Notícias
Comentários 165

Pesquisa brasileira sobre HIV e HTLV


Por Diego Freire para Agência FAPESP em 11 de maio de 2015

Fapesp

Uma pesquisa realizada no Instituto Adolfo Lutz, em São Paulo, integrou uma iniciativa de divulgação científica internacional em plataforma multimídia promovida pelo American Journal Experts, serviço que auxilia pesquisadores na revisão e no preparo de manuscritos para publicação em periódicos científicos. A iniciativa consiste em apresentar o conteúdo dos manuscritos em vídeo, com linguagem simplificada e buscando despertar o interesse pelos resultados apresentados nos artigos.

Os primeiros vídeos produzidos tratam da pesquisa Vigilância e diagnóstico de infecção por HTLV-1 e HTLV-2 em indivíduos infectados pelo HIV (vidiHIV/HTLV), coordenada por Adele Caterino-de-Araujo, do Centro de Imunologia do Instituto Adolfo Lutz, com apoio da FAPESP por meio do Programa de Pesquisa para o SUS: Gestão Compartilhada em Saúde (PPSUS).

Os resultados apresentados pelos vídeos foram publicados em artigos na revista Aids Research and Human Retroviruses e trazem importantes contribuições para o entendimento da dinâmica das coinfecções por HIV, o vírus da aids, e os vírus HTLV-1 e HTLV-2, da mesma família, sendo o HTLV-1 associado ao surgimento de doenças neurológicas degenerativas e hematológicas, como leucemia e linfoma, além de polimiosites, poliartrites, uveítes e dermatites.

“A ideia é que não só a comunidade científica da área tenha acesso às informações, e a linguagem audiovisual empregada ajuda a ampliar o alcance do trabalho.”

De acordo com Caterino-de-Araujo, o objetivo do American Journal Experts foi produzir vídeos com resultados de pesquisa de interesse público como pilotos para um projeto de divulgação científica multimídia. “A ideia é que não só a comunidade científica da área tenha acesso às informações, e a linguagem audiovisual empregada ajuda a ampliar o alcance do trabalho”, disse à Agência FAPESP. Os vídeos estão sendo adequados para publicação no portal do American Journal Experts, mas já podem ser acessados na Agência FAPESP.

Os retrovírus humanos HIV e HTLV causam infecção crônica no hospedeiro e compartilham as mesmas vias de transmissão. Nas décadas de 1980 e 1990, a população mais afetada pela coinfecção HIV/HTLV era de usuários de drogas injetáveis, mas esse cenário vem mudando desde então. A identificação adequada dessas infecções virais tem importância diagnóstica e prognóstica.

De acordo com Caterino-de-Araujo, a coinfecção HIV/HTLV-1 pode interferir no início da terapia antirretroviral e acelerar a progressão de doenças associadas a esses vírus. Por outro lado, também parece ter papel protetor na progressão para a aids. “Isso ocorre devido à produção de citocinas com perfil Th1 ou pela produção de quiomicinas que se ligam aos correceptores do HIV, impedindo sua penetração na célula hospedeira”, explicou.

Diante disso, o Ministério da Saúde recomenda nos manuais Guia de Manejo Clínico da infecção por HTLV e Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para Manejo da Infecção por HIV em Adultos a realização da sorologia para HTLV no início do acompanhamento do paciente com HIV.

Vigilância

O Instituto Adolfo Lutz de São Paulo realiza a sorologia para HTLV desde a década de 1990 e tem observado problemas no diagnóstico de infecção principalmente por HTLV-2 em pacientes infectados pelo HIV. Além disso, pesquisadores da instituição utilizam diferentes algoritmos de testes laboratoriais para o diagnóstico e têm realizado a caracterização molecular dos vírus HTLV-1 e HTLV-2 que circulam em pacientes com HIV/Aids.

O projeto coordenado por Caterino-de-Araujo criou um grupo de vigilância e diagnóstico de infecção pelos vírus em São Paulo, com o objetivo de monitorar sua prevalência, identificar os fatores de risco associados à sua disseminação, encontrar novos marcadores de valor diagnóstico e prognóstico e realizar estudos de epidemiologia molecular desses retrovírus.

Na primeira etapa do projeto, conduzido com 1.608 pacientes do Centro de Referência e Treinamento (CRT) em DST/Aids de São Paulo, foram comparados diferentes testes de diagnóstico sorológico e molecular e identificados aqueles com melhor desempenho como estratégia diagnóstica.

O grupo determinou ainda as taxas de prevalência de infecção por HTLV-1 e HTLV-2 na população estudada e as comparou com as de outras populações de pessoas infectadas pelo HIV em anos anteriores. Os resultados obtidos mostraram que houve diminuição de infecção com o passar dos anos, caindo de 13,2% para 3,1%.

“Essa mudança coincidiu com a introdução da política de redução de danos no Estado de São Paulo, que teve início em Santos, em 1989, com a lavagem das seringas e agulhas em solução de hipoclorito e, posteriormente, com a primeira lei estadual que legalizou a troca de seringas, sancionada em março de 1998. A diminuição das infecções pode também estar relacionada a mudanças nas características epidemiológicas da população exposta ao HIV, que hoje é infectada mais pela via sexual do que pelo uso de drogas injetáveis, e no tipo de drogas ilícitas usadas atualmente, como o crack”, disse Caterino-de-Araujo.

“Esses estudos vêm auxiliando o Ministério da Saúde na escolha do melhor algoritmo de testes de diagnóstico a ser empregado em população com HIV.”

O trabalho apresentado nos vídeos descreve ainda que a prevalência da coinfecção HIV/HTLV está no gênero feminino, entre pessoas negras e pardas e pacientes já infectados pelos vírus da hepatite B e da hepatite C, além de usuários de drogas injetáveis. “Esses estudos vêm auxiliando o Ministério da Saúde na escolha do melhor algoritmo de testes de diagnóstico a ser empregado em população com HIV e tem ajudado também os médicos do CRT no melhor acompanhamento dos coinfectados”, disse a pesquisadora.

Os artigos com os resultados apresentados nos vídeos são de autoria de Adele Caterino-de-Araujo, Cláudio Tavares Sacchi, Maria Gisele Gonçalves, Karoline Rodrigues Campos, Mariana Cavalheiro Magri, Wong Kuen Alencar e pesquisadores do Group of Surveillance and Diagnosis of HTLV of São Paulo (GSuDiHTLV-SP), formado por Alexandre de Almeida, Carlos Henrique Barreto-Damião, Fábio Higa, Lucila Okuyama Fukasawa, Luana Coelho, Luis Brígido, Marcela Santana, Maristela Salgado, Nadia Costa, Leda Jamal, Maria de Fátima Jorge, Maria Lúcia Mello, Risia Oliveira e Telma Oshiro.

As pesquisas contaram ainda com a colaboração do CRT em DST/Aids de São Paulo e dos laboratórios de investigações médicas 47 e 56 da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Além da FAPESP, o projeto recebeu financiamento do Ministério da Saúde e do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC).


Anúncios

165 comentários

  1. HOPE diz

    oi amigos…..
    Fiz exame de sangue na segunda-feira para levar na proxima consulta com a infecto semana que vem.
    Ela solicitou vários exames, dentre eles a carga viral e a taxa CD4.
    Eu tomo o 3×1 ha exatos 27dias. No primeiro exame que fiz em março estava com carga viral de 9mil e CD4 de 320mm3.
    Na segunda feira mesmo sairam os resultados do hemograma e dos outros exames e somente ficou faltando os que eu mais queria ver.
    Acabei de consultar o resultado.
    58 cópias/ml e CD4 de 489….

    Nossa!!!! eu estou tão, tao, mais tão feliz que a primeira coisa que fiz foi compartilhar com vcs.
    Não conheço nenhum de vcs pessoalmente (ainda), mas sei que nao existe ninguem hj no mundo que ficaria mais feliz que eu com essa noticia que vcs… pois fico mega feliz com a vitoria de cada um neste Blog!!!
    Sem dúvida, no próximo exame estarei indetectável, mas a sensação de saber que a medicação fez efeito e que eu descobri ha tempo de me cuidar e administrar bem a doença nao tem preço.

    OBG Deus e “Hope” sempre!!!!!

    • Cara do Bem Sampa diz

      comemore mesmo!!!! praticamente indetectável
      muito feliz por vc.;
      abs

    • Cauã + diz

      Muito Feliz por vc Hope
      Não há nada no mundo q pague esta noticia de felicidade!!!

      Rumo ao Indetectavel e Saúde!

    • Miner diz

      Sim é sempre bom ler algo assim aqui no blog. Parabéns, Hope 🙂

    • HopeAlways diz

      Aeeeee que felicidade!! Saiba que a vitória de cada um aqui do blog é a vitória de TODOS! PARABÉNS Hope!! Deus abençoe. 🙂

    • HOPE, parabéns por sua boa adesão, fico feliz por você que deu bons resultados. Hoje a noite vou olhar no site do laboratório como está meu CD4. Espero ter melhorado como o seu.

      Hope e Good Health pra vc!

    • jana diz

      Parabéns Hope!!! Sem dúvidas é uma felicidade em saber q os remédios estão fazendo efeito e que descobrimos em tempo de nos cuidar.

      Um grande abraço! !

    • Nossa Hope!!! Muito feliz por você, agora é vida que…
      A vida é movimento…então vamos aproveitar o máximo,
      A cabeça é que manda…tenha uma mente sã e seu corpo responderá,
      Energia positiva sempre.

      Um forte abraço…

  2. Gledson diz

    Olá pessoal!

    Gostaria de tirar uma dúvida que parece até bobgem, mas fiquei um pouco inseguro. Minha combinação eh a mesma do 3×1, porém como comecei o tratamento em não tinha pego ainda. Agora foi liberado pra mim, peguei o primeiro pote hoje.. Já estou ” acostumado ” com a combinação, e praticamente sem efeitos nenhum.. Será que a mudança para um comprimido só pode voltar os efeitos? Alguém já passou por isso?

    Abraços a todos!

    E parabéns Hope. Na minha última consulta estava somente com 57 cópias, de 43 mil no início do tratamento.. Tem mesmo eh que comemorar.. Rumo ao indetectável.

    • gustavo diz

      Eu tenho a mesma duvida…. os meus estao acabando e ja devo pegar o 3×1 e tenho medo dele kkkkkk

    • Teoricamente você não deve sentir nenhuma diferença, pois a composição é a mesma. O único detalhe é a que as substâncias estão concentradas em um único comprimido. Eu não senti nada!

    • Anderson diz

      Tomava o 3×1 antes e já estou tomando o comprimido único e não senti diferença nenhuma.

  3. gustavo diz

    E outra…. eu n entendi nada da materia nem sei oqquisdizer kkkkkkkk perdido

  4. Enquanto há vida, há esperança diz

    Boa tarde uma duvida,
    quando descobri minha cv era de 500 mil +ou- comecei tomando ten+lam+efav separado e em 2 meses ela abaixou para 5 mil, hoje passei com minha infecto e no ultimo exame ja tomando o 3×1 minha cv só abaixou para 3mil e pouco, a médica ja ta pensando em trocar a medicação pq disse q a cv teria que ter abaixado mais, alguem de voces ja passaram por algo parecido. Vou fazer o exame de novo semana que vem e passo nela em julho pra ver se vou trocar ou não a medicação. Abraços!!!!

      • Enquanto há vida, há esperança. diz

        Vou pedir sim d_pr, é que eu achei estranho ela querer trocar mesmo abaixando pouco, bem ou mal esta abaixando…abraços

      • Enquanto há vida, há esperança diz

        Então vivendopositivo, o primeiro exame foi em janeiro eu já estava tomando as vitaminas uma semana, o 2º foi final de fevereiro e passei na infecto final de março, o 3º foi no meio de abril e passei agora em maio com ela deu +ou- de 2 em 2 meses os exames.
        1º exame cv=500mil cd4 =52
        2º exame cv=5,500+ou- cd4=126
        3º exame cv=3,759 cd4=160
        +ou- são esses valores vou fazer um novo exame semana que vem e passo com ela de novo no começo de julho pra ver o resultado.
        Estava pensando em passar em outro infecto mais especializado no assunto, sei la…rsrs fiquei com duvidas. se caso vocês tiverem o contato de um infecto bom em SP agradeço.
        Qual combinação vcs tomam…
        abraços!!!!

          • Enquanto há vida, há esperança diz

            vdd marcos, mas graças a Deus esta subindo e não tenho nenhuma outra doença, estou com o cd4 baixo mas estou bem…..e bola pra frente abraços!!!!

          • Cara+ diz

            Oi Marcos

            entendo essa preocupação com o CD4, afinal de contas, estamos falando, entre outras coisas, sobre a nossa resistência (imunidade). Mas o que gosto de reforçar aqui, é a relação que o nosso corpo tem com o CD4.

            já li vários, inúmeros casos de gente que em uma pequena queda do CD4, teve e/ou sentiu o corpo “falar” sobre. Outros (e me enquadro nesse caso), estavam com o CD4 bem baixo ao descobrirem sua sorologia e nunca apresentaram nada que denunciasse uma possível contaminação, nem gripe que seja.

            claro, o ótimo é ter um CD4 alto e todos nos cuidamos para isso, mas é preciso estar atento a relação que o nosso organismo tem como nossos “soldadinhos de chumbo” e desencucar, pois a medida que o tempo vai passando, eles vão se multiplicando e voltando ao seu estado normal.

            Vida que segue!!!

    • vanessa diz

      Até onde eu saiba a carga pode demorar até 6 meses pra zerar foi o que meu médico disse, é a minha demorou isso eu na época tava preocupada mas a cada exame ele falava tá reagindo bem tá td normal e zerou graças a Deus!!
      Bjs

  5. Señor Coconut diz

    Venho dar uma noticia muito feliz a mim e a todos!!!!
    Depois de 1 mes tomando o 3×1, fiz ontem a primeira consulta depois de iniciar o tratamento, e felizmente meu corpo esta respondendo perfeitamente bem a medicação! Estava no inicio com uma carga viral altissima, quase 1 milhão! E o resultado agora deu 1.600 copias!!!!!!!! Muito feliz!!!!!!!! Estava tao assustado pensando que talvez nao estava funcionando, mas felizmente esse medo ja nao tenho mais. Graças a Deus estou muito bem e me sinto muito saudavel! Com ctza o proximo exame sera indetectavel!!!!!!!! Oba!!!!! 😀

      • Señor Coconut diz

        Entonces, a Doutora nao pediu o cd4 no segundo exame, achei estranho, mas ela alegou que como estava alto no primeiro (432) nao haveria necessidade de fazer novamente. Tomara que ela esteja certa!

    • Cara+ diz

      Que legal Señor Coconut
      parabéns. Eu tb, quando comecei o tratamento estava com cv em mais um milhão. Comecei com o 3×1 e em menos de 3 meses, já estava em 980. Agora, possivelmente, indetectável!!!! E o cd4, só subiu!!!

      parabéns!!!

  6. JS, graças a Deus vc tirou o post antigo, que deixava todos com uma tristeza enorme, pois todos esperavam pela cura bem rapido, mais fazer oque temos que encarar a realidade, ao inves da cura vamos nos preocupar primeiro com o indetectável e com a boa saude, a cura somente torcer, mais mesmo assim tenho muita fé, estou tomando meu 3×1 a dois meses e 20 dias fiz os proximos exames ontem, minha cv era 13.000 e cd4 469, vamos ver o resultado, espero ficar feliz, parabens Hope. o meu resultado so sai dia 01 de junho

  7. Enquando esperamos a cura teremos esses avanços com certeza:

    Vacina Terapêutica mantém carga viral baixa por 2 anos e sem TARV

    A GeneCure Biotechnologies, empresa de biotecnologia que está em estágio clínico para o desenvolvimento de novas vacinas, anunciou em 14/05/15 na 18ª Reunião Anual da Sociedade Americana de Terapia Genética e Celular, em Nova Orleans, Louisiana, EUA, dados positivos em seu estudo para uma vacina terapêutica contra o HIV.

    Denominada HIV GeneCure (HIVAX), o estudo tem por objetivo investigar o potencial de controlar a carga viral em pacientes infectados pelo vírus.

    HIVAX foi testada para identificar o grau de segurança e imunogenicidade em 15 pacientes infectados pelo HIV e que recebem tratamento antirretroviral. Os voluntários foram randomizados para receber placebo ou a vacina.

    Todos tiveram boa tolerância, nenhum efeito adverso grave e a vacina foi altamente imunogênica. Respostas de células T CD8, as quais desempenham um papel crítico para o reconhecimento e morte de células infectadas com HIV, forma robustas e estimuladas em todos os vacinados.

    Após a vacinação, dez pacientes que receberam HIVAX suspenderam o uso de terapia antirretroviral por 12 semanas, a fim de avaliar a sua capacidade de controlar o vírus.

    A carga viral média no final do período de interrupção era significativamente mais baixo nos vacinados do que no grupo de controle. Além disso, três pacientes vacinados HIVAX tiveram prorrogação do período de interrupção da tomada de medicamentos por até 2 anos e ainda mantinham contagem de células CD4 estáveis ​​e baixa carga viral.

    HIVAX mostra grande potencial como uma vacina terapêutica para portadores de HIV e que possibilita a redução dos efeitos adversos associados a medicação.

    Com base nesses dados promissores, GeneCure está atualmente recrutando mais pacientes com HIV para os ensaios clínicos subsequentes.

    Fontes:

    http://globenewswire.com/news-release/2015/05/13/735702/0/en/GeneCure-Biotechnologies-reported-clinical-data-of-the-first-in-human-novel-therapeutic-HIV-vaccine-trial.html

  8. Enquanto esperamos a cura teremos esses avanços com certeza:

    Vacina Terapêutica mantém carga viral baixa por 2 anos e sem TARV

    A GeneCure Biotechnologies, empresa de biotecnologia que está em estágio clínico para o desenvolvimento de novas vacinas, anunciou em 14/05/15 na 18ª Reunião Anual da Sociedade Americana de Terapia Genética e Celular, em Nova Orleans, Louisiana, EUA, dados positivos em seu estudo para uma vacina terapêutica contra o HIV.

    Denominada HIV GeneCure (HIVAX), o estudo tem por objetivo investigar o potencial de controlar a carga viral em pacientes infectados pelo vírus.
    HIVAX foi testada para identificar o grau de segurança e imunogenicidade em 15 pacientes infectados pelo HIV e que recebem tratamento antirretroviral. Os voluntários foram randomizados para receber placebo ou a vacina.

    Todos tiveram boa tolerância, nenhum efeito adverso grave e a vacina foi altamente imunogênica. Respostas de células T CD8, as quais desempenham um papel crítico para o reconhecimento e morte de células infectadas com HIV, forma robustas e estimuladas em todos os vacinados.

    Após a vacinação, dez pacientes que receberam HIVAX suspenderam o uso de terapia antirretroviral por 12 semanas, a fim de avaliar a sua capacidade de controlar o vírus.

    A carga viral média no final do período de interrupção era significativamente mais baixo nos vacinados do que no grupo de controle. Além disso, três pacientes vacinados HIVAX tiveram prorrogação do período de interrupção da tomada de medicamentos por até 2 anos e ainda mantinham contagem de células CD4 estáveis ​​e baixa carga viral.

    HIVAX mostra grande potencial como uma vacina terapêutica para portadores de HIV e que possibilita a redução dos efeitos adversos associados a medicação.

    Com base nesses dados promissores, GeneCure está atualmente recrutando mais pacientes com HIV para os ensaios clínicos subsequentes.

    Fontes:

    http://globenewswire.com/news-release/2015/05/13/735702/0/en/GeneCure-Biotechnologies-reported-clinical-data-of-the-first-in-human-novel-therapeutic-HIV-vaccine-trial.html

    • Cauã + diz

      Cruzando os dedos para q dê certo
      Quisera eu ser um recruta hehe

  9. Gustavo2015 diz

    Gente meu namorado foi hj na infecto ae esta tudo certo e carga viral só 80.. ae ele perguntou se ele quiser beber alguma coisa as vezes.. ae ela disse q nao pode pq se nao corta o efeito do antibiótico q ele só pode beber duas latas de cerveja… ele ainda ano toma o 3×1 mas é os mesmo q o 3×1 porem separados.. Alguem sabe responder algo concreto sobre isto? ele n tem costume de beber pois malha cuida do corpo.. muito raro.. mas se acontecer de um dia quiser sair e beber alguma coisa…

    • Com relação aos antirretrovirais, acredito que não há problemas. Desde que seja de forma moderada e não se torne um hábito. O álcool é um depressor imunológico e isso não é benéfico para um portador do vírus HIV. Com bom senso e de forma esporádica, não há riscos. Faz até bem! rs

    • Ah, deve-se lembrar que além de deprimir o sistema imune o álcool compromete as funções hepáticas. E antirretrovirais costumam detonar nosso fígado. Por isso, sem exageros!

  10. wolf diz

    Caros amigos,

    seguindo o exemplo de vocês aqui, estou passando para compartilhar sobre o andamento do meu tratamento. Inicio a medicação com o 3×1 hoje. Desde o diagnóstico estive bastante preocupado e apreensivo com tudo, principalmente por estar em um relacionamento e temer por causar qualquer mal à pessoa que eu amo tanto. Espero que dê tudo certo com essa medicação e que eu não apresente nenhum dos tão temidos efeitos colaterais que alguns relatam. Não vou falar que estou bem, porque ainda não processei muito positivamente o fato te ter contraído este vírus tendo sempre tomado todos os cuidados, mas fiquei mais tranquilo ao ver que os meus números estão bons para quem está iniciando (cv 5038, cd4 864).
    Agradeço pela apoio que recebo diariamente aqui, seja direta ou indiretamente e desejo muita saúde e uma excelente evolução no tratamento de todos. Deixo um abraço especial ao Cara do Bem Sampa, ao Davi e à Ana Positivo, que são sempre muito atenciosos e solícitos comigo.

    Tenham todos um excelente fds!

    • Cara do Bem Sampa diz

      Wolf
      que bom que as coisas estao evoluindo.
      como te falei, aos poucos as coisas vao voltando pro lugar.
      acredite sempre .
      continue contando comigo
      abraço

  11. FG-PR diz

    Galera, depois de 9 meses de tratamento com Atazanavir+Ritonavir+3TC+TDF tenho uma ótima noticia, estou sem vestígios desse merdinha em meu sangue.
    Inicio do tratamento
    CD4: 376
    Carga Viral: 29.000 cópias/mL

    Após 4 meses
    CD4: 596
    Carga Viral: 30 cópias/mL

    Após 9 meses
    CD4: 731
    Carga Viral: Não detectada/Inferior a 20 cópias/mL

    Eu já estava animado no primeiro exame, mas agora por não ter aparecido nada estou mais animado ainda, essa porcaria não vai me impedir de fazer nada que que tinha planejado na minha vida.
    Depois de 9 meses minha vida voltou ao normal e acredito que está melhor que antes, pois passei a enxergar a vida de uma maneira diferente e pra melhor. Meu casamento voltou ao normal e estamos até planejando ter mais um filho daqui uns 2 anos, Minha vida profissional está ótima.

    Pra quem está assustado com essa nova condição digo o seguinte: Viva um momento de cada vez, chore se sentir vontade, grite, corra, fique calado, mas o mais importante viva, pois ninguém pode lhe tirar esse direito e muito menos um ser minusculo que tem um par de genes.

    • Sua vida, minha vida! diz

      Olá, Vou contar um pouquinho da minha história, depois de 1 ano de casada meu esposo começou a ficar doente, não teve nada grave, mas emagreceu muito e sofreu de crises de disenteria, após levar ele varias vezes no hospital um médico pediu o exame para hiv, pronto nosso mundo desmoronou, eu só pensava nele, como eu ficaria sem o grande amor da minha vida, só depois de algumas horas me dei conta que se ele estava com hiv eu também estaria, afinal estávamos tentando engravidar, descobrimos em um domingo, passei o domingo olhando pra ele, achei que iria morrer, Meu DEUS!!
      Descobrimos o atendimento no CTA, na segunda eu fiz o meu exame e peguei meu positivo, mesmo assim eu só pensava em nós dois quantos sonhos, hoje estamos em tratamento, ele chegou ficar com cd 4 de 52 e eu de 230, quantidade de vírus dele + de 500 mil cópias o meu 10 mil ,hoje depois de 5 meses de tratamento ele se encontra com cd4 de 160 e eu de 480, o vírus dele caiu para 3.700 e o meu 138, a médica disse que no caso dele, ela achava melhor mudar a medicação pois deveria estar melhor, alguém ai já passou por isso? Eu vejo que os médicos insistem no mesmo remédio, se a carga viral dele de 500 mil já caiu para 3.700 pq mudar? Se alguém puder ajudar eu agradeço!!!

  12. luquinha diz

    Hoje fui a um sepultamento , e chegando lá , fiquei surpreso , pois três mulheres enfartarão ontem ao sair do trabalho , uma de 52 anos outra de 32 e outra de 28 , por nós termos esta sorologia , estamos com uma certa vantagem , pois nos cuidamos mais , é bom saber também que até Dezembro a cura funcional estará ai , e muito em breve a total .

      • pensador diz

        Se essas previsões não se confirmarem até DEZEMBRO de 2015 eu mesmo serei o primeiro crítico dessa pessoa que fica estipulando datas.

        Notícias boas são sempre bem vindas, nutrir esperanças torna nossos corações mais fortes, porém há de se ter cuidado com certas expressões, para que não provoquem muitas decepções.

        Previsões datadas são temerárias.

        • Alexandre diz

          Pensador, eu virei fã do Luquinha. O cara tá sempre de alto astral e tenta repassar esse ânimo inabalável para todos nós aqui. Mas falando na cura, infelizmente ela não virá neste ano, ainda. Boas notícias virão, com certeza. Nenhum desses últimos anos foi diferente. Mas a cura não virá. Acredito que ainda teremos algum tempo razoável pela frente de ARV orais e diários.

          • luquinha diz

            Alexandre você que é bem dotado me ajude a explicar para essas pessoas que esta havendo uma grande evolução da parte dos cientistas .

        • luquinha diz

          Primeiramente gostaria de dizer que eu não sou mãe Dina ,para fazer previsões , da próxima vez por favor se refira assim , luquinha porque você diz que chegará ate Dezembro ?Pois gosto de pessoas diretas e outra não estou esquentando com as suas criticas não ,e digo a partir de hoje não me refiro a datas , porra será que estas pessoas ao invés de me criticar estão acompanhando a evolução das vacinas terapêuticas que são postadas ate mesmo neste blog , parece que eu estou ate vendo quando chegar Dezembro todo mundo querendo um presente de luquinha noel , ai eu vou ter que eu ir de porta em porta aplicar a vacina , Talvez ate tenha que arrumar uma forma para que algumas pessoas possam me entender o que quero dizer , pois estão achando que em Dezembro tem que estar todo mundo curado , e vão fazer da minha vida um inferno ,ao quanto ( previsão datadas temerárias ) Eu sou o maior interessado .

          • pensador diz

            Tic tac tic tac…o tempo agora é seu inimigo, pois DEZEMBRO é logo ali…eu sei que vc gosta de brincar com joguinho de palavras e tem muita gente que gosta de bater palmas pra louco dançar…sei também que vc é uma espécie de mascote do blog…que terá defensores cegos de suas papagaiadas…ok..

            Mas tem gente que se depara com esse blog na busca de um alento, tem gente desesperada, desesperançada que só tem esse ponto de apoio e te digo com todas as palavras: dizer que a cura virá em dezembro de 2015, não ajuda em nada!

            Repense seus “métodos” de “previsão”.

            Poste fatos, pesquisas, e evoluções, aí sim concordo.

            • luquinha diz

              Nossa pensador adorei ( tic tac tic tac …..o tempo agora é seu inimigo pois Dezembro é logo ali ) adorei você conseguiu ser melhor do eu rsrsrssr

            • desbravador diz

              Por que é que o Brasil, de repente,virou a terra dos chatos?Deixa de ser chato, cara(pensador)! Vai implicar com o rapaz, logo o mais descontraído e afável deste espaço? Isso aqui–BRASIL– tá virando a terra dos cagadores de regra, e dos zelosos protetores das frágeis sensibilidades alheias,como se todos fossem pessoas fraquíssimas, vulneráveis a qualquer coisa; é todo mundo equipado com suas palavrinhas de ordem, todo mundo “oprimidinho”, todo mundo recomendando ao outro “ter cuidado” com o que fala. O Brasil dentro em breve será o cenário do livro Fahrenheit 451(Quem não leu, leia para saber do que se trata. Leia, JS(se ainda não leu), você, que gosta de ler, vai achar interessante). Aliás, o mundo,desgraçadamente, caminha para essa sinistra depauperação…

          • Luquinha nem quero presente do Luquinha Noel. Chamando pra um churras já ta valendo a amizade.

            Te curto pacas , continue com seu alto astral e compartilhando otimismo conosco. Todos precisamos olhar o copo meio cheio, sendo soro+ ou soro-.

  13. Eduardo diz

    Ei gente!

    Fui diagnosticado com hiv há cerca de 3 meses e comecei o tratamento há um mês. O susto inicial foi horrível, acho que similar ao que todos nós vivemos então eu não vou me ater a muitos detalhes porque sabemos o quão complicado é os primeiros dias.

    Meu cd4 estava muito baixo antes do tratamento (abaixo de 200) e a carga viral estava acima de 100.000 cópias. Fiquei realmente mal com tais dados e achei que ia morrer. Apesar disso, estou assintomático. Ainda não fiz novos exames após o início do tratamento, mas fico bem ansioso pra ficar com carga viral indetectável.

    Passado a fase inicial, estou retomando os meus projetos de vida. Estou muito animado e com sede de viver. Menos reclamão, menos estressado, mais amoroso. Claro que eu não queria que isto tivesse acontecido comigo, mas estou focado em fazer do limão uma limonada. Poderia ter repensado toda a minha vida aos 80 anos de idade e seria tarde demais. A doença me trouxe a possibilidade de repensá-la aos 30 e tenho toda a vida pela frente pra fazer diferente, pra fazer melhor.
    Também estou tendo muito apoio das pessoas que contei e isso é fundamental pra minha qualidade de vida. Se quiserem conversar sobre a doença, meu e-mail é dudumagalhaes28@gmail.com

    • HopeAlways diz

      Aqui tem gente bacana demais Edu. Deixa o seu skype aqui pra todo mundo te encontrar. Em frente sempre !!!

  14. TheKing diz

    Como vai demorar minha próxima consulta, resolvi tentar tirar minha dúvida aqui msm. Sobre esse vírus aí, alguém sabe me dizer se, por padrão, é pedido o exame para HTLV no início de tratamento? Fiquei preocupado agora. Pior q se a pessoa tiver esse vírus, nada pode se fazer a respeito, pq pelo q me informei, só existe tratamento para combater os sintomas, mas nenhum tratamento para combater o vírus…
    É HIV, HTLV, dengue, ebola… Quero viver numa bolha desse jeito kkk #sqn
    Vírus é tão primitivo, nem ser vivo não é, e é capaz de fazer tanto mal as pessoas….

    • Cauã + diz

      E ae The King

      Acho q é padrão pedir sim, pois minha infecto me pediu na primeira consulta exame HTLV e graças a Deus o meu deu não reagente.
      Mas creio q cada infecto tem suas particularidades o seu ainda deve pedir fique tranquilo
      Te mandei email no endereço q me passou aq olhe lá!
      🙂

  15. luquinha diz

    Eu odeio esta família , com toda a minha força .=vírus feio, chato e bobo

    • luquinha diz

      Alô alô alô estou me referindo ao htlv que e parente do hiv gente !

  16. Faroestepositivo diz

    Bom dia, queridos!

    Há um mês descobri esse site e está sendo um grande alívio para mim, depois de tudo que passei quando descobri que tenho o vírus, descobri em outubro do ano passado e faz 2 meses e meio que estou na TARV.

    Estou sentindo umas coisas estranhas no meu corpo, depois que comecei a tomar e queria saber se isso é normal (ou anormal e incomum) se vai passar… É como se meu corpo estivesse inflamado.

    Sinto umas dores incômodas nos músculos dos braços, nas articulações também. Só tenho consulta em junho e estou ansioso para saber se vai passar. Tomo o remédio sempre no horário (3×1) e procuro tomar bastante água também.

    Meu cd4 deu 570 (antes da tarv) e cv. o exame não estava pronto todavia.

    Agradeço a atenção e a força maravilhosa que este espaço possui. A partir de agora estarei aqui mais vezes e interagir também.

    • faroestepositivo diz

      Meninos e meninas, vcs não sentem nada do que eu indiquei nesse comentário? Estou bastante triste com essas dores no meu corpo. Vcs acham que são normais? Terei que conviver com isso até meu corpo se acostumar? Queria saber a opinião de vcs, por favor!

      Agradeço e desculpem a insistência.

    • Cara do Bem Sampa diz

      Faroestepositivo
      nao senti nada parecido.
      Seu infecto nao deixou um contato para avisar de possiveis reaçoes?
      Seria legal, ele ver vc antes de junho ne?
      abraçao

      • faroestepositivo diz

        Cara do Bem Sampa, obrigado por dar seu depoimento em relação ao uso da tarv. E agradeço também pela sugestão de procurar o infecto antes da consulta mesmo. Agora qualquer dorzinha que sinto automaticamente acho que está relacionado ao vírus ou a tarv. As vezes me pergunto: será que eu já sentia isso antes??? Mas não estou louco, rrsrsrs. E Cara do Bem, ele deixou um contato sim, amanhã entrarei em contato, com certeza. Mais uma vez, valeu, cara!

  17. André diz

    sexta-feira, 15 de maio de 2015
    Vacina Terapêutica mantém carga viral baixa por 2 anos e sem TARV

    A GeneCure Biotechnologies, empresa de biotecnologia que está em estágio clínico para o desenvolvimento de novas vacinas, anunciou em 14/05/15 na 18ª Reunião Anual da Sociedade Americana de Terapia Genética e Celular, em Nova Orleans, Louisiana, EUA, dados positivos em seu estudo para uma vacina terapêutica contra o HIV.

    Denominada HIV GeneCure (HIVAX), o estudo tem por objetivo investigar o potencial de controlar a carga viral em pacientes infectados pelo vírus.

    HIVAX foi testada para identificar o grau de segurança e imunogenicidade em 15 pacientes infectados pelo HIV e que recebem tratamento antirretroviral. Os voluntários foram randomizados para receber placebo ou a vacina.

    Todos tiveram boa tolerância, nenhum efeito adverso grave e a vacina foi altamente imunogênica. Respostas de células T CD8, as quais desempenham um papel crítico para o reconhecimento e morte de células infectadas com HIV, forma robustas e estimuladas em todos os vacinados.

    Após a vacinação, dez pacientes que receberam HIVAX suspenderam o uso de terapia antirretroviral por 12 semanas, a fim de avaliar a sua capacidade de controlar o vírus.

    A carga viral média no final do período de interrupção era significativamente mais baixo nos vacinados do que no grupo de controle. Além disso, três pacientes vacinados HIVAX tiveram prorrogação do período de interrupção da tomada de medicamentos por até 2 anos e ainda mantinham contagem de células CD4 estáveis ​​e baixa carga viral.

    HIVAX mostra grande potencial como uma vacina terapêutica para portadores de HIV e que possibilita a redução dos efeitos adversos associados a medicação.

    Com base nesses dados promissores, GeneCure está atualmente recrutando mais pacientes com HIV para os ensaios clínicos subsequentes.

    Fontes:

    http://globenewswire.com/news-release/2015/05/13/735702/0/en/GeneCu

    http://www.genecure.com/hivax.html

    • HopeAlways diz

      EGC ja havia postado , show de bola, vamos pra frente com tudo !!

    • Sua vida, minha vida! diz

      Olá, Vou contar um pouquinho da minha história, depois de 1 ano de casada meu esposo começou a ficar doente, não teve nada grave, mas emagreceu muito e sofreu de crises de disenteria, após levar ele varias vezes no hospital um médico pediu o exame para hiv, pronto nosso mundo desmoronou, eu só pensava nele, como eu ficaria sem o grande amor da minha vida, só depois de algumas horas me dei conta que se ele estava com hiv eu também estaria, afinal estávamos tentando engravidar, descobrimos em um domingo, passei o domingo olhando pra ele, achei que iria morrer, Meu DEUS!!
      Descobrimos o atendimento no CTA, na segunda eu fiz o meu exame e peguei meu positivo, mesmo assim eu só pensava em nós dois quantos sonhos, hoje estamos em tratamento, ele chegou ficar com cd 4 de 52 e eu de 230, quantidade de vírus dele + de 500 mil cópias o meu 10 mil ,hoje depois de 5 meses de tratamento ele se encontra com cd4 de 160 e eu de 480, o vírus dele caiu para 3.700 e o meu 138, a médica disse que no caso dele, ela achava melhor mudar a medicação pois deveria estar melhor, alguém ai já passou por isso? Eu vejo que os médicos insistem no mesmo remédio, se a carga viral dele de 500 mil já caiu para 3.700 pq mudar? Se alguém puder ajudar eu agradeço!!!

  18. HopeAlways diz

    Pessoal , existe um aplicativo chamado KIK (para os que nao conhecem rsrs), que se assemelha ao whatsapp , nele não ha necessidade de telefone e cada um pode criar o seu apelido como aqui, não havendo obrigatoriedade de inserir qualquer numero de telefone;. Nele podemos criar um grande grupo de bate papo. Tem tanto para android quanto para iphone. o nome é KIK. O que acham da ideia?? Aos que gostarem baixem , se increvam e me adicionem, podemos fazer um grande grupo do blog JS. O meu KIK : HopeAlways6

  19. Guerreiro Azul diz

    Boa tarde gente,

    Há apenas 5 dias que troquei o efavirenz por ritonavir+atazanavir e já estou com a pele e olhos amarelados.

    Tá complicado…
    Alguém tem alguma dica pra essa icterícia?

    • André diz

      Eu faço uso dessa combinação amigo Guerreiro Azul e pra mim está resolvendo beber MUITA água ao longo do dia. E tente fazer alguma prática de exercício: caminhada, corrida, academia, natação… enfim algo que vc goste.

    • FG-PR diz

      Pra mim resolve beber bastante água durante o dia, a bilirrubina que deixa vc amarelado é eliminada pela urina e beber água ajuda a eliminação dela. Com o tempo o efeito diminui e quase nem aparece mais, hoje com 9 meses de tratamento quase não aparece mais os olhos amarelos e quando aparece tomo mais água que o normal é em dois dias desaparece. Atualmente meu nível de Bilirrubina indireta está em 4.11 e mesmo estando 4 vezes o normal não estou amarelo.
      Não desista desta combinação ela é muito boa e além da bilirrubina não causa nem efeito colateral.

      • Guerreiro Azul diz

        Obrigado André e FG-PR,

        Realmente não pretendo desistir deste esquema, ainda não senti nada a não ser um insignificante incômodo no estômago e espero que continue assim.
        Quando tomei o primeiro 3×1 foi horrível e de vez em quando ficava puto com os efeitos, que me perturbavam principalmente durante as noites.

        Este novo esquema está sendo bem tranquilo desde o primeiro dia.
        A minha preocupação está apenas em ficar muito amarelo, com aspecto doentio, pois tenho muita neura em demonstrar isso e detesto quando alguém comenta ou pergunta algo à respeito.

        Já estou tomando bastante água como vocês disseram, o banheiro já fala até meu nome de tanta intimidade kkk.

        Abraços!

        • Brumo diz

          Boa tarde

          Os olhos ficaram muito amarelos? Vou começar essa combinação e tenho medo desse colateral …

          • FG-PR diz

            Brumo quando fui a infecto decidir qual combinação usar ela me explicou sobres as combinações possíveis e seus efeitos a curto e longo prazo, eu nem pestanejei para escolher essa combinação, pensei o seguinte, olhos amarelos eu invento uma desculpa e dou um jeito, mais efeitos como diabetes, níveis altos de colesterol eu não terei desculpa pra inventar. Sei que esteticamente pode ser o problema, mas esse efeito diminui com o tempo e o que me importa hoje é que depois de 9 meses nenhum de meus exames esta alterado, não sinto absolutamente nada como efeito colateral. Se vou ter que tomar esses remédios pro resto da vida, então que seja o menos danoso ao meu corpo.

      • Rick diz

        FG- PR Eu só percebi meus olhos um pouco amarelado depois que li seus comentários, mas vou ao médico essa semana e quero trocar a medicação, pois eu uso o AZT + 3TC, quero usar o Tenofovir + lamivudina, mas a questão é o tempo né? Eu percebi também meu rosto mais fino, as veias das pernas mais evidentes, enfim em 2 anos e 9 meses de TARV…. Porque a gente não deve pensar em 9 meses ou 3 anos de TARV e sim mais anos né? Tipo 5 ou 10 anos e os efeitos colaterais eu acho que é a maior preocupação! Grande abraço!

        • FG-PR diz

          Rick eu troquei recentemente o AZT pelo TDF, porque nunca me senti bem usandono AZT, só não comecei com o TDF porque minha creatinina estava alta, quanto ao efeitos quis dizer que algumas combinações geram alterações em níveis de glicose e colesterol a curto prazo e em mim nada alterou. A longo prazo todos teremos efeitos colaterais, infelizmente isso é inevitável, a não ser que suja alternativas menos tóxicas. Mas eu prefiro viver um momento de cada vez, como dizem por aí “quem morre de véspera é o peru”.

  20. Soropositivo em crise diz

    tudo bom, gente? estou na terceira semana do tres em um. descobri-me infectado pouco antes do carnaval. o problema e que estou sentindo um desanimo e uma depressao intensos, possivelmente em funcao do efavirenz. os infectos que fui me aconselharam trocar caso os sintomas estejam insuportaveis. mas penso que talvez esteja muito no comeco. o que voces tem a me dizer? algum conselho? obrigado.

    • Esses sintomas só começaram depois da medicação? Ou depois da descoberta você passou a se sentir mais desmotivado? É possível que o fato de saber previamente que o efavirenz pode causar depressão talvez tenha influenciado no seu humor -assim como efeito placebo-? Assim que descobri e comecei a medicação passei um período com extrema preguiça e sem disposição pra fazer nada. Minha disposição mesmo só voltou tá com poucos dias. Pode ser algo passageiro, ou você pode discutir com um psiquiatra em experimentar um antidepressivo, acredito que se trocar o efavirenz e continuar sentindo assim, não poderá voltar a usar ele novamente. Felizmente hoje em dia já não olham mais torto para quem diz que usa antidepressivo.

    • GuiPR diz

      Soropositivo em crise, sinto o mesmo que você. Depois que passei a tomar o 3 em 1 passei ter sintomas de depressão, mas acho que o fato de não aceitar a sorologia pode intensificar o sentimento de desmotivação. Antes eu gostava muito de sair por exemplo, hoje saio com meus amigos para tentar levar uma vida normal, porém sempre indisposto. Meu organismo se adaptou muito bem ao 3 em 1 e não pretendo trocar, vou começar a fazer caminhadas ou atividades que voltem a me motivar. Eu sou estudante de uma universidade estadual e com as greves aqui no Paraná fico só em casa, não trabalho também. Pode parecer entediante, mas na fase que estou só tenho vontade de assistir, comer e dormir. Acho que se eu ocupar meu tempo de uma maneira saudável, não terei tempo para ficar pensando em HIV. Boa sorte pra ti, e vamos viver! Não vamos deixar o vírus nos abalar, vamos procurar aprender com essa experiência. Já estou no terceiro mês de TARV. Que Deus nos abençoe! Paz e bem.

      • GuiPR, esta semana eu devo sai do 2×1 + Tenofovir e pegar o 3×1. Até na época dos 4 comprimidos eu digo que o que me deixava apático eram 5 coisas: beber demais no dia anterior, fumar demais, comer pouco, ficar muitas horas sem comer e dormir pouco. Podemos até dizer que isso ocorreria com qualquer soronegativo, só que eu tenho uma desvantagem, meu CD4 saiu de uma zona de risco razoável para moderado agora, então sou um pouco mais lento para me recuperar destas farras e/ou displicências (antigamente eram horas, hoje leva uns dois dias). Bons hábitos e moderação ajudam a nos manter bem.

        Abç

        • Ops, 2×1+ efavirenz… Kkkk
          Eu tomei o EFV mais tarde ontem, e tinha tomado uma breja num churras… Meio brisadinho kkkk

          • GuiPR diz

            Binhomais, pode ser isso. Eu durmo tarde, acordo tarde, como pouco para não engordar, etc. Obrigado pelas dicas, vou procurar a manter hábitos mais saudáveis. Abs.

  21. pequenosilva diz

    Boa tarde,

    Primeiramente HpeAlways6 criei kik e puxei assunto com você.

    E uma dúvida com vcs: sou servidor público e queria voltar para meu estado. Ficar perto da família. Queria saber de vocês se eu mesmo bem de saúde, mas portador de hiv, posso conseguir facilmente uma remoção para meu estado de origem abrindo um processo administrativo para tal ato. Sabem passar legislação, casos que possam me ajudar no eu pleito?

    Meu Nick no kik é,: pequenosilva

  22. Sua vida, minha vida! diz

    Olá, Vou contar um pouquinho da minha história, depois de 1 ano de casada meu esposo começou a ficar doente, não teve nada grave, mas emagreceu muito e sofreu de crises de disenteria, após levar ele varias vezes no hospital um médico pediu o exame para hiv, pronto nosso mundo desmoronou, eu só pensava nele, como eu ficaria sem o grande amor da minha vida, só depois de algumas horas me dei conta que se ele estava com hiv eu também estaria, afinal estávamos tentando engravidar, descobrimos em um domingo, passei o domingo olhando pra ele, achei que iria morrer, Meu DEUS!!
    Descobrimos o atendimento no CTA, na segunda eu fiz o meu exame e peguei meu positivo, mesmo assim eu só pensava em nós dois quantos sonhos, hoje estamos em tratamento, ele chegou ficar com cd 4 de 52 e eu de 230, quantidade de vírus dele + de 500 mil cópias o meu 10 mil ,hoje depois de 5 meses de tratamento ele se encontra com cd4 de 160 e eu de 480, o vírus dele caiu para 3.700 e o meu 138, a médica disse que no caso dele, ela achava melhor mudar a medicação pois deveria estar melhor, alguém ai já passou por isso? Eu vejo que os médicos insistem no mesmo remédio, se a carga viral dele de 500 mil já caiu para 3.700 pq mudar? Se alguém puder ajudar eu agradeço!!!

  23. luquinha diz

    O primeiro ministro do Luxemburgo se casou com um arquiteto , foi este o comentário no canteiro , fui em defesa , como o Brasil e um pais preconceituoso ,pessoas que não intendem nada , e querem julgar , quem somos nós para julgar uma pessoa pela opção sexual dela ,porque estou escrevendo isso ? Por ter sido um noticiário que envolve a construção civil . As pessoas querem envolver religião , uma das passagens mais emocionante da bíblia na minha opinião e Maria Madalena que deu o frasco de perfume para passar no corpo de Jesus , a bíblia diz que ele convivia com pessoas pecadoras e não pecou , ele os amava , Eu tenho um grande amigo que deixou de ser Ateu , quando ele parou e analisou a forma que os 11 discípulos morreram , ou seja todos foram assassinados por não terem negado ao mestre , ele parou e pensou ou esses 11 eram doidos da cabeça ou realmente Jesus e o mestre , Outros amigos meus ate acredita que ele foi profeta mais não messias , eu creio , porque estou dizendo isso , pelo noticiário que marcou esta semana ( Do ministro de Luxemburgo ) ele Jesus o ama
    Todos nós somos pecadores , a começar por mim , eu confesso a vocês que sou apaixonado por prostitutas , é algo muito forte , dentro de mim , não consigo me controlar , e mais forte do que eu , então quem sou eu para julgar alguém ., em que eu sou melhor que os gays , ninguém é melhor que ninguém . Muitos vão pensar , porque este cara esta escrevendo isso no blog , alguém pode ate achar que tenho algum distúrbio psicótico , mais não tenho não , só quero expor a minha opinião .Cada um viva a sua própria vida .Vou dormi estou meio triste hoje na verdade com vontade de , há deixa pra lá

                                   Tenham todos uma semana de paz saúde e realizações .
    
    • pensador diz

      Procure um psicólogo e conte tudo isso..aqui não é lugar para desabafos desconexos com a realidade.

      • luquinha diz

        Pensador , adoro pessoas assim como você , que dita regras , todos os dias ate tentam tumultuar a minha vidinha , falam falam falam que vão parar a obra e que querem minha presença , que vai tirar a minha frente e deixam meus funcionários nervosos , ou seja literalmente tumultuam , mais quando eu chego , muda tudo , mais não e bem assim , vamos conversar desculpas pra lá desculpas pra cá e olha que eu não disse nada só cheguei , sou forte rapaz , mais fala ai o que mais devo fazer ? Depois de procurar um psicólogo fala pra mim fala tic tac tic tac rsrsrsrs

  24. Cara do Bem Sampa diz

    Amigos,
    Completei nesse fds 1 mês tomando o 3×1. Creio que me adaptei bem ao medicamento, pois não tive efeitos colaterais significativos. O que me deixa muito feliz.
    Em junho volto ao infecto e provavelmente farei novos exames, vamos ver como estão os resultados.
    Nesse período de 3 meses de descoberta, creio que acreditar que tudo vai ficar bem e poder contar com vcs em longos papos sobre essa nova forma de viver, me ajudaram muito.
    Obrigado a todos e vamso que vamso
    abraçao

  25. Vicente diz

    Bom dia a todos! Minha conta no KIK é: porto.vicente Caso tenha se formado algum grupo de pessoas aqui do site peço por favor me add.

    Obrigado!

  26. Ricardo - Guarulhos diz

    Caros, na sexta feira tomei a vacina H1N1 e a Pneumo 23, este final de semana quase que morri de tanto efeito colateral que tive. Hoje acordei bem melhor, meio brisado e com uma sensação de cansaço que esta me deixando sonolento demais, diarréia forte e uma falta de apetite que só de lembrar em comida, me dá ânsia… Alguém aqui tomou estas vacinas e teve esta mesma sensação ? É normal esta indisposição toda e estes efeitos ? Confesso que estou um pouco preocupado…

    • Brumo diz

      Eu tomei a gripe tetravalente e a de hepatite a. Somente ficou dolorido no local. Mas nada anormal. Vc tomou a pneumo no posto de saúde ou particular?

  27. Dayana diz

    Oi gente… Ja estou com 15 dias de tratamento,,,
    Apesar do meu noivo me da a maior força, as vezes fico muito triste,,,
    Fico imaginando o quanto tempo vai durar isso , até a cura…
    Ninguém sabe que sou Soro positiva, só ele…
    Fui dizer para uma amiga, que conheci uma pessoa que tem, ela disse:
    Vish! Sentença de morte!
    Eu sei que ela está errada. Que com o tratamento podemos viver até mais de 30 anos, etc…
    Estou ansiosa pra ser indetectável logo, já que minha primeira contagem foi 5 mil cópias, cd4 335 …
    Espero que der tudo certo.
    Não só pra mim, mas pra vcs também…Mesmo sendo forte, as vezes é difícil,

    • Gustavo2015 diz

      podemos viver ate 30 anos? srsrs acho q o certo seria.. “- a expectativa de vida é a mesma q uma pessoa q nao seja positiva… se tratando e com a evolução do tratamento” ( bom pelo menos foi oq me passaram srsrs)

      • HopeAlways diz

        É isso mesmo Gustavo2015 e em alguns casos ate mais que negativos, pelo cuidado e acompanhamento constantes. Fora a evolução dos tratamentos. So tende a melhorar. Mta vida pela frente.

  28. Gustavo2015 diz

    alguém pode me tirar uma duvida…. Eu ja tomo o tarv ha alguns meses, é o mesmos q o 3×1 porem sao separados… de manha eu tomo dois comprimidos de um e um outro azul srsrs e anoite efavirenz…. hj eu peguei o 3×1 e assim q terminar os meus começo a toma-lo…. no inicio me dava muita tonteira hj é bem pouca, quase nada… sera q vai começar tudo de novo? pode me da alergia? pq os separados nao me deram.. Alguem ae q possa me responder? srsrs

    • Ricardo - Guarulhos diz

      Ola Gustavo, pode ficar tranquilo, não vai dar nenhum efeito não. O unico efeito que dá é no inicio do tratamento e por esta fase vc já passou. Aconselho fazer uso deste 3X1 todo dia às 22:00hs.

  29. JovemComDúvida diz

    Ola! preciso de uma ajuda de vcs: minha contagem da carga viral aumentou. Foi assim:
    1º 100.000
    2º 400
    3º 900.

    Poxa axei estranho…fikei triste. A tendencia num seria baixar cada vez mais?

  30. JSP

    Voce ou alguem saberia informar como esta a pesquisa da vacina do Dr Sogaard da Dinamarca

  31. JSP

    Voce ou alguem saberia informar como esta a pesquisa da vacina do Dr Sogaard da Dinamarca.

    • Alexandre diz

      Num deu em nada. O Panobinostat falhou, infelizmente. Servirá tão somente como prova conceito. Mais uma.

      • D_Pr diz

        Alexandre, li algo que fala sobre um estudo Dinamarquês começando em algumas semanas com o imunomodulador MGN 1703? Procede?

        • Alexandre diz

          Mas esse que ele se referiu, do Dr. Sogaard, que inclusive originou aquela capa polêmica da “Super Interessante”, que dizia “Enfim a cura para AIDS”, fracassou. O Panobinostat é muito fraco no quesito inverter a latência do vírus. Pode ser que ele tenha começado outro estudo com outra droga.
          Valeu!

  32. Vicente diz

    Você está em TARV há quanto tempo “JovemcomDuvida” ? O normal quando se toma a medicação é diminuir a CV. No seu caso melhor falar com o seu infectologista pois ele saberá como agir. E não se preocupe existe a genotipagem e outras combinaçoes que podem lhe favorecer. Cuide-se!

    • jJovemComDúvida diz

      2 meses e meio. Fiz varios exames em seguida pq o laboratorio tava com problemas com o resultado do meu cd4, Ai tive q colher varias amostras em pouco tempo e com isso foi repetido o de cv tbm.

  33. Jô + diz

    Olá povo, acompanho há algum tempo as postagens no blog, no entanto nunca havia tomado inciativa de escrever. Considero de extrema importância as informações que aqui são postadas, pois é uma forma de compartilharmos experiências, acerca da condição na qual vivemos. Sempre que estou em situações incômodas, quando a tristeza insiste em aparecer, venho aqui e leio o dia a dia de vocês. Logo, já me sinto revigorado e com a certeza de que um novo dia virá. Espero me fazer mais presente agora, enquanto pessoa que contribui, não somente como leitor. Abraços de luz

  34. HopeAlways diz

    Pessoal o grupo do KIK ja esta bombando … a flor ta sozinha la de mulher, cade vcs meninas? , Para o sque ainda nao sabem ou nao se ligaram existe um aplicativo chamado KIK (para os que nao conhecem rsrs), que se assemelha ao whatsapp , nele não ha necessidade de telefone e cada um pode criar o seu apelido como aqui, não havendo obrigatoriedade de inserir qualquer numero de telefone;. Nele podemos criar um grande grupo de bate papo. Tem tanto para android quanto para iphone. o nome é KIK. Aos que gostarem baixem , se increvam e me adicionem, o grupo ja esta formado. Quem quiser entrar o meu KIK : HopeAlways6

  35. Olem diz

    Meus queridos…

    Por favor, me ajudem a entender: Quando nos tornamos indetectáveis?Com quantas cópias podemos dizer que estamos indetectáveis?

    A outra coisa é: Sei que algumas pessoas ficam indetectáveis no primeiro mês de tratamento. E os que não ficam indetectável no primeiro mês mas tiveram uma queda considerável de CV? O fato de não estar indetectável já quer dizer que a TARV é falha para o organismo? ou em alguns casos leva um pouco mais de tempo mesmo? ALGUÉM PODE me ajudar com essas informações? Luquinha? Binho? Vida? Cara +? EGC? Pequena + o que vocês dizem sobre isso?

    Obrigado!

    • HopeAlways diz

      Olem a pessoa pode ficar indetectavel com ate 6 meses , é normal ser gradativo. Depende de cada um. Tem gente que “zera” mais rapido e gente que leva um pouco mais de tempo. Indetectavel é de 50 copias para baixo. abs

    • Olem, eu levei uns dois meses e meio pra chegar lá. Tem gente que leva um pouquinho mais. Fale com seu infecto e peça uma genotipagem (eu não pedi, estou bem com minha combinação, vai que inventem de trocar e eu enfrente algum efeito colateral…).

    • Oi? Quando seu exame apresenta o resultado “não detectado”. Que pode variar de laboratório a outro, os que usam equipamentos mais modernos tem sensibilidade para até 20 cópias/mL. Pode ser que haja 0 ou 19 cópias/mL, mas no caso esse exame não conseguiria captar menos. O que fiz tem limite mínimo de 40 cópias/mL.

  36. Olem diz

    Hope, Querida…

    Obrigado!

    Eu estava no inicio do tratamento com 19.000 CV e 545 CD4… Cheguei em 600 de CD4 em um mes e fui a 69 cópias. Para mim é motivo de comemoração, mas ouvi de uma pessoa que se naum ficar indetectável no primeiro mês é provavelmente falha terapêutica, vim correndo saber o que vocês sabem disso!

    • HopeAlways diz

      Te disseram errado , vc ta quase la , comemore mesmo. Ta dando super certo. So uma OBS: Sou QUERIDO e vc ja falou comigo no skype moço rsrsr abraços e parabens pelos resultados.

    • FG-PR diz

      Olem fica tranquilo, eu comecei com 29.000 de carga viral, após 4 meses estava com 30 e após 8 meses estou indetectavel. Sobre o valor para considerar indectavel depende do laboratório, no meu caso o limite de detecção é 20 cópias/mL. Sossega que seu tratamento está indo muito bem.

    • Cara+ diz

      Olem…
      varia de organismo para organismo, o que você precisa acompanhar é a evolução da diminuição da cv e se estiver aumentando o cd4, melhor ainda. Pelo o que vc escreveu acima, só tem motivos para comemorar!!! O tratamento será falho, caso sua cv aumente (mesmo em tratamento ininterrupto), ai é motivo de acompanhamento, ou demore muito para baixar, o que não é o seu caso!!!!

  37. Luiz Carlos diz

    Eu estou em TARV com 3×1 há 40 dias. No primeiro exame estava com CD4 de 606 e Carga Viral de 349. Hoje, 40 dias depois, estou indetectável, porém meu CD4 caiu para 522. Estou bem inconformado, feliz por estar indetectável mas bem triste pela queda significativa do CD4.

    Sei que muita gente já deve ter respondido isto várias vezes por aqui, mas devo me preocupar com a queda brusca do CD4? Já estou pensando em 1001 coisas, trocar medicação, etc 😦

    • HopeAlways diz

      Não, nossa hemodinamica é variavel , pode acontecer, apenas acompanhe, deve voltar a subir nos proximos. Indetectavel, comemore ! 😀

  38. Cauã + diz

    Boa Noite

    Pessoal,

    Estou com uma dúvida e gostaria de saber de vcs se alguém já passou por isso e saiba me informar…

    Alguém aqui tomou a vacina H1N1 Quadrivalente na campanha de vacinação deste mês pelo Sistema de Saúde Público?
    Queria tomar aqui em minha cidade, no entanto, queria saber se temos q apresentar algum laudo ou exame q comprove q temos o direito de tomar por ser portador de alguma das doenças a q dá direito de tomar a vacina tipo diabetes, insuficiência renal, Hiv entre outras … ?

    Ou simplesmente é só chegarmos e falar q temos tal doença e eles nos vacinam?

    Queria muito tomar, no entanto, se tiver q comprovar ou falar q tenho Hiv eu prefiro pagar pela vacina a ter q revelar minha condição de soro +

    No Aguardo…

    • Pequena + diz

      Boa noite Cauã

      Tomei minha vacina para gripe a 15 dias atrás no início da campanha, no próprio CTA que me trato.
      Caso seu CTA não esteja dando essa vacina, peça para seu infecto uma guia pedindo a vacina.
      E vá ao posto de saúde para tomar, corra pois a vacinação vai até dia 22 na rede pública.
      Nas clínicas particulares é aplicado sem questionar nada, apenas tem que pagar por ela, aqui no estado onde moro está na faixa de 72 reais.
      Espero ter ajudado.
      Um forte abraço.
      Pequena +

      • Cauã + diz

        Pequena+

        Obrigado pelo retorno
        Acho melhor ter q pagar então, pois minha próxima consulta com Infecto é só em 19 de Junho e meu infecto não é da mesma cidade q resido para me passar o laudo me autorizando a tomar a vacina.

    • Renato diz

      É preciso a receita do médico para tomar a vacina pelo SUS. Se não me engano, somente a trivalente está disponível nos postos.

      Em clínicas particulares, é possível pagar e fazer a tetravalente, sem que te questionem nada.

      Abraço.

  39. luquinha diz

    Gente quase que eu parti foi assim cheguei por volta das 18 horas , como de costume tomei banho foi servido a refeição e fui para o meu quarto , estava bem durante o dia nada senti , estava navegando com uma mulher de João Pessoa , era mais ou menos 20 horas e 20 minutos quando do nada senti uma coisa estranha , sabe quando agente era criança que ficava igual uns retardados rodando rodando rodando com os braços abertos depois parava para ver a terra rodar , do nada essa foi a sensação , parei fechei o ultrabook na hora , e olhei parar bíblia e pensei deu ruim , liguei pro meu medico , ele me pediu para ir ao consultório dele amanhã , flou também que a droga que eu tomo ,pode interferir no fígado , mais isso e só a longo prazo , e que também e sintoma de alteração o sangue , mais não seria meu caso , fiquei quietinho , passou , depois lembrei que tinha uma empresa asfaltando um dos condomínio que visitei , e o cheiro do pinche me incomodou , passou alguns exames ,fiquei assustado na hora mais ele , o medico conseguiu me deixar calmo , rezem por mim

  40. luquinha diz

    Gente será que alguém não tá fazendo macumba pra me matar não ?

  41. M. diz

    Bom dia pessoal, durante o tratamento do 3×1 alguém chegou a sentir sensibilidade na pele? Estou sentindo na lombar e nas virilhas, mas não tem nenhuma vermelhidão. Estou achando estranho… da até uma impressão de “assadura”, mas não é. Esquisito. Recentemente eu fiquei todo empolado por causa de uma reação ao remédio, mas agora minha pele está 100%.

    Não sei se essa sensibilidade pode também ter um fundo emocional.
    Estou passando por um momento muito grande de stress e sobrecarga no trabalho que coincidiu justamente com meu diagnóstico. Infelizmente estou trabalhando muito mais horas do que gostaria em um momento que eu só queria me cuidar. Estou meio frustado com isso 😦

  42. Boa tarde gente!

    Faz uma semana que recebi o diagnóstico de soropositivo, fiquei arrasado, certamente igual a qualquer um que recebe esse resultado. Faz um ano que estou namorando (morando junto) e claro, minha namorada também esta infectada, como fora da relação não tive nenhum comportamento de risco e ela também não, estaríamos infectados a mais ou menos um ano. Varias duvidas, muitos medos. Tirei uns dias de folga do trabalho e essa semana estou tentando voltar a minha vida normal. A enfermeira que nos acompanha me disse hoje que a nossa primeira consulta com a infecto será no dia 116, não seria muito tempo até a consulta? estamos aparentemente bem, estou tomando antibióticos para uma infecção que está melhorando.

    Outra coisa, peguei o resultado do west blot hoje, e em só uma banda deu “AUSENTE”. Isso diz alguma coisa quanto a carga viral?

    • Cara+ diz

      Casal Soropositivo

      cara, fique tranquilo. Geralmente esses primeiros dias entre o reagente dos exames e a consulta médica, fazem a gente imaginar uma série de coisas. Lembro-me, que assim como vc, assim que estava fazendo os exames, descobri esse blog e li algo do MB+ (que participa aqui no blog) dizendo que trabalha em um hospital e que quando vê nos corredores a equipe médica, enfermeiros e todo aparato sendo preparado às pressas, é sinal de que a coisa é grave. Ou seja…

      Isso me acalmou.
      fique calmo, faça os exames que forem solicitados para o médico ter um panorama geral de vcs e principalmente o de cd4 e carga viral, pois este dará uma real situação de como o vírus está agindo dentro de vocês e inclusive, mais ou menos uma idéia de a quanto tempo estão com o vírus.

      o tratamento é tranquilo, assim como o acompanhamento médico tb. A vida segue! Tenha certeza disso!!!! Estamos ai para nos ajudar! Logo, logo estarás aqui relatando que está tudo bem!!!

  43. casal soropositivo diz

    Obrigado Cara+, é muito bom ter relatos de quem já passou por essa fase, por isso quando
    soube do meu diagnóstico, depois de chorar muito com a minha namorada e com nossos pais, corri pra internet ler sobre o assunto e encontrei no blog vários depoimentos de pessoas se tornando indetectáveis, falando que a vida continua e que passado o susto inicial estão bem, isso me tranquilizou um pouco, apesar de estar com bastante medo do tratamento e efeitos colaterais.

    • Sua vida, minha vida! diz

      Olá eu e meu esposo ficamos sabendo em dezembro, quando precisar estamos aqui!!!

      • casal soropositivo diz

        Bom Dia!
        Obrigado Sua vida, minha vida!
        E como vocês estão agora? Sabe, tenho muito medo por ela, ela tão frágil, tenho medo das reações dos medicamentos, no momento ela até parece mais forte que eu, mas sei la, estou tão inseguro.

        • Enquanto há vida, há esperança. diz

          Olá, estamos bem!!
          Vivendo, nos amando cada vez mais, com vários projetos, mas não vou te enganar chorei noites e noites, mas como sempre há um novo amanhã, hoje levanto e penso estou viva, e meu esposo também, isso é o que importa.
          Estamos aproveitando para conhecer alguns lugares, nos curtindo mais, viva o hoje!
          A música de todo soro positivo:

          Como será o amanhã
          Responda quem puder
          O que irá me acontecer
          O meu destino será como Deus quiser.

          Estou cadastrada no app kik: Vida 28 ou Minha vida sua vida

          Um grande abraço!

  44. casal soropositivo diz

    Bom Dia!

    Obrigado Sua vida, minha vida!

    E como vocês estão agora? Sabe, tenho muito medo por ela, ela tão frágil, tenho medo das reações dos medicamentos, no momento ela até parece mais forte que eu, mas sei la, estou tão inseguro.

  45. nayara26 diz

    Oi, gente!
    Meu nome é Nayara e estou me formando no final do ano em Jornalismo na UFSC. Estou produzindo o meu TCC e ele será um livro-reportagem sobre Aids. A proposta é contar quatro histórias de pessoas que, de alguma maneira, interagem com o HIV. Acompanho o blog e acho um trabalho sensacional.

     Uma dessas histórias que pretendo contar é a de um casal sorodiscordante, pois acredito que é um tópico bem interessante e que ainda é tabu para muita gente. Lendo os comentários aqui vi vários casos de pessoas que vivem relacionamentos sorodiscordantes, porém não consigo contactá-las. Gostaria de saber se algum casal aqui teria interesse em participar do projeto e compartilhar sua história.

    Fiquem a vontade para me procurar em caso de qualquer dúvida. Assim, posso explicar melhor a proposta do livro e os detalhes para a realização desse projeto. Meu facebook é Nayara Batschke e meu e-mail é nayara.oliveira23@gmail.com. Eu sei que esse é um assunto delicado para ser tratado, mas também sei que ainda existem muitas barreiras e preconceitos a serem quebrados, por isso preciso da ajuda de vocês.

    Muito obrigada!
    Nayara.

Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s