-retroviral, uma combinação de medicamentos que retarda a taxa de replicação do HIV. Sangamo Therapeutics, Inc. (PRNewsfoot / Sangamo Therapeutics, Inc.) A subvenção financiará um ensaio clínico para testar a hipótese… Ler mais »
paraensepositivo
Visitante

Vou fazer 54 anos em abril e faço tratamento há três, até agora não senti esses efeitos causados pelos ARV’s e espero que eles não venham tão cedo. Sou fumante ( pouco) e bebante também😂😂 meu CD 4 em janeiro último deu 740 estou acima da média ?.

Tiago2
Visitante

Papa-Chibé(paraense positivo), bom dia!!!
O ideal seria que você largasse bebidas alcóolicas e cigarros. Qualquer medida que tomares pra poupar o teu organismo será de grande valia.
Fígado, rins, e pulmão são os que estão mais propensos a terem problemas com o uso desses de bebidas alcoólicas e cigarros. Fora que podes ter outras complicações na tua imunidade, pois antirretroviral não combina com álcool. Provavelmente quando vais beber deixas de tomar o antirretroviral no horário certo? Perigoso amigo!!! Melhoras pra você!!! Um abraço!!!

Dan
Visitante
Obrigado a todos aqui nos comentários pelos conselhos, dicas e palavras de conforto!! Eu passei na minha infecto e meu peso está totalmente normal felizmente, acho que sim devido a infecção aguda os momentos de depressão e outras coisas contribuíram para a perda de peso, mas agora estou bem melhor! Só tenho uns momentos tristes quando fico sozinho pensando rs , mas vamos levando né vida que segue já voltei academia hoje e minha médica disse que posso tomar whey protein sim. Esse blog me ajuda muito e as pessoas daqui também, valeu por tudo um grande abraço e saúde… Ler mais »
Rafael
Visitante

Boa tarde Dan. Estou passando pela mesma situação que você exceto a infecção aguda, quanto ao resto também estou passando. Sempre que fico sozinho me bate uma tristeza ao lembrar do vírus. Se puder entrar em contato para conversarmos melhor. Meu e Mail é Rafaelb_ribeiro@outlook.com.br. Grande abraço a todos.

kiss
Visitante

Precisamos nos unir, assim tornaremos os fardos mais leves!! A luta é árdua, mas juntos somos mais fortes! Fato que já houve grandes avanços + muito ainda precisa ser feito!!!

Paulo
Visitante

Gente, podemos tomar o way protein ? Obaaaa… eu quero tomar sim pois estou malhando e quero ficar com o corpão. Sonhos se realizando! Gratidão sempre gratidão!

Caio PE
Visitante

Tem de ter cuidado com o Whey pois ele pode causar lesão renal com o tempo (associado aos ARVs). Consulte seu infecto antes.

Dan
Visitante

Sim Paulo no meu caso a médica liberou só que com moderação, tanto que ela me proibiu de usar outras coisas como creatina etc.. então somente uso o whey e em quantidade razoável. Mas converse com seu médico cada organismo reage de uma forma né, importante cuidar da saúde em geral boa sorte ae ! 😉

Sorocaba
Visitante
olha essa matéria show galera … eu acho que no fim das contas quando surgir a cura nao vai ser apenas uma e sim várias formas de cura do HIV. Uma equipe de pesquisadores do Centro Médico da Universidade de Nebraska mudou a estrutura química de um medicamento contra o HIV existente para ajudá-lo a alcançar células e tecidos onde o vírus reside. O trabalho, que os cientistas disseram que poderia apressar uma eventual cura para o HIV, é detalhado na edição de 5 de fevereiro da revista Nature Communications. O estudo foi liderado pelo Dr. Howard Gendelman, professor e… Ler mais »
Pensante
Visitante

Que interessante esse ponto de vista.. a cura em si.. esta muito mais na formacocinetica do medicamento… pq o proprio principio ativo cumpre seu objtivo de eliminar o hiv, porém nao em todos os locais do corpo… melhorando a farmacocinetica/ o transporte dessas medicações pode sim eliminar o virus do corpo. Atraves de marcadores que identificam o virus e levam a medicação até lá para elimina-lo.

Jed
Visitante

Bom dia pessoal ….. Descobri ser portador do HIV no final de dezembro e comecei há duas semanas o tratamento. Estou tendo tonturas e um desconforto abdominal. Isso é normal no começo? Alguém passou por isso?

Caio PE
Visitante

É com o DTG e o 2×1? Se for o 2×1 pode ocasionar isso no início. Com o tempo essa reação tende a desaparecer. Se, após um mês, não cessar, volte ao seu infecto.

kiss
Visitante

Cada paciente tem reações diferentes e há ainda os que não sentem absolutamente nada! Eu no início senti muito desconforto abdominal, náuseas e azia (queimação). Por diversas vezes essas reações eram tão intensas que pensei em abandonar o tratamento!! Terrível mesmo. Mas agora já tem quase 5 anos tomando e já estou bem adaptada….Boa sorte e converse com seu médico sobre isso!!!

Luis Gustavo
Visitante

https://m.youtube.com/watch?v=eLoypRiD35E.. Olá pessoal! Estou compartilhando com vcs, esse vídeo que mostra o abusrdo dito pelo candidato Jair Bolsonaro. Respeito a opinião de todos! Mas é esse tipo de presidente que queremos em nosso país? ? Vamos compartilhar com o maior número de pessoas, para que nosso país não fique igual na Venezuela, onde muitos irmãos estão de aids por falta de medicação!

Jorgito
Visitante

Esse cara é um vagabundo de marca maior. Pelas declarações, se o Brasil for pra mão de um cafajeste desses quem tem HIV corre risco de ficar sem medicamento.

Tiago
Visitante
Por aí se vê o grau de ignorância, preconceito e desprezo pelas vidas que não se encaixam no padrão do Bolsonaro. Se pessoas com HIV não são problema do “estado”, já que pegaram devido ao seu estilo de vida, então vamos mas é acabar com toda a saúde pública e deixar morrer sem tratamento doentes de câncer, diabetes, problemas cardíacos, etc, já que a grande maioria destas doenças resulta de hábitos individuais menos saudáveis e – nessa lógica – também não seriam problema do “estado”. Coloco “estado” entre aspas porque realmente já não sei o que essa palavra significa na… Ler mais »
paraensepositivo
Visitante

Esse idiota, se se elegesse, não teria poder para acabar com o programa brasileiro de combate a AIDS. O nosso direito é constitucional e ele não vai se eleger…

telma
Visitante
TRATAMENTOS DE HIV NOVOS E EXPERIMENTAIS Reguladores norte-americanos aprovam o novo comprimido combo contendo bictegravir Liz Highleyman Publicado: 08 de fevereiro de 2018 A US Food and Drug Administration (FDA) aprovou ontem o Biktarvy , o novo regime de anti-retrovirais de comprimidos simples de Gilead Sciences que contém o inibidor de integrase do HIV bictegravir, que foi altamente eficaz e bem tolerado em ensaios clínicos. Biktarvy é o primeiro comprimido de combinação de dose fixa de incluir bictegravir, que não requer farmacocinético aumentando, ao contrário elvitegravir anteriormente inibidor da integrase da Gilead ( Vitekta , também nas Stribild e Genvoya… Ler mais »
Chloe
Visitante

Pessoal existe algum procedimento/cirurgia para a lipodistrofia nas regiões das pernas e glúteos ?
Eu não acredito que só academia resolva.

E preenchimento facial qual é a melhor substância atual ? Eu utilizei uma substância anterior que não é mais recomendando utilizar. Mas, preciso de um reforço acredito(Fiz há 10 anos atrás).

Caio PE
Visitante

Atividade física resolve onde os músculos são atuados por ela (mas não é de 100%). Você deve procurar um cirurgião plástico, de preferência indicado pelo seu infecto.

Chloe
Visitante

Qual é a lógica que acontece para não criar mais gordura/músculo na região ?

Eu tomei praticamente todos as combinações de remédios no passado, porém eu imaginava que o fato de não usar mais a substância significava que poderia ‘voltar’ ao normal.

Obviamente que não, mas realmente vou procurar um cirurgião, é meio frustante porque só exercício físico não adianta. O curioso que para os braços academia foi super efetivo.

Alguma sugestão para rosto também ?

Qual é a especialidade do Médico desse tipo de cirurgia plástica ?

telma
Visitante
Eu pessoalmente fiz preenchimento com metacril a mais de 2 anos mais a mudança foi pouca ,na epoca era coberta pelo sus , queria gordura centrifugada pq poderia preencher mais o rosto sem perigo mais o sus havia cortado devido a falta da cánula e teria que refazer a cada ano sendo mais perigoso que o metracril , devido a lipo na barriga para retirada de gordura . Particular a medica que fez ela coloca ácido hialuronico mais é mais para rugas e aumento de labios e contorno facial dura 6 meses .Ao meu ver atualmente o mais significativo é… Ler mais »
Dru
Visitante
Olá pessoal, em março faço um ano de tratamento e confesso que com o passar do tempo parece que o peso do diagnóstico tem aumentado. Ao contrário do que a maioria relata que no começo a barra foi pesada, para mim tem aumentado o estigma na minha mente, até porque não é fácil mudar uma rotina que era regada a falta de exercícios físicos mas com muita balada e bebedeiras. Hoje bebo bem menos, sinto que o álcool não me faz bem. Aderi a maconha, pois tira o meu stress e a ansiedade. O fato é que há alguns dias… Ler mais »
TriploX
Visitante

Dru,
qual a medicação que vc usa? Eu sei que é difícil mas tente não pensar assim “como será daqui a 10 anos?”. Pq ao invés disso vc poderia pensar “daqui a 10 anos poderei estar curado, e o q farei diferente?”. Tente dominar a sua mente e não o inverso … Cada coisa no seu tempo, e tudo no tempo de deus (ou do destino, p/ quem n crê em deus …). Vc está indetectável, certo? Como está o cd4? Pq vc n tenta marcar um dermatologista p/ verificar isso?
Boa sorte, abraços!

Dru
Visitante

Eu tomo Dolutegravir, se estou indetectável… acredito que sim…Vou marcar sim com um derma… Vida que segue. Abraço!

Anderson
Visitante

Por mais que seja difícil, eu tento a cada dia esquecer esse vírus. Não vale a pena deixar sonhos de lado por causa de algo “tão pequeno”.
Eu perdôo o meu parceiro que me enganou o tempo todo e me passou…o mais difícil é me perdoar.
Mas a vida continua.

Tiago
Visitante
Alguém já ouviu falar do pesquisador nigeriano Maduike Ezeibe?! Tropecei no nome e pesquisei aqui no blog e fiquei surpreso por nunca ter sido mencionado! JS?! Aparentemente, ele descobriu uma cura – barata ainda – para HIV que consegue alcançar os reservatórios do vírus e levar à cura total, a ponto de alguns pacientes que receberam o tratamento testarem negativo após alguns meses! O mais interessante nesta história é que não se trata de apenas mais um médico isolado fazendo alegações. O anúncio foi feito pelo Vice-Chanceler de uma universidade nigeriana, os resultados foram publicados pelo British Journal of Medicine… Ler mais »
kiss
Visitante

Visível que as indústrias farmacêuticas lucram valores absurdos com isso! Fato que não seria interessante descobrir a cura! É um jogo de poder a ambição muito grande. Enquanto torcemos para que haja descoberta e esperança de dias melhores, há o outro lado que domina e enriquece cada dia mais à custa do sofrimento alheio!!! Lamentável, mas é a realidade!!! Precismos acreditar e esperar, sempre antenados no que vem acontecendo de novidades no ramo da ciência!!!

Tiago
Visitante
Gente, publiquei ontem aqui um comentário que está aguardando aprovação, por conta dos links que inclui, mas adianto desde já o que encontrei, sem links para publicação imediata. Aparentemente, um pesquisador nigeriano descobriu uma cura para o HIV, que alcança os reservatórios, com zero toxicidade, tendo alegadamente já curado algumas pessoas, a ponto de testarem negativo em exames e de elevar os níveis de CD4 acima de 2.000! Em outros estudos anteriores com animais, a mesma droga demonstrou a sua potência antiviral contra outras doenças também. Importante dizer que não se trata de um mero médico isolado fazendo alegações extraordinárias… Ler mais »
Tiago
Visitante
p.s. Também sem surpresas, hoje encontrei uma menção ao Dr. Ezeibe na IstoÉ, mas num artigo associando o seu nome sua descoberta ao “lucrativo negócio dos milagreiros no combate à AIDS na Nigéria”, que fala dos frequentes golpes envolvendo poções artesanais, curandeiros, rezas, etc. O artigo menciona que as autoridades de saúde governo nigeriano, que devem ser pouco corruptas e amigas das farmacêuticas de quem adquire ARVs para distribuição gratuita no país, questionaram a descoberta de cura, com base em não ter passado pelos ensaios clínicos da praxe. Aparentemente, nem os jornalistas da IstoÉ nem os da AFP (Agence France… Ler mais »
Chloe
Visitante
Desculpa, mas a lógica para a Big Pharma é o oposto do que as pessoas alegam. Você pode cobrar muito mais caro por uma cura do que um tratamento que leva anos de pesquisa e desenvolvimento, fora a quebra de patente que existe. O maior exemplo é Hepatite C que tinha tratamento ineficientes, e quando a cura foi encontrada há uns 4 anos, ela foi distribuida a preços mais caros que o tratamento convencional. Do ponto de vista financeiro, não há motivos reais para ‘esconder’ patente. Seria uma perda de tempo e dinheiro abissais. Cura não significa que você não… Ler mais »
Tiago
Visitante
Oi Chloe, acontece que, de acordo com o pesquisador, a droga seria bem barata de produzir, então – para a Big Farma cobrar valores altos – teria que arrumar muito boas justificativas. Naturalmente os ensaios custam caro, pois são necessários vários e demoram anos, mas considerando o número de casos existentes a nível mundial e o alegado baixo custo de produção, não seria difícil diluir esse investimento mesmo numa venda de baixo custo. Fato é que, de acordo com o estudo publicado pelo BJMMR, a droga desenvolvida pelo Dr. Maduike Ezeibe apresenta resultados extremamente promissores in vitro e, desde então,… Ler mais »
Tiago2
Visitante
Os governantes não têm interesse na cura do HIV, pois eles comem no prato da indústria farmacêutica mundial. Tem dinheiro mais fácil??? Alguém já escutou falar nos trezentos??? Pois é, acreditem, tem muito mais coisa obscura no mundo do que imaginam!!! Eu desconfio que a cura do HIV já existe há muito tempo, porém só é interessante aos soropositivos… A indústria farmacêutica cobra do governo brasileiro em média R$ 2.000,00 por um coquetel por mês. Imaginemos que a cura custe R$ 10.000,00. O que a indústria farmacêutica perderá é algo inimaginável!!! Vamos viver bem nos cuidando, porque governo nenhum tem… Ler mais »
Tiago
Visitante

E já agora, pode me esclarecer também com base em que fatos você acusa o Dr. Maduike Ezeibe de ser um “curandeiro falastrão”? Como jornalista que é, e que acredito ser responsável, espero ter fatos para sustentar essa séria acusação…

Tiago
Visitante
Caro JS, Você tomou a liberdade de vir aqui, usando da sua autoridade e popularidade no seu espaço, para julgar de forma categórica e sem deixar qualquer margem para dúvida: um pesquisador, a universidade que o apoia, os médicos que a ele indicaram seus pacientes e dois jornais científicos, revistos por dezenas de profissionais médicos. Você sugere que falta seriedade a toda esta gente, acusa um médico que distribui tratamento GRATUITO – de eficiência comprovada in vitro – de ser uma fraude, apenas interessado em lucrar com pessoas desesperadas que sofrem com a SUA própria condição (suposta, já que nem… Ler mais »
Tiago
Visitante

p.s. Para deixar claro a todos que acompanhem esta discussão, sou extremamente grato ao JS pela existência deste espaço e pela informação aqui disponibilizada, não só por ele mas por todos, mas não idolatro NINGUÉM. E se vejo incoerências, questiono sim.

SAR
Membro
Tiago, Li boa parte dos seus questionamentos sobre a validação das publicações que você postou aqui sobre o Dr. Ezeibe. Vi que você questionou ao JS sobre a falta de credibilidade que ele atribui a essas revistas as quais os estudos foram publicados. Olha, nem sempre um estudo científico publicado em revistas internacionais são de relevância. Pesquisando um pouco sobre os Jornais: (1) World Journal of Aids and (2) Journal of Advances in Medicine and Medical Research não consegui encontrar o fator de impacto de (2). Esclarecendo, fator de impacto é um índice calculado com base em diversos fatores que… Ler mais »
Cara Positivo PA
Visitante
Olá Tiago, Li todo o seu argumento e como pesquisador universitário confirmo o que o SAR falou, as revistas indicadas não tem qualis (que é uma ferramenta de medir o impacto das revistas) ou eles são muito baixos. Ou seja, o estudo é irrelevante se fosse bom realmente estaria em revistas qualis A1. O que você pode buscar depois é entender mais sobre o qualis-CAPES e sobre um mercado de venda de artigos em “revistas cientificas” que aceitam qualquer coisa para publicação, existem até reportagens que mostram que essas “revistas” aceitaram artigos sem pé e sem cabeça feitos por robos.… Ler mais »
Meire
Visitante
Tiago, enquanto pesquisadora e profissional da saúde, concordo com a SAR e o cara positivo PA no que diz respeito às publicações em revistas. Concordo com o JS também que quando existir realmente algo relevante sobre a cura, as revistas sérias terão o maior interesse em publicar. Como ele, acredito também que não temos a cura ainda. Mas acho super importante falar para você pensar no fato que existe um tratamento muito eficaz e que as pessoas estão vivendo muito bem, como falo sempre, trabalhando, namorando, tendo filhos, se divertindo… Sei que tem que tomar remédio todo dia, sei que… Ler mais »
Dru
Visitante

Meire, adorei você! Parabéns pelas palavras de apoio, é de gente assim que precisamos!

Meire
Visitante

Obrigada Dru!
Bj 😘

Ricardo
Visitante
Deixo aqui minha opinião discordante soro discordantemente. Já encafifei muito com isso tudo. E descobri que é uma questão mental somente. Quando conheci minha esposa surtei. Éramos um casal se formando e não sabia nada de hiv. Me senti traído pelo medo dela me falar disso. Ela me pagou um médico. Fui conversar e ele me disse… olha… Não é só querer estar com ela. Respeite seu receio . Alguns podem ser bombeiros e outros tem medo. Lembro disso sempre . Hoje o hiv é talvez das mais insignificantes coisas que temos entre nós. Achei que este tempo nunca chegaria.… Ler mais »
Meire
Visitante

👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼 Isso aí!!!!
😘

Ney
Visitante

Desculpem mas está interessante essa briga entre JS é o Thiago kk bom enquanto isso vou tomando o meu 2×1 e sonhando com a CURA. Quem sabe um dia né amigos…

Rafael
Visitante

Ney espero que tenhamos a oportunidade de aproveitar a cura. Independente de onde venha. Também tomo o 2×1 e Dolutegravir. Infelizmente o que sabemos é que ainda não temos a cura. Entendi os pontos de vista aqui expostos.

Rodrigo29
Visitante

Um médico veterinário encontrou a cura, enquanto Phds em medicina e genética estudam há décadas… hahhaheha essa é boa. Tiago, a maioria das fontes que vc
citou não são confiáveis, pesquise com base em referências renomadas. Não acredite em tudtudo que vc lê.

Positivo Azul
Visitante

Por um lado o Tiago tem razão.
Ficarmos esperando de braços cruzados tomando sopinha na boca confiando em laboratórios que só pensam em $ , a “cura” sempre será uma falsa e eterna ilusão.
Temos que investigar isso, levar o assunto nas mãos de quem é capacitado a investigar e a outras autoridades que tenham interesse no estudo.
Sendo verdade ou não, é melhor investigar e ter uma decepção do que viver com um frasco de remédios para a cura na mão.

Cbb
Visitante

Realmente foi um debate positivo entre o Tiago e o JS, mas não devemos nos esquecer que no meio disto tudo há o interesse das indústrias farmacêuticas que têm no seu principal objetivo social o LUCRO.
Julgo ser importante não descartar todas as informações e possibilidades médicas já que se trata da pandemia mais estudada na história da humanidade.

DEAN
Visitante
Acho que sou um dos poucos positivos que não sentem culpa de absolutamente NADA! Sim, fui predador sexual desde a adolescência. Transei com muitas mulheres sem camisinha e alguns caras também. Mas porque quando alguém pega uma gripe/hepatite/infecção viral não fica se martilizando a vida toda? Simplesmente busca um profissional de saúde e segue o protocolo indicado. De onde surge este estigma? Não seria o hiv apenas mais um virus, como qualquer outro? Sou indetectável desde o primeiro mês de tratamento, não poderia transmitir o virus nem se quisesse, sou honesto trabalho, curto pra caralho! Gozo todo dia. Vivo a… Ler mais »
Rafael
Visitante

Dean disse tudo 👏🏽👏🏽👏🏽 Parabéns pela sinceridade.

DEAN
Visitante

Obrigado brother! Segue o bonde porque estamos no começo e não no fim. Abraço!

Rômulo
Visitante

Exatamente como eu vivo, após ficar indetectável voltei a vida que eu levava antes e to de boa !

kiss
Visitante
Maravilha seu ponto de vista! Penso que era exatamente assim que todos deveríamos prosseguir, + infelizmente o medo no tira muita liberdade…A vida precisa prosseguir e só precisamos nos cuidar, nos amar e deixar a vida nos proporcionar tudo de melhor possível…Eu particularmente tô precisando fazer uns ” ajustes” na minha vida que pensei ser impossível devido ao diagnóstico! Mas agora já se passaram quase 10 anos, vejo que isso não é o fim + talvez o grande início de muitas coisas boas!!! Somos uma geração privilegiada de certa forma, pois um tratamento altamente eficaz, se comparado ao passado, então… Ler mais »
Caio PE
Visitante

Cadê o Luiz Carlos ??? Alguém sabe do mesmo ?

Sergio
Visitante
Boa tarde gente ….sou aqui do RJ capital me descobri soro positivo em 2016 (setembro precisamente) e so em janeiro de 2017 comecei o tratamento com os medicamentos ( 03 em 1)…como fui acompanhado por um medico na clinica da familia meu exame de carga viral foi enviado para um infectologista por email pelo medico clinico q me diagnosticou e o mesmo passou a medicaçao, o q me alegaram foi q como eu estava bem e sem sintomas e minha carga viral estava boa nao precisava passar por um infectologista…como sou leigo no assunto e devido ao trauma inicial acabei… Ler mais »
paraensepositivo
Visitante

Tiago, aqui no Brasil até uns dois anos atrás havia um médico que afirmava que tinha descoberto a cura para a AIDS, usando o chá de mutamba😂😂😂 não acredite em tudo que leia na internet.

Sorocaba
Visitante
Tiagão a cura vai vir cara … eu tb já procurei muito no começo sobre cura e até as notícias q nao sao verdadeiras acabaram por me dar uma esperança e me acalmar. Kra o importante eh seguir sua vida e realizar os seus sonhos sempre q possível. Lembro q li uma matéria uma vez sobre o médico q descobiu o novo tratamento para a hepatite C que tem um indice de cura de quase 100%. esse médico disse que ninguem no começo acreditou no metodo dele e foi até zombad por colegas. Enfim demorou uns bons anos e ele… Ler mais »
Chloe
Visitante

Galera,

Vamos parar de falar que a indústria farmacêutica só visa o lucro, porque objetivo de qualquer negócio é o lucro mesmo.

Senão concordam, vocês que montem seu próprio negócio e sobrevivam via fotossíntese.
É pelo lucro desses caras que eles investem bilhões em pesquisa na área de saúde.

By the way, hoje completo 15 anos indetectável.
Não há solução trivial para problema complexo.

Rodrigo
Visitante

É exatamente a busca pelo lucro que pode ajudar no desenvolvimento da cura.
A indústria que lançá-la quebra todas as outras que atualmente lucram com a venda de tratamento crônico.

DEAN
Visitante
Exato! A razão social de toda e qualquer organização é a sustentabilidade financeira, e esta ocorre por meio do retorno. O Lobby existe? Com certeza! Porém é a dinâmica do mercado globalizado que dita os meios de se chegar ao melhor retorno. Se em alguma fase do ciclo de vida de produção e distribuição dos medicamentos indicarem maior retorno através da cura, esta será a perspectiva mercadológica adotada. Falando como profissional da área, sinceramente, não é o momento! O mercado de tarvs está passando por remodelagem incremental e a perspectiva mais viável, atualmente, é explorar o potencial mercadológico de novos… Ler mais »
Roger
Visitante

Gostaria de tirar uma dúvida:
É verdade que um soropositivo avança cinco anos na questão do envelhecimento no seu relógio biológico? Estou com 40 anos, portanto estou com 45 anos?

D_Pr
Visitante

Segundo a lei, o que consta no INSS, é que você envelhece 15 anos.

Você está com 55 anos.

Roger
Visitante

D_Pr,

Nossa! então esse envelhecimento precoce de 15 anos é notável ao longo dos anos fisicamente? Pergunto pois desde já irei preparar meu creme anti-age rsr.

Daniel
Visitante
Isso está desatualizado! Não é mais isso, se fosse assim um portador de HIV automaticamente teria o “Direito” de se aposentar aos 50 anos de idade pela lógica que hoje um indivíduo do sexo masculino se “aposenta” por idade a partir dos 65 anos. É muito complexo são vários fatores que colaboram para a aceleração do envelhecimento desde um simples stress até um problema genético. Sobre o envelhecimento acho que o fator que mais impacta para o envelhecimento de um soropositivo é o psicológico (Não inclui todo mundo), mas para algumas pessoas não é fácil aceitar o diagnóstico e tentarem… Ler mais »
Ney
Visitante

Há um envelhecimento dos órgãos inclusive aparência. Eu próprio tento usar cremes boa alimentação esporte mas enfim a gente um dia envelhece não é. A vida é assim. Sigamos

Lucas
Visitante

Pessoal, fui diagnosticado há três anos e desde então sou indetectável. Na época do meu diagnóstico meu cd4 era 260 foi subindo aos pouquinhos até chegar em 500 (seis meses atrás). Mas hoje peguei resultados dos meu exame mais recente e o cd4 caiu para 200. Foi uma queda enorme com a carga viral ainda indetectável com todos os outros exames normais. Não sei como isso se justifica. Alguém tem alguma idéia?.

Debs39
Visitante
Sobre a conversa de envelhecimento. Isso é relativo. Vários fatores podem aceleram o envelhecimento precoce. Sol, álcool, comidas gordurosas, cigarro e genética… Quem fala que a cantora sertaneja M.M tem 21 anos ? Ela aparenta ser 10 anos mais velha. Isso por causa do consumo excessivo de álcool e mal alimentação. Sempre que vou a consulta converso com pacientes. Esse ano conversei com uma paciente que está a 10 anos em tratamento. A aparência dela está ótima, corpo maravilhoso, nada de lipodistrofia. Já usou 3 esquemas de remédios diferentes (Ela que quis trocar até chegar no 3×1. Pois ela trabalha… Ler mais »
Daniel
Visitante
Tenho HIV um ano e 6 meses. Último exame indetectável, CD4: 1.500. fumo maconha todo dia cerca de uns 5 baseado por dia. Kkkk tomava medicação 3 em 1. Mas comecei dá crise de ansiedade minha infecto trocou o Efavirenz por outro. Agora tomo 3 comprimidos. Porém não tem efeito colateral, acho muito melhor. Fico meio preocupado as vezes, meio inseguro com essa doença, qualquer resfriado já fico bolado kkk. porém tomo lsd, não largo meu Beck e quando paro pra beber e aquela cena. Minha parte eu faço que é tomar o remédio, tento me alimentar melhor possível e… Ler mais »
Lecinho
Visitante

Estou num dilema. Desde julho tomo a medicação nova, iniciei com ela. O primeiro exame de carga viral deu 150 mil. To na espera pra um próximo exame e to com receio de continuar alta e ter q mudar a medicação. Vcsq conhecem melhor os efeitos das outras medicações qual a combinação melhor com menos efeitos colaterais caso precise??? Será que posso opinar ao meu infecto ou só ele q vai decidir qual??? So o vi duas vezes e ele nao me pediu nemhum outro exame diferente. To preocupado.

TriploX
Visitante

Lecinho, vc está com medo de algo q vc ainda nem sabe? Vc está com a melhor medicação … seja confiante, vai dar certo e vc já vai estar como indetectável. Vc n fez cd4? Se n fez, estranho mesmo. Mas se fez e estava alto, alguns médicos não pedem muitos exames. Mas é estranho ele n pedir exames básicos como hemograma, função hepática. Seu médico vai saber a melhor combinação p/ vc, com base em seus exames … Vc vai estar indetectável já 🤞

Lecinho
Visitante

Obg Tripx pela força

Amanda
Visitante

Olá pessoal! Descobri a 5 meses que tenho HIV foi um choque de início o medo e a incerteza tomaram conta de mim! Chorei muito mas aos poucos vou me levantando confiando no futuro! Iniciei o tratamento e estou esperançosa. Fiquei feliz por ter achado este blog ter pessoas com quem conversar e trocar experiências!
Obrigada a todos

Clever
Visitante

Boa noite. Descobri minha sorologia em 20 de janeiro. Dois dias depois procurei uma infectologista e comecei o tratamento com O 2×1 Dolutegravir. Alguém que tenha ou esteja em uso foi acometido de insônia? Tem noites que durmo muito pouco.

Higor
Visitante

Gente alguém sabe me dizer se é possível comprar ou manipular o 3em1 ? Preciso saber urgente obrigado

AnonimoFer
Membro

Olá.
Alguém em tratamento apresentou aumento na creatinina.???
Faço TARV desde set/2017, ou seja, apenas 6 meses e o meu contador está alto.
Não tive qualquer outro efeito colateral, além deste.
Meu infecto indicou exame de clearence por EDTA para averiguar a necessidade de troca da TARV, isso me preocupa. Atualmente faço terapia com DTG + 2×1.
Costumo beber com moderação, não faço dieta de proteínas, faço exercicios regularmente, larguei o cigarro desde meu diagnóstico Reagente.

Clever
Visitante

Boa tarde. Poxa…ninguém interagiu comigo!
Há 35 dias na terapia, meu cd4 subiu de 290 para 500 e estou indetectável. O problema é que o STF faz com que meu sono seja muito leve. Será que devo pedir ao infectologista para trocar?

Carla
Membro

Clever, que maravilha! me tire uma dúvida. Há quanto tempo vc acha que contraiu o vírus? pois meu marido estava c o cd4 parecido com o seu e ele disse que, na opinião dele, havia contraído no máx. há 3 meses.

Clever
Visitante

Boa noite Carla. Creio que meu contágio tenha ocorrido há uns 5 meses atrás, pela carga viral que estava baixa. Mas enfim…temos que seguir em frente, nos cuidando sempre!

SAR
Membro

Clever,

Só uma correção!!!Quando somos recém infectados, a carga viral é altíssima, ou seja, a carga viral pode chegar a ordem de milhões de cópias/mL. Após um determinado tempo nosso corpo cria anticorpos específicos contra o HIV e assim ele vai neutralizando a carga viral. O fato de sua carga viral estar baixa, no momento do diagnóstico, significa que você já tinha passado pelo período de viremia elevada e isso me leva a crer que você já estava infectado por um tempo maior do que você estima.

Abraço!

SAR
Membro

Carla e Clever,

Pensando um pouquinho, sabemos que o CD4 de um soronegativo pode ser mais ou menos 1.000 células/milimetro cúbico, certo? Segundo minha infectologista, na média, a pessoa sem tratamento tende a decair 100 células por milimetro cúbico/ano. Dessa forma, podemos prever, Carla, que seu marido, certamente, está infectado por um tempo bem superior a 3 meses. O mesmo digo a você Clever.

Espero tê-los ajudado!

Carla
Membro

Mas sabe oq é estranho, que meu esposo sempre fazia check-up e sempre o HIV dava não reagente, isso que não entendo.

Clever
Visitante

Boa tarde SAR como vai?
Li atentamente seu comentário. Mas o que mais me intriga é que o exame anterior ao que fiz em janeiro de 2018, precisamente em fevereiro de 2016 deu normal. E também não tive nenhum sintoma que pudesse indicar uma infecção. Então pelo que explicou, posso ter sido infectado há mais tempo?! Sempre tive cuidado com meus relacionamentos. Pouquíssimos até.

SAR
Membro

Oi Clever,

Eu estou muito bem, obrigado.
Como mencionei em um dos meus posts, é muito difícil prever uma data para a infecção ter ocorrido. Seu último exame em Fevereiro/2016: não reagente. Não esqueçamos também da janela imunológica. Pode ser que quando fez esse exame, cujo resultado, foi não reagente você poderia estar na janela imunológica. Mas isso, são só hipóteses. O que, realmente, importa é seguir com seu tratamento corretamente. Bom final de semana pra você.

Abraço!

SAR
Membro

* recém-infectados, digo.

SAR
Membro

Boa noite Clever,

Parabéns pelos seus resultados. É isso mesmo, seguindo o tratamento à risca não temos com o que nos preocupar. Só não entendi a sigla STF – Supremo Tribunal Federal???rssss…

Abraço!

Clever
Visitante

Boa noite SRA. Este corretor é hilario. Perdão, escrevi DTG e o corrigiu para STF. Rs.
Mas ainda tenho muitas preocupações com os efeitos causados pelo uso dos ARVs. O meu sono, por exemplo, sofreu interferência. Obrigado pelo contato. Abs

Julia
Visitante

Sobre o tempo de contágio, minha médica falou em + de dois anos…
Cv: 34mil, cd4: 509
Qual a opinião de vocês? Obrigada

LUIS GUSTAVO
Visitante

NAO DÁ PRA SABER AO CERTO O TEMPO DE CONTÁGIO,VC TA COM CARGA VIRAL BAIXA E EXCELENTE CD4. EU QUANDO DESCOBRI,TAVA COM CV.125 MIL E CD4 477,E ERA INFECÇAO RECENTE,PQ TIVE A INFECÇAO AGUDA A UNS 4 MESES ANTES DE DESCOBRIR MEU DIAGNOSTICO. GERALMENTE A INFECÇAO AGUDA É UM DOS PRIMEIROS SINAIS DO VIRUS PRESENTE NO SANGUE.

AnonimoFer
Membro

Julia, boa tarde.

Quando descobri a sorologia, estava com CV: 5000 e Cd4: 320.

Não faço ideia sobre o tempo da infecção antes da descoberta e também confesso q nem quis saber, pois o melhor que fiz foi seguir em frente e iniciar a TARV.

Hoje estou indetectável e Cd4: 720.

Abraços.

SAR
Membro
Olá Júlia, É, realmente, muito difícil afirmar o tempo de infecção. Cada organismo reage de uma maneira. O que fazemos, na verdade, são estimativas. Eu, por exemplo, quando fui diagnosticado estava com CD4 58 células/mm3 e CV: 12.690 cópias/mL, porém não me recordo de ter passado, em momento algum, pelos sintomas clássicos da fase aguda (diarreia, febre, infecção na garganta…) Desconfiei que poderia estar infectado quando surgiu uma íngua na minha axila e ao mesmo tempo tive sudorese noturna por duas noites. E veja, eu já estava em um estágio avançado da infecção. Estou em tratamento há 1 ano e… Ler mais »
Julia
Visitante
Obrigada pelas respostas, eu descobri por causa de linfonodolos também… tinha um no pescoço há bastante tempo + de um ano ( não sei quanto tempo ele estava ali já) e surgiu outro na lateral do pescoço e depois de um tempo surgiu no outro lado do pescoço também… fiquei preocupada e fiz todos os exames. Foi quando descobrir.. namorei 5 anos se minha médica estiver certa foi durante esse meu namoro. Comecei o dolutegravir logo depois, estou indetectável e com cd4:730 Foi muito assustador, nunca pensei nesta realidade. Hoje com as informações da minha médica ( a primeira que… Ler mais »
AnonimoFer
Membro

Julia,
Também penso como você.
Não mudou nada e não tenho colaterais no momento tudo certo, mas ae vezes rola umas paranóias. Nunca havia pensado nessa realidade, nunca passou pela minha cabeça. Eu q sempre fui cuidadoso, sempre usava camisinha com medo de engravidar qualquer garota… agora estou aqui me tratanto como nunca e imaginando a cura dessa infecção.

Pedro
Visitante

Galera.. Ando mto preocupado… Resumindo a história: Após o Carnaval fiquei com febre dois dias… Após uma semana, voltei a sentir os mesmos sintomas… E agora estou com febre de novo e apareceu duas ínguas… Faço uso do Dolutegravir e nunca esqueci de tomar uma dose.. Tomo sempre a tarde em horários não mt regulares (tipo… Tem dias que tomo as 16h outros as 18h..sempre nesse intervalo)… Será que ocorreu resistência ao remédio?

Julia
Visitante
AnonimoFer, é complicado aceitar né, pelo seu comentário foi de uma relação hetero? Está tomando o rémedio a quanto tempo? Dolutegeavir? Eu optei por seguir a vida normalmente. (Só minha mãe sabe) e vai continuar assim até a cura. Optei por não conversar com meu ex namorado de 5 anos ( não sei se ele sabe ou não) Mas precisamos controlar essas nossas paranóias, as vezes morro de medo do meu corpo mudar por causa disso, problemas nos rins, figado, cancer… Mas ao mesmo tempo já li sobre pesquisas que dizem que nós que começamos o tratamento agora não sofreremos… Ler mais »
AnonimoFer
Membro
Julia, Foi desta forma mesmo, numa relação hétero. Descobri em julho de 2017, e estou em TARV com o DTG desde setembro de 2017.. são seis meses de disciplina e cuidados. Muita coisa mudou e posso até dizer que para melhor, no quesito saúde e qualidade de vida, porém a cabeça as vezes pira, mas nada como respirar e voltar com a cabeça no lugar. As vezes me preocupo com isto também, temos que cuidar bem de nossos rins. Vamos com pensamento positivo e com fé , com equilibrio e sem perder a linha , quem sabe não somos a… Ler mais »
Clever
Visitante

AnonimoFer Bom dia!

Sei exatamente como você se sente, esse turbilhão de preocupações e questionamentos, creio que façam parte de todos nós. Também procuro seguir de forma disciplinada o tratamento e cuidados com a saúde. E vamos em frente. Nem todos os dias acordamos com efervescência de humor e disposição, mas não podemos nos deixar abater.
Abraço

Julia
Visitante

AnonimoFer, seremos a geração da cura sim!

Eu diminui o alcool, já quase não bebia, agora não bebo nada…

O grande problema é a academia… Preciso começar mas não gosto

Juliano
Visitante

Bom dia, pessoal!

Tem problema soropositivos tomarem remédios para dor, dor de garganta. ex: nimesulida, paracetamol?

Obrigado 🙂

Positividade Sempre
Visitante

Jovem!! E sobre a falta de medicamentos? Sabe alguma coisa? Muitas conversas dispersas, desde atraso devido medicamentos terem ficado presos na alfândega, fracionamento, e substituição do 3×1 pelos medicamentos isolados. Um amigo de Recife acaba de sair do hospital sem medicamento, com PREVISÃO de chegada para segunda. Vai ficar sem medicamento até lá.