Notícias
Comentários 125

Súmula nº 78

Nos últimos dias, a Justiça Federal reconheceu que a vulnerabilidade dos portadores de HIV/aids não depende apenas de exames médicos para a concessão de benefícios. Antes disso, a concessão de benefícios, como auxílio-doença, aposentadoria, LOAS, entre outros, solicitada por pessoas que vivem com HIV, era reiteradamente enfrentada pelos Juizados Federais. Para pacificar o entendimento, a TNU (Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais, a qual consiste na reunião de alguns juízes federais, cuja função é uniformizar as decisões dos Juizados Federais) estabeleceu que não basta o exame pericial das condições físicas para negar benefícios às pessoas que vivem com HIV.

No caso das pessoas que vivem com o HIV, mesmo os assintomáticos, “a incapacidade transcende a mera limitação física, e repercute na esfera social do requerente, segregando-o do mercado de trabalho”. Segundo a Juíza Kyu Soon Lee, “nessas condições – em que a doença por si só gera um estigma social –, para a caracterização da incapacidade/deficiência, faz-se necessária a avaliação dos aspectos pessoais, econômicos, sociais e culturais. Por outro lado, importante deixar claro que a doença por si só não acarreta a incapacidade ou deficiência que a Legislação exige para o gozo do benefício.”

Assim, em 11/09/2014, a TNU publicou a Súmula nº 78, a qual afirma que “comprovado que o requerente de benefício é portador do vírus HIV, cabe ao julgador verificar as condições pessoais, sociais, econômicas e culturais, de forma a analisar a incapacidade em sentido amplo, em face da elevada estigmatização social da doença”. Abaixo, segue a notícia publicada pela Justiça Federal.


TNU aprova Súmula nº 78

Publicado pela Justiça Federal em 12/09/2014 às 18:05h

“Comprovado que o requerente de benefício é portador do vírus HIV, cabe ao julgador verificar as condições pessoais, sociais, econômicas e culturais, de forma a analisar a incapacidade em sentido amplo, em face da elevada estigmatização social da doença”. Essa é a redação da Súmula 78, aprovada pela Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais (TNU) na sessão realizada no dia 11 de setembro, em Brasília.

Durante a sessão, a juíza federal Kyu Soon Lee apresentou a proposta de redação da súmula, que foi aprovada por 8 dos 10 membros da TNU. Segundo a magistrada, o assunto vem sendo reiteradamente enfrentado e decidido por unanimidade, no sentido de que, nos casos de portadores de HIV que requerem benefícios por incapacidade, tanto do Regime Geral (auxílio-doença, aposentadoria por invalidez) quanto de Loas, não basta o exame pericial das condições físicas.

No entendimento já pacificado na Turma Nacional, no caso dos portadores do HIV, mesmo os assintomáticos, a incapacidade transcende a mera limitação física, e repercute na esfera social do requerente, segregando-o do mercado de trabalho.  “Nessas situações – em que a doença por si só gera um estigma social –, para a caracterização da incapacidade/deficiência, faz-se necessária a avaliação dos aspectos pessoais, econômicos, sociais e culturais. Por outro lado, importante deixar claro que a doença por si só não acarreta a incapacidade ou deficiência que a Legislação exige para o gozo do benefício”, pontuou Kyu Soon Lee.

Outro ponto destacado pela juíza foi o caráter de complementaridade dessa súmula com relação a de nº 77 (O julgador não é obrigado a analisar as condições pessoais e sociais quando não reconhecer a incapacidade do requerente para a sua atividade habitual). “Pode parecer uma contradição, mas, na verdade, a súmula 78 vem complementar a anterior, posto que, na praxe, a Jurisprudência já considerava que a ausência de incapacidade clínica ou física nos casos de doenças de elevada estigma social não era suficiente para a negativa do benefício previdenciário ou assistencial”, explicou a magistrada.

Caso concreto

O caso concreto, que foi vinculado à súmula 78, trata da situação de um segurado, portador do vírus HIV, que procurou a TNU na tentativa de modificar acórdão da 4ª Turma Recursal do Rio Grande do Sul, o qual manteve, pelos próprios e jurídicos fundamentos, a sentença que julgou improcedente o pedido de concessão de auxílio-doença/aposentadoria por invalidez do requerente.

Os laudos médicos judiciais analisados pelas instâncias ordinárias atestaram a ausência de incapacidade da parte autora para o exercício das atividades habituais, o que poderia ensejar, então, a aplicação da súmula 77 da TNU. Entretanto, o entendimento da juíza Kyu Soon Lee foi diferente. “Entendo que toda doença que possa acarretar grande estigma social, como a aids, a hanseníase, a obesidade mórbida, as doenças de pele graves, e outras, constituem exceção à aplicação da súmula citada, necessitando o magistrado realizar a análise das condições pessoais, sociais, econômicas e culturais do segurado”, considerou a relatora.

Com base nesse entendimento e na Questão de Ordem 20 da TNU, uma vez que a Turma Nacional não atua como órgão revisor recursal, mas sim como Turma pacificadora de teses jurídicas – o que permite a fixação de uma jurisprudência dotada de uniformidade no âmbito nacional –, o processo será devolvido à Turma Recursal de origem para que faça a adequação do julgado, considerando a premissa de direito ora fixada, de que a estigmatização da doença relacionada ao vírus HIV por si só não presume incapacidade laborativa, mas obriga à analise das condições pessoais, sociais, econômicas e culturais do segurado para medir essa incapacidade, constituindo exceção à súmula 77, da TNU.

Pedilef 5003198-07.2012.4.04.7108

Anúncios

125 comentários

  1. Cris diz

    ” a estigmatização da doença relacionada ao vírus HIV por si só não presume incapacidade laborativa”

    Isso ai gente!!! Não deixei de fazer nada, absolutamente nada por estar com esse bichinho ai. Muito pelo contrario, faço muito e melhores coisas agora.
    E isso cada vez mais vem ao nosso encontro contra o preconceito, para mostrar que somos iguais, que produzimos igual, amamos, passeamos, damos risadas. A única coisa que faço diferente de antes, é tomar as ARVs… mas minha irmã toma remédio pra pressão alta, pra tireoide, pra isso, pra aquilo… então…

    E como o Camillo falou… ótimas noticias sempre no

    http://www.somosmaispositivos.blogspot.com.br

    Bjosss

    • Camillo diz

      Aê Cris, você por aqui ehehheh Também partilho da tua opinião, a única coisa que mudou na minha vida foi tomar os benditos arv’s e ter que pegá-los uma vez por mês…. mas… tb conheço vários soronegativos que tomam outros remédios, mais até que eu e em regimes mais complicados. Tb faço muitas e melhores coisas agora, aprendi a demitir amigos que nada me acrescentavam, pelo contrário.. e por aí vai, sem falar que acabo me cuidando melhor. Espero que sirva de “norte” para os recém diagnosticados.

    • Rick diz

      Olá a todos! Eu costumo ler o blog, mas não comento. Tenho 22 anos e descobri ser portador do hiv em agosto de 2013. Foi uma notícia muito forte para mim, mas desde o início tinha certeza que teria sucesso em meu tratamento. Em outubro de 2013 peguei os primeiros exames e meu cd4 estava 182 e a carga viral 54 mil. Iniciei no mesmo dia o tarv e mantenho sem falha até hoje. Com 2 meses a carga já estava indetectável e o cd4 em 400. Hoje, 11 meses depois, continua indetectável e o cd4 500. Tive amplo apoio dentro de casa e vivo normalmente. Estudo, trabalho, malho, tenho vida social. Sou feliz comigo mesmo e aprendi a viver com o hiv. Na verdade ele não tem mais peso nenhum na minha vida. Apenas em ter hábitos melhores como todos deveriam ter. A saúde está ótima e aqui em casa até brincam comigo dizendo que sou mais saudável que todos eles. Espero que todos tenham o mesmo sucesso que tenho enquanto a sonhada cura não chega!

      • MB+ diz

        Rick,

        Parabéns…precisamos de possoas como voce …contando sua historia de vencedor para motivarmos essa galera.

      • ferdin10 diz

        Rick, como é bom ler histórias como a sua, é uma injeção de ânimo, confesso
        É a primeira vez que escrevo aqui, fui diagnosticado em 8/8/14 (pouco mais de um mês), minha carga viral estava em 7 mil copias e meu CD4 159 (o que me deixou triste, pois tecnicamente ja poderia ter uma doença oportunista), levando isto em consideração me deixei levar por as vezes ficar deprimido, tem afetado meu trabalho, relacionar com as pessoas, perdi peso e qualquer coisa que eu sinto já boto culpa no vírus, embora minha infecto disse eu não ter nada (e procurar um psicologo) e seguir adiante com o tratamento…
        Dia 26/09 faz um mês de tratamento com as temidas TARV’s e confesso que estou driblando os efeitos, pois ainda não to “tirando de letra” como boa parte, não vem sendo facil pra mim… minha infecto disse pra eu retornar só daqui a 4 meses, pensei comigo, vai demorar demaaais… rsrss, mas confiando nela e na sua experiencia sigo adiante…

        gostaria imensamente de poder manter contato contigo, trocar (poucas) e boas experiencias como esta é sempre bom…

        • Rick diz

          Ferdin, tenha calma. Esse início é chato e tudo colocamos culpa no vírus. Tudo assusta. Mas se você já iniciou o TARV não tem outro caminho. É só manter que vai dar certo. Também fui diagnosticado em 08/08, mas de 2013 e na época tinha uma mistura de sentimentos. Uma hora eu me acalmava pensando que daria tudo certo e em outra me assustava e não sabia como seria agora depois de um ano. Mas tudo foi se acertando e aqui estou. Quando iniciei o TARV tive alguns efeitos nas 2 primeiras semanas e enfraqueceram nas seguintes. Hoje o máximo que sinto as vezes é uma sonolência por conta do efavirenz algum tempo após tomar, mas nem isso tenho sentido sempre. Eu vi minha médica 2x neste ano: uma em fevereiro e outra agora em setembro. Mas no inicio vi com mais frequência, pois ela queria monitorar o efeito do remédio em mim e o resultado da carga viral indetectável. A partir dai ela disse que não havia mais necessidade de consultas com menos de 6 meses.

        • Renatinho diz

          Ferdin 10
          Olá amigo realmente no inico não é facil eu me trato a 10 meses e tenho 11 que descobri no inico fiquei super triste parei de malhar me afundeii mesmom.
          Com a aceitação meus habitos retornaram eu malho por de mais trampo bastante levo minha vida normalmente e FELIZ.
          O que temos que entender é conviver com o HIV e não nos deixar ABATER como se diz A CADA DIA TEMOS MAIS UMA OPORTUNIDADE DE VIVER…
          E acredito que somos dignos de FELICIDADE
          SKYPE:RENATINHOREISS88

  2. Kel diz

    Vou completar um mês de diagnoticado com a doença, ainda tenho muito medo, insegurança, e dúvidas sobre “como sobreviver” com isso…
    s vezes penso q vou morrer… 😢

    • Camillo diz

      Kel, só morre disso quem não se cuida. E cuidar disso foi mais fácil do que eu pensava que seria, há 8 anos atrás. Minha insegurança durou exato 1 mês, tempo pra eu entender melhor a situação. Torço por vc!

  3. Cris diz

    Camillo meu querido!!

    Eu estou por tudo, acompanhando tudo, cada comentário, cada nova noticia, cada pessoinha nova que chega, cada novo depoimento. rsssssss.
    Nem sempre comento, mas estou sempre atenta.
    Eu também me cuidando cada vez mais. Até acordar as 6:30 da manhã pra ir na academia. hahahahahha… Antes isso não se cogitava na minha vida. Mas estou amannndoo!! Meu dia fica muito melhor depois disso.

    • Camillo diz

      Pois é Cris, e eu com preguiça, só corro às segundas-feiras, pode isso? Sempre aparece algo pra atrapalhar ehehehhe… mas vou me disciplinar de novo, a situação exige eheheheh. Parabéns pelo ânimo de acordar cedo, sei que vale a pena.

      • Camillo, viu o que dá ficar assistindo O Rebu? Dorme tarde, esquece de tomar os remédios, fica com preguiça de ir malhar..rs
        Toda vez que vejo o comercial da telenovela eu me lembro de vc..rs

        • Camillo diz

          Verdade Vida, curti bastante O Rebu. Tratou o espectador como adulto. A versão de 74 vi muito pouco, era muito tarde, mas como essa, tb bombou, foi algo revolucionário pra época.

      • Cris diz

        Oi Vidinha…

        Hahahahaha,
        Fico só observando… rsrsrsrs Gosto de comentar, mas nem sempre consigo.

        Beijinhos guria!!

  4. MB+ diz

    Kel,

    Bem vindo ao site …Bom primeiramente , a resposta a sua duvida “como sobreviver” a resposta é bem simples , voce não vai sobreviver e sim VIVER …Mas VIVER mesmo pode ter certeza disso.
    Quanto a outra duvida vezes “penso que vou morrer” disso voce pode ter certeza…voce vai morrer …alias todos nós um dia vamos…é a unica certeza que temos desde que nacemos…que um dia vamos morrer…Agora se vai morrer de HIV AIDS se voce fizer o tratamento certinho…te garanto que não.
    Executo trabalho para um complexo hospitalar e realizei um estudo dos obtos nestes , da uma olhada :
    Em 24 horas houve 78 obtos sendo:

    28 – Acidente de moto.
    17 – Acidente de carro.
    12 – Infarto.
    07 – Atropelamento.
    06- Relativo a doenças hepaticas.
    01- Parada respiratoria.
    02 – Doenças hepaticas.
    01- Doença renal.
    02 – AVC.
    02 – Outros.

    Veja bem o que mais matou foi acidente com moto …Não houve nenhum obto referente ao HIV…fiz esta pesquisa durante 01 ano e houve somente 03 obtos relacionado a HIV/AIDS nesse periodo e ainda 02 pessoas por que não aderiram ao tratamento e 01 com diagnostico tardio…as mortes ocasionada por moto ainda estavam em primeiro lugar…Agora te faço uma pergunta: sou HIV positivo e ando de moto, No que corro mais risco de morrer? Com certeza não será de AIDS …

    • Mutatis Mutandis diz

      MB+, vc tem o dom de materializar a esperança, de cristalizar a confiança…

      Olha que já me passou pela cabeça que você com esse nick deve ser algum daqueles alienígenas do filme MIB Homens de Preto, KKKKKK…porque acho que desse planeta você não é…se for é uma espécie rara, tecnicamente chamada de homo sapiens otimismus…Valeu demais!

    • Cris diz

      MB+

      Você é ótimoooo!! Já pensou em escrever um livro? Com certeza seria um Best Seller!!

      • MB+ diz

        Mutatis Mutandis e Cris,

        MIB que isso…to mais para o Sméagol dos senhor dos aneis…KKKK.

        Escrever um livro? seria mais para o diario de um banana…kkkkk…

        Deixando a brincadeira de lado, parece facil mais não é , mas as maiorias das pessoas se baseiam no que vivenciam ou vivenciaram e a maioria delas o mais proximo de uma enfermidade que viram foi uma gripe forte, uma pneumonia passageira ou um apendicite …quando se depararam com o HIV logo se assustam parece que ele é muito grande …feio …assustador e não tiro a razão deles.

        Já no meu caso 25 anos dentro do HC já vi muita coisa , muitas enfermidades graves , muito sofrimento , um cancer por exemplo é triste e doloroso , leucemia , doenças hepaticas , outras que nem sei dizer o nome…sem cura e pior sem tratamento.
        Fui a Africa vi pessoas morrerem pela dengue hemorragica, ebola, e o pior FOME, crianças, cara, crianças morrendo de fome.
        Na Europa visitei os campos de concentração nazista onde muitos morreram , de fome ,de doenças , sem agua, sem remedio sem nada …e mesmo sabendo que iriam para as camaras de gaz ainda tinham esperança.
        Isso sim é um monstro …isso sim é sofrimento…ai vem esse tal do HIV e quer me assustar …Oras esse bostinha não chega nem aos pés do verdadeiro sofrimento que vi.

    • Davi diz

      Um pouco ingenuo seu comentario. É proibido por lei colocar como causa da morte AIDS. Gera processo, indenizacoes altas para as familias. Por isso vc nao encontra registro. Mas nao se iluda, pacientes com hiv nao morrem de Aids com frequencia hj em dia, porem morrem de doencas causadas pelos efeitos colaterais dos ARVs, como AVC por conta do Kaletra, doencas renais pelo Tenefovir, linfomas, problemas no figado (todos ARVs alteram as enzimas hepaticas), portanto, Aids, hj em dia, nao mata, mas os os efeitos colaterais cumulativos dos ARVs certamente causam danos serios a saude. Hoje deve-se lutar por ARVs menos prejudiciais, mas o governo nao liga pra isso, ele quer acabar com a epidemia a um baixo custo. Dessa forma, acaba nao investindo em novos remedios, ja que os remedios que existem hj sao baratos e resolvem o problema ao custo de danos a longo prazo na saude dos portadores, mas esse fato eles desconsideram. Viver com hiv nao é legal! Nao tem nada de bom… Use camisinha! Prefira nao ter o virus.

      • D_Pr diz

        Davi

        Consequências que a idade e tempo de vida normal os permitiu sofrer! Concordo, devemos sim lutar por remédios melhores e pensar na forma de auxiliar quem chega no ônibus agora.

        É regra que todos sofrerão essas desordens funcionais? Não e cada dia que passa, existem novas promessas em medicações menos agressoras!

        Prefira não ter o sangue azul, caso o tenha, nem de longe é tão feio como pintado acima!

        • MB+ diz

          Davi,

          Como disse trabalho há 25 anos no HOSPITAL das CLINICAS em SP e sei das estatísticas de quem morreu decorrente a causas de HIV e quem morreu de outras enfermidades e posso te afirmar que há mais pessoas na fila para transplante de rins e figado devido ao longo tempo tomando COCA COLA do que devido aos efeitos colaterais dos ARVS .

        • Davi diz

          Bom, só fiz um alerta aos jovens com objetivo de prevenção. Que pela leitura que fazem de alguns comentarios aqui, devem inferir que é super facil, tranquilo e glamouroso viver com Hiv. Coisa, que definitivamente, não é! Fui mal interpretado, mas compreendo, muitos hivs positivos mal sabem interpretar um exame de hemograma ou ate mesmo pra que serve a relaçao cd4/cd8, por ignorancia e tb por má vontade dos medicos em informar. Mas reitero, os ARVs trazem efeitos colaterais a longo prazo, porem é melhor toma-los e viver mais um pouco (sobrevida, os proprios medicos usam esse termo) do que nao tomar e morrer em poucos dias. O objetivo do meu comentario é fazer que as pessoas se conscientizem sobre prevenção, cobrem novos remedios do governo menos prejudiciais e parem de vender uma imagem fashionista e colorida sobre o hiv. Eu tenho toda o conhecimento pra dizer isso, pois sou positivo ha 5 anos e mesmo com acompanhamento clinico do infecto tive herpes zoster, tuberculose pulmonar e intestinal e neurotoxoplasmose. Tenho 27 anos, classe media, fui considerado SIDA nivel IV, nivel mais alto da escala utilizada na classificacao de aids. Mesmo com acompanhamento clinico, todas essas doenças aparecerem num intervalo de 2 meses, ou seja, se voce ainda acha que o Hiv é bonzinho e inofensivo. Boa sorte! 🙂

          • D_Pr diz

            Davi, essas doenças surgiram após o tratamento ou antes do tratamento? Você mencionou que foram no intervalo de 2 meses, mas já fazia 5 anos que era soropositivo em tratamento?

            • Davi diz

              sim. fazia acompanhamento clinico com infecto, mas segundo ele, eu nao precisava tomar ARVs ainda. Eu estava em tratamento clinico mas nao com ARVs por decisao do medico.

          • MB+ diz

            Davi,

            De forma alguma disse que o HIV é bonzinho ou que as medicações não causam efeitos colaterais a longo prazo.
            O HIV ” MATA” se não for tratado e “TODOS” os medicamentos seja eles antirretrovirais ou não causam algum tipo de efeito maléfico ao nosso organismo.
            Mas talvez você esteja desinformado quando usa o termo “VIVER MAIS UM POUCO” pois já esta comprovado que em tratamento o soropositivo tem a mesma perspectiva de VIDA de um não soro positivo.
            A classe social que as pessoas pertencem não tem nada a ver com o tratamento , pois somos tratados igualmente seja rico ou pobre, né? mesma classe de medico, mesmos medicamentos enfim.
            Outra 05 anos classe 4 positivo e quanto tempo soro interrogativo? pois para se chagar a essa classe 4 de AIDS no minimo seria uma infecção de mais de 8 anos.

            O que quero dizer é:

            Nem todos em tratamento terão algum problema devido aos efeitos colaterais dos ARV’s e se tiverem serão tratados de quando aparecerem e se aparecerem.
            Não temos que saber e nem devemos querer interpretar hemogramas pois para isto temos nossos médicos né?
            Cobrar melhores remédios com menos efeitos colaterais? sim devemos fazer isto, mas de uma maneira organizada e civilizada e não ser um BLACK BLOC do HIV ….revoltados sem maiores motivos….enfim tenho 25 anos dentro de hospitais e vi muita gente morrer de AIDS mas muita mesmo…e hoje graças a estes remédios que não devemos temer e sim agradecer por te los chegamos a um patamar de poder VIVER ….seja mais um pouco como você disse ou por décadas como EU acredito.

            • Davi diz

              Novamente fui mal interpretado. A questao de ser classe media é pelo fato de doenças como Tuberculose, hoje em dia, sao vistas no cotidiano hospitalar em pessoas que vivem em comunidades pobres, presidios e moradores de rua.
              Com relaçao a enteder e saber interpretar os exames, acredito que seja muito importante conhecer a sua doença a fundo e saber com propriedade tudo que ela pode alterar no organismo, isso é um sinal de inteligencia. Mostra que voce não é um fantoche do medico. Eu pelo menos penso assim. Sou muito curioso e vou fundo em tudo na vida. Mas respeito quem se contenta com um apenas um “Ok, voce esta bem” do medico e sai feliz da vida como se só tivesse uma doençazinha. Hoje em dia, o hiv é considerado uma doença cronica DEGENERATIVA, ou seja, com o tempo, ela vai destruindo as nossas celulas, degenerando o organismo, mesmo com tratamento. Isso eu nao inventei, o proprio manual de pericia medica do Inss fala sobre isso. Essa conquista no entendimento da doença foi uma vitoria para os portadores. Pois o Inss baseava-se apenas no numero de CD4 para conceder o auxilio doença, hoje ele analisa todo o contexto social, mental e fisico do paciente. Isso foi uma vitoria conquistada por pessoas que como eu correm atras, lutam e nao se acomodam esperando A Cura!
              Bom, nao vou participar mais desse forum. Nao tenho SAUDE pra isso. Continuem vivendo felizes para sempre? Um dia, quem sabe, a Alice acorda e passa enxergar como o mundo é na real. Boa sorte!

            • Davi diz

              Soro interrogativo? Nao sou promiscuo, tenho plena consciencia do dia em que eu me contaminei. Sei o dia exato. Antes eu tinha dois exames com intervalos de 6 meses cada com resultado NAO REAGENTE. Então, ao contrario de muitos que fingem que nao sabem que sao positivos e saem transmitindo o virus para todos. Eu fui e sou bem consciente, nunca transmiti o virus a ninguem. Logo, comigo nao houve periodo interrogativo como voce sugeriu. Agora, ja que voce levantou essa hipotese, deve ter sido por experiencia propria! O que seria lamentavel!

              • MB+ diz

                Davi.

                Com certeza não , não houve essa experiencia , como disse trabalho no Ministério da Saúde e faço exame completo de 6 em 6 meses como você , e também sei o momento exato dia, hora em que me contaminei , pois foi em um acidente mas isto é uma outra historia.
                Doença degenerativa? sim o HIV causa uma degeneração de nosso organismo a longo prazo , mas com o tratamento a a redução de quantitativo viral em nosso organismo o que também diminui esse efeito degenerativo , ou seja quanto menos vírus menos problemas futuros , você vai a fundo e com certeza sabe disso né?
                Quanto a conhecer nossa doença a fundo os medicos estudam oito , dez anos e as vezes mais para ter conhecimento ” a fundo” e não em consultas ao doutor “GOOGLE” que as teremos.
                Se minha infecto diz que estou bem tenho que acreditar né ? ou vou acreditar em quem ? isto não é ser fantoche é ser consciente.

                Bem ao contrario de você posso dizer que com 06 anos com esse viruzinho intrometido tenho sim saúde pois me cuido , tomo minhas medicações, acredito em meu medico , não fico atras de chifres em cabeça de cavalo…ou seja VIVO.

                Você diz uma coisa e mostra outra pois se fosse fosse a fundo mesmo veria que “herpes zoster, tuberculose pulmonar e intestinal e neuro toxoplasmose” são sintomas de AIDS e não de HIV e para se ter AIDS seu sistema imunológico deverá estar muito debilitado e isto leva um certo tempo né?

                Agora para refletir:

                CERVEJA: causa degeneração de nosso figado a longo prazo.
                CIGARRO: causa degeneração de nosso pulmão a longo prazo.
                DROGAS: podem causar AVC.
                FAST FOOD: causa degeneração ao nosso sistema digestivo a longo prazo.

                Isto é só um comparativo simples.

                Agora os ARV’S podem sim causar uma degeneração a longo prazo , bem pode não quer dizer que vão , mas alguém quer parar de tomar? Fiquem a vontade.

                Sou uma ALICE sim , quem não sonha , uma casa , um amor eterno , um carro , uma viagem e até a cura.

                Agora a realidade é outra , fome , sede , abandono , pobreza , dor , sofrimento e não o HIV pois esse bostinha , bem esse BOSTINHA já esta agonizando com os ARV’S só aguardando o ultimo suspiro que logo logo vira.

                Beijos …o sofrência.

                • Davi diz

                  kkkkkk. Apesar da nossa divergência de opiniao. Acredito que a mensagem final aqui é sobre PREVENÇÃO. Fico triste quando vejo um jovem com 17..18 anos positivo por falta de prevenção e informação. Penso que a galera mais experiente deveria expor as dificuldades de viver com Hiv (mesmo controlado) ou ate mesmo das enormer didiculdades de ser doente de Aids, como eu fui. De maneira mais radical, seria e incisiva com objetivo de alertar… quase que assustando mesmo. Acho que só assim o povo em geral vai temer o contagio e se prevenir. Hoje tá banalizado, o povo pensa que so pq existe controle e tratamento fica tudo certo. Eu procuro sempre dizer que é dificil a vida, existem milhares de efeitos colaterais ( que alguns positivos os ignoram, dando uma falsa sensacao de que tudo é perfeito) e sem falar o estigma social que ainda é bastante forte. Respeito a opiniao de quem acha que é facil, mas nao “comercializem”essa ideia para os jovens. Vida longa a todos nos! Tambem sou um pouco Alice, mas so um pouco. kkkk. Acredito que a cura esta chegando… devagar mais ta. Meu infecto ainda acredita que a minha geracao ainda nao se beneficiara com a cura. Mas so pra reforcar, como eu ja disse a OMS, Inss, Ministerio da Saude considera, atualmente o Hiv uma doença CRONICA-DEGENERATIVA, ou seja, nao somente cronica como por exemplo o diabetes. Estamos no mesmo barco, só pensamos diferentes. Mas nosso destino é unico. A Cura! Beijos.

                • Davi diz

                  complementando sobre as doenças oportunistas que vc citou..herpes zoster..neurotoxo e bk pulmonar e intestinal.. nao leva tempo nao. Cada organismo é unico, uma pessoa pode desenvolver em qualquer estagio… o cd4 é mto variavel, voce pode estar com 700 em um mes.. e no outro mes pode estar abaixo de 200. Meu caso. O Hiv age de milhares de formas, uma resposta imunologica de uma pessoa nao sera igual a da outra pessoa. somos individuos unicos. Eu tb pensava que so poderia ter doencas oportunistas apos uns 10 anos de infecção, mas nao. Meu organismo sofreu bem rapido por conta do virus. Entao, nao acredite em formulas e tempo para desenvolver doencas oportunistas. No meu caso o estresse no trabalho ajudou bastante na queda do meu cd4. Resumindo, nao existe formula. Conheça seu corpo, tenha dominio sobre ele. E respeite o virus, ele nao é um bostinha como vc disse. Mas acredito que meu amigos(ARVs) sao sim mais super poderosos que eles. É como se fosse um desenho animado, o vilao sempre arruma um jeito pra deixar o mocinho arrasado, dai vem o super heroi e nos salva do vilao, temporariamente, mas logo, em breve, o vilao retorna tentando inventar outro modo de atacar o mocinho. kkkkkk

  5. Sozinho com Deus diz

    Kel, também estou com essa sensação, mas é como o MB+ disse, todos iremos um dia. Eu te falo isso tentando colocar isso na minha cabeça também … pq é verdade. Precisamos superar essa doença e lutar pela vida, não nos entregar e ficar mais triste ainda. Não é fácil … mas acredito que Deus tem um propósito pra tudo na nossa vida. Vamos encarar isso como um desafio e com certeza vamos aprender a conviver com isso … leva tempo, mas não podemos viver em função disso.

    MB+, vi seu comentário no outro tópico e obrigado pelo apoio. Você é demais!! 🙂

  6. Chico diz

    Comecei a acompanhar o blog essa semana, hoje tive a confirmação do meu status, sou soropositivo. Está sendo um dia mto difícil, especialmente pq amanhã é meu aniversário! Esse blog me dá um pouco de esperança, espero que um dia eu consiga viver bem comigo mesmo como muitos aqui, obrigado.

    • MB+ diz

      Chico….bem vindo e feliz aniversario…viver bem consigo mesmo um dia…pode parando…a frase certa é. ..viver bem consigo mesmo agora…pare agora e imagine do lado esquerdo ta a tristeza do seu lado direito a felicidade de viver a vida…escolha agora o seu lado…estamos do lado direito te esperando…ok.

  7. MB+ diz

    Gente…

    Vi um comentario de um cientista que disse assim:

    O virus HIV infecta as celulas CD4 …sem as CD4 nosso sistema imunologico fica fraco e pegamos AIDS…A AIDS nos mata.
    Com os ARV’s diminuimos a niveis indetectaves o HIV…sem o HIV em numeros altos nossas celulas CD4 aumentam …com o aumento das celulas CD4 não pegamos AIDS…se não pegamos AIDS não
    morremos…

    Pra pensar né….3 comprimidos e VIDA… ou se preferirem VIDA com 3 comprimidos…

  8. Vida e 7 comprimidros…..
    Em breve Vida e 5 comprimidos…. 😛 E seja como Deus quiser!!!

      • MB+ diz

        Xiiiiiii. ..magoei não tomo nenhum…mas vou resolver isso logo…quer fazer parte do grupo de vencedores também.

    • Cris diz

      Eu sou Cris kkkk

      7 comprimidos e Vidaaaaaaa. (antes eram 3 mas tive que mudar)
      Mas mesmo assim, é VIDA que continua lindaaaaa!

  9. pequeno silva diz

    Resultados de meus exames estão saindo aos poucos. CD4/CD8 não sairam. Mas a CV deu 29.000. É muita coisa, né? !

    Fiquei triste agora. Chegar nesta taxa indetectavel será difícil…

    Será que anos pra conquista-la?

    • MB+ diz

      Kkkkk…29.000 é baixa …tem gente que iniciou com um milhão e em seis meses estavam indetectavel. ..a minha é 33.000.

      • pequeno silva diz

        MB,

        nossa… tu me recuperou a esperança… ufa… rsrs.

        Então fazer consulta de retorno no infecto e começar tratamento.

        Vlws

      • ex ex ex Deprimido diz

        Oi MB+,
        Tenho uma pergunta (aquela que nao quer calar…). Quando eu fui diagnosticado positivo, minha CV veio 78. O que isto quer dizer? Eh 78000? Eu perguntei ao meu infecto, e ele so disse que era otima carga porque era baixissima. Apesar de eu dominar o idioma onde eu moro, eu fiquei preocupado de que nao estavamos nos comunicando bem. Dai eu escrevi para ele. E ele novamente so disse que era baixa e que tudo iria correr bem. De fato, correu, porque um mes depois de tomar o medicamento (Stribil), eu fiquei indetectavel.
        Mas ainda estou com este sentimento de duvida… por favor, voce saberia o que quer dizer o 78 ?
        O CD4 deu 1104
        Eu sei que sou positivo ha pelo menos 7 anos, mas somente em 2014 eu tive coragem de fazer o teste. Por outros motivos eu nunca quis fazer antes de Abril deste ano.
        Obrigado por qualquer esclarecimento.

        • MB+ diz

          ex ex ex Deprimido

          Pera ai deixa ver se Eu entendi

          Você “acha ou tem certeza” que é positivo a sete anos?
          Pois certeza de soropositividade somente após o teste, Né e este foi em 2014.

          Bem quanto a CV 78….se estava escrito 78 é 78…78 , mesmo em outro País 78 é sempre 78.

          CD 4 1104…. Uma contagem normal numa pessoa saudável HIV negativa pode variar entre as 600 e 1200 células CD4/mm3 (se bem que pode ser mais baixo em algumas pessoas).

          Como você falou começou a tomar o Stribild (deve estar na Europa) e já esta indetectável.

          Cara só posso te dizer uma coisa:

          • Com esses parâmetros , mais fácil um raio cair na sua cabeça do que você ter algo relacionado ao HIV (claro se seguir o tratamento certinho ) , desencana destes números viva a vida…Seja feliz…e de novo 78 lá do exame é 78… tá.
          • ex ex ex Deprimido diz

            Oi MB+,
            Obrigado pelas palavras. Eh verdade, 78 eh 78 em qualquer lugar. Eh que eu estava pensando que de alguma forma fosse 78,000 – eu sempre vejo todos falando em xxx.xxx numeros, dai eu pensei que o meu veio impresso de forma abreviada.
            Sim, eu moro no norte da Europa. No frio!
            Quanto a eu saber que sou positivo ha 7 anos, eu concordo contigo que a certeza so vem com um exame, mas nos sabemos quando pisamos fora do campo e chutamos gol contra. Eu sei o que foi errado comigo. A decisao de somente fazer exame agora, foi por motivos familiares.
            Meu medico aqui ja havia pedido para eu fazer o exames alguns anos atras, mas eu sempre prorroguei a decisao de ir la colher o sangue. Somente este ano eh que eu pude fazer.
            O que meu infecto fala eh que talvez eu sempre tive um organismo forte e saudavel, e de alguma forma, eu combatia o virus por mim mesmo. A decisao de tomar o Stribil foi minha mesmo, porque aqui onde estou, eh o paciente que decide se quer tratamento ou nao. Nao importa os niveis de CD4 ou CV. Eh tudo decidido pelo paciente. Claro, tem aconselhamento, mas a palavra final eh do paciente.
            Eu decidi tomar porque pensei que seria facil ficar indetectavel com a CV que eu tinha. E eu tive razao. Meu infecto ficou contente com minha decisao, e ele diz que pelos meus exames eu talvez so tenha que ir a consulta no maximo umas tres ou duas vezes ao ano. A proxima eh em dezembro, mas eh por motivos de seguro saude. Tenho que fechar as consultas do ano, senao ano que vem perco uma….
            Abracos, e obrigado mais uma vez.
            Eu sempre leio o que tu escreves, e me ajuda a pensar e tirar o HIV da minha cabeca. Confesso que a maior parte do tempo eu nem lembro que tenho este virus comigo.
            O que esta dificil eh parar de beber…. 🙂
            Abracos.

            • MB+ diz

              ex ex ex Deprimido,

              KKKKKK, e quem consegue não beber um conhaque ou um whisky nesse frio , conheci a Dinamarca e a Suecia e dei uma rapida passada na Noruega …Cara não volto ai nunca mais.
              Seu caso é meio parecido com o meu , parece que nosso organismo tem uma resistencia maior ao virus né? aqui no Brasil antes não era indicado o inicio com CD4 acima de 500, agora já é , e também a decisão sempre é do paciente em iniciar ou não a TARV.
              Eu sou diferente vivo com o HIV 24 horas …só que falei para ele ficar quietinho pois EU vou destrui lo e não ele a mim.

      • pequeno silva diz

        MB,

        a sua É ou ERA 33.000? Começou o tratamento? Qto tempo?

        • MB+ diz

          Faz um mês que fiz o exame…era 33.000 agora pode ser mais ou menos pois meus exames de CV a 6 anos dão essa media sempre entre 5.000 a 35.000.
          Há ainda não faço uso dos ARV’s …por determinação da minha infecto..

          Olha desencana desses números…O que posso te afirmar é que você esta ótimo e vai iniciar no momento certo seu tratamento…não tenha medo deles eles serão seus amigos e logo , logo estará indetectável.

    • Camillo diz

      Aê Pequeno Silva, minha carga viral foi de 8.400 para 110.000 em 2meses! Aê então comecei a engolir os arv’s. Vai dar tudo certo.

  10. Cris diz

    Se vc pequeno, seguir seu tratamento corretamente, é possível em até 6 meses ficar indetectavel e sadio por muitos e muitos anos….

    • pequeno silva diz

      Cris,

      mt obrigado. Quero logo logo diminuir esya carga viral e seguir a VIVER.

  11. F. diz

    Meus parabéns por todo seu trabalho aqui ni blog tem 2 dias que descobri ser soropositivo com a falta de informação que tinha sobre vários aspectos me desesperei, até pensei em desistir da minha vida, li dezenas de histórias hoje, a dois dias n comia e mau dormia, não pare nunca com esse trabalho, você me fez ver que ha sim vida pois um diagnóstico positivo de HIV. Me devolveu a vontadede lutar pela minha vida. Ainda vou fazer o exame de carga viral. Mas, vai dar tudo certo se Deus quiser… Ja consigo ter fé… Obrigado…

    • Cara + diz

      F.
      cara, tudo se resolve, tenha certeza disso! Você vai ver que é muito mais tranquilo do que vc pensa!!! Fé!!!

      • F. diz

        Vocês não tem noção de como eu era ignorante em relação a este virus, graças a Deus achei o blog e em tão pouco tempo ja aceitei minha nova condição de vida, que pelo jeito quando tudo se instabilizar esterei mais saudavel do que sempre fui! Rs. Devido a má alimentação e uma vida sedentaria, estou indo neste momento marar meus exames de carga viral e me matricular na academia! 😉 Que Deus nos abençoe sempre…

        • Cara + diz

          Isso ai F.
          agindo assim, vc já pulou uma etapa muito desgastante que é o fato de aceitar sua nova condição. Tem gente que leva meses, até anos e ficam sofrendo por algo que não tem o porque. Criam “monstros” onde não existem e ai, tudo tende a ficar mais dificil.

          Vc vai ver, fazendo as coisas direitinho, é tudo muito tranquilo. Fé!

  12. morena diz

    oi eu tbm to na lista.preciso conhecer o blog de vcs por favor mande pra mim.sou soropositivo.

  13. Alex diz

    Amigos,

    Acompanho o blogue desde que me tornei soropostivo e tem sido uma grande ajuda poder contar com os comentários tão… hum… positivos (hohoho) de vocês.

    Ainda não comecei a tomar os remédios porque minha vida agora anda muito complicada para estabelecer uma rotina – e uma vez que se começa com o tratamento, não se pode mais parar.

    A pergunta que queria fazer a vocês é de ordem bem prática: a gente precisa mesmo ir pra farmácia pegar os remédios todos os meses para pegar os comprimidos? Não dá para pegar, sei lá, para mais tempo? E se eu sair de férias? Já aconteceu de vocês precisarem se ausentar por um mês ou mais? Neste caso, como fizeram?

    Gostaria de ouvir as experiências de vocês neste sentido. Uma vez mais, acho este espaço e vocês todos ótimos. Me sinto muito mais apoiado e seguro lendo os comentários de todos aqui.

    Um abraço
    ALEX

    • Camillo diz

      Alex, vc recebe receita para 1 mês. Quando entrar em férias, avise o seu médico antes e ele então te dá uma receita para 2 meses.

    • Tony diz

      Faz 1 ano e meio que uso os medicamentos. Você pode pegar os remédios para 2 meses. Acho que em casos excepcionais (viagem) para 3 meses. Não sei se funciona para todo o território, mas aqui na minha cidade a enfermeira me disse que se eu não quiser ir pessoalmente pegá-los, posso pedir para alguém ir buscar para mim. O problema é que nunca achei ninguém, rs. Assim, a cada 2 meses lá vai eu ao CTA morrendo de medo de ver algum conhecido. Eu sempre ligo antes e peço para a moça deixar os remédios prontos para mim a fim de agilizar e levo a requisição do médico já assinada por mim. Espero ter ajudado !!!

  14. Ricardo Azevedo diz

    Alex, você pode deixar alguém de confiança para tirar seus remédios caso precise se ausentar, depois se for o caso, receba via Sedex 10, tem tb alguns consultórios (particulares) que disponibiliza esta retirada para os pacientes. Em relação as duvidas que li, digo que estou em tratamento há um mês e é só alegria, a fase do medo passou e posso afirmar que a maioria dos sintomas que sentimos são frutos de nossa imaginação, encarar as coisas de frente, sem neuras ainda é o melhor caminho. Apresentei este site no CTA aqui em Guarulhos, a equipe de lá está encantada e já tenho conhecimento que estão indicando para os novos diagnosticados, pois a minha experiência que tive em relação a este espaço quando cheguei por aqui em Julho foi super positiva, estava angustiado demais e pude ter contato com pessoas ímpares como MB+, Vida e outros colegas que só souberam me encher de esperança e alegria, hoje, o pouco que posso fazer é agir da mesma maneira a fim de “ACOLHER” quem está chegando. Abraçao para todos

    • Cara + diz

      Ricardo Azevedo

      faço das suas palavras, as minhas. Principalmente no que diz respeito aos “monstros” que criamos antes de começar o tratamento. Está sendo tudo muito tranquilo e entrar aqui no site, ler o que as pessoas tem a dizer, trocar idéias, só ajudam a melhorar a a auto estima.

      A questão central é: manter a cabeça boa, o cérebro manda tudo. Se for tomar os remédios já pensando que fará mal, será um forte candidato a sofrer efeitos colaterais. O negócio é desencanar e vir aqui trocar e ver essa vida toda acontecendo!

      Essa ajuda mútua faz muito bem! só nos engrandece!!!!

  15. Bela diz

    ex ex ex Deprimido

    Quero muito falar com você!
    Eu li aqui no site que você está fora do país.
    Eu quero muito fazer uma viagem mas depois do diagnóstico fiquei meio perdida.
    Ainda mais depois que descobri que alguns países restringem a entrada de soro +.
    Se quiser conversar sobre esse assunto comigo me mande seu email.

  16. Rapaz diz

    Boa tarde a todos… Mudando um pouco de assunto… Estou ha 10 dias com a combinação de tarv lamivudina, tenofovir e efavirenz, somente hoje apareceram um monte de pintas vermelhas pelo corpo… Será normal este efeito colateral ou terei que trocar de tarv..???
    alguém passou por isso?

    • MB+ diz

      Rapaz.

      Essas pintas são um resultado alergico ante os ARV’s é extremamente normal 85% das pessoas que iniciam o tratamento tende a ter essas pintinhas mas após algum tempo seu organismo reconhece a medicação e a alergia some.
      Um anti alergico tende a amenizar e até resolver essa situação.

      AGORA : Se esta alergia vir acompanhada de febre constante acima de 38°C , deve se procurar um medico para uma melhor avaliação.

      • Rapaz diz

        Obrigado MB+.
        Não tenho febre não… Graças a Deus! Apenas essas manchas pelo corpo inteiro =(.
        Amanhã irei no posto, a medica quer ver…

    • Recente diz

      Olá. Comecei essa combinação há 2 dias. No primeiro dia apareceram as manchas vermelhas no braço e mão, mas sumiram no mesmo dia. Sonhos vívidos: exaustivo no primeiro dia e amenos no segundo. Veremos hoje no terceiro dia, rsrs. O que ainda me preocupa é essa sensação de “embriaguez”. Será que ficarei assim por muito tempo?

      • MB+ diz

        Como as manchas e os sonhos o estado de embriaguez também vai diminuindo com o tempo…até não sentir mais.

      • Rapaz diz

        Minha médica receitou antialergicos e ja ta sumindo tudo…
        Esse tem sido o UNICO efeito colateral que tenho, mto provável causado pelo Efavirenz, segundo a médica.
        Nem a tonturinha eu sinto mais…. =)
        Acho q tudo passa msm…

  17. Tati diz

    Eu passei por isso… 3 dias seguidos, apareciam e sumiam em torno de meia hora, liguei para o infecto me pediu para ir ao consultório para ele ver, mas nem deu tempo e já sumiram, me passou um anti alergico caso aparecessem novamente, mas graças a Deus não mais… 😉

  18. pequeno silva diz

    Boa tarde galera,

    Uma dúvida: surgiram manchas no seu rosto? Se surgiram depois elas desapareceram? Estas manchas levatam suspeitas. Hoje disseram que é hiv que eu tenho…

    • Não fiquei ligado em tudo que as pessoas falam.
      Vc vai superar essa barra!!!
      Se eu tirar cravos meu rosto fica manchado, por exemplo . Algumas pessoas falam demais .
      E detalhe: quando estamos vivendo algum problema tudo nos faz lembrar dele : o jornal fala do hiv , seus amigos mostram testes negativos no whats, as musicas falam de hiv.
      Respire fundo e diga: eu to vivo e vou vencer!
      Isso eh até bom para lembrarmos que temos lutar sempre

      • pequeno silva diz

        Edu30,

        Mas é porque ela é esposa de médico e disse: esta mancha não tem erro ou é hiv ou figado/rins.

        E se alguém puder ainda responder minha dúvida sobre as manchas eu ficaria grato…

        • MB+ diz

          pequeno silva,

          Como voce não faz uso dos ARV’s ainda esta descartada uma alergia medicamentosa, também pela sua CV 29.000 seu sistema imunologico não deve estar comprometido a ponto de ser uma co-infecção então provavelmente voce esta passando pela fase aguda do HIV

          Chamamos de infecção aguda pelo HIV o quadro viral que surge geralmente entre 2 a 4 semanas após o paciente ter sido contaminado pelo vírus. O sinal mais comum é a febre, porém o rash também é frequente.

          Rash do HIV: Manchas vermelhas na pele que ocorrem 48 a 72h após o início da febre e costumam durar entre 5 e 8 dias. Este rash costuma se apresentar como lesões arredondadas, menores que 1 cm, avermelhadas, com discreto relevo e distribuídas pelo corpo, principalmente no tórax, pescoço e face. Também podem acometer solas dos pés e palmas das mãos.

          O quadro de infecção aguda pode durar até duas semanas, depois desaparece e o HIV fica silenciosamente alojado no corpo por muito anos. Após a fase aguda, a carga viral cai e se estabiliza em níveis baixos.

          Mas como voce estara iniciando com os ARV’s os sintomas relacionado com HIV param por ai…né?

          Quanto a essa mulher que levantou essa suspeita de que voce esta com HIV pergunta pra ela se ela tem HIV pois conhece muito bem os sintomas e emenda um …Nunca vi alergia a nozes ser sintomas de HIV…sai andando e deixa falar….

          • pequeno silva diz

            MB,

            eu tb peguei sífilis e estou no tratamento. Serão 6 aplicações de penicilina bezetacil de 1.200.000 cada uma por três semanas. Segunda feira fiz as duas primeiras primeira e segunda feira dia 22/9 aplicação de mais 2.

            estou com manchas vermelhas nas mãos e solas dos pés que desde a última segunda feira diminuem e cicatrizam após a aplicação.

            Qdo vc falou fase aguda do hiv gelei na hora… pensei que tava em fase terminal…. ufa!!!

            o que vc me diz agora? Volto ao medico segunda feira dia 29/9 após todos os exames feitos.

          • pequeno silva diz

            MB,

            Gostei da alergia a nozes kkkkkkk

            mas esta mancha eu mesmo quando a vi imaginei ser hiv. Por que falam de manchas no rosto que ele ocasiona…

            seria bom se sumisse pra não levantar suspeitas.

            bem que creio que no meu trabalho todos saberão que tenho hiv pq eu estou fazendo exames usando o plano de saúde de meu trabalho, sou servidor público federal, e as guias de exames que assino me enrregarao. Fazer o que né? ! Importante é me tratar e viver a minha vida. O que os outros e seus preconceitos pensam não me darão saúde.

            Abracos MB.

            • MB+ diz

              Viu como as pessoas se enganam…essas machas são sintomas da sifilis e não do hiv.
              Quanto ao plano de saúde relaxa é confidencial ninguém pode saber…caso vaze …vixe o processo é bravo.

              • pequeno silva diz

                MB,

                o plano de saúde quem manuseia as guias são servidores e terceirizados, creio que vazará informações. Mas se vazar então posso acionar a justiça né? ! Humm…

                As manchas dos pés e mãos eu sei que são das sífilis. Mas e as manchas no rosto? !….

                Eita como sou chato… desculpa ae MB. Marinheiro de primeiras semanas apanha… rsrs

                obrigado pela paciência e ajuda!!!

                • MB+ diz

                  pequeno silva

                  Nada fica a vontado…sim a divugação do estado sorologico de qualquer pessoa é expressamente proibida sendo crime tanto na esfera civil como criminal.
                  Quanto as manchas no rosto as da sifilis são diferentes as do HIV na fase aguda.
                  Mas provavelmente são relacionadas entre si…para ser mais claro voce esta sentindo os sintomas da sifilis na faze aguda do HIV.

                  Mas relaxa isso vai passar logo logo.

                • Camillo diz

                  Pequeno Silva, eu tive dermatite seborreica, manchas avermelhadas no rosto por causa da baixa imunidade, CD4 em 220. Com o tratamento elas sumiram.

                  • Cara + diz

                    Camillo

                    tb tive dermatite seborreica próximo ao nariz. Manchas vermelhas que iam e voltavam. Em 2 dias de tratamento, já sumiram!!!

                    • Cara + diz

                      Ahhh e só para deixar claro: dermatite seborréica, assim como herpes, tem haver com imunidade baixa.

                      A imunidade baixa pode ser ocasionada por vários outros fatores que nada tem haver com HIV.

                      Louca essa mulher apontar e dizer que é HIV!!!

                • Secret diz

                  Little Silva,

                  O Sr. está fazendo tratamento para sífilis, certo?

                  Tomou a bela bezentacil na bundinha… então, o senhor deve estar com a Reação de Jarisch-Herxheimer.

                  Leia e veja se não é seu caso! Não é pqe você descobriu o HIV agora que você vai morrer amanhã! Isso é falta de conhecimento em relação ao vírus.

                  Busque se informar mais!

                  • pequeno silva diz

                    Secret,

                    obrigado pelas informações. Em relação ao vírus eu já sei que terei vida normal, vida que segue. O temor era mais desta mancha não sumir…

                    valeu pela dica e vou ler a respeito da reação supra citada.

                    obrigado MB tb pelas palavras de alivio.

                    • Pequeno td bem? Cara tb sou servidor público federal e lá no meu órgão servidores também tem acesso direto às guias de exames. Por isso, evitei me expor e não estou utilizando o plano para exames espicificos, peço para o médico fazer uma guia em separado com exames de cv e cd4 e faço particular. É um custo extra, mas meu órgão é muito pequeno e apesar do sigilo médicos tenho muito medos comentarios.
                      Tb tenho manchas e como o colega falou ai em cima, no meu caso tb EH dermatite, na face e nas costas, a das costas sumiram, porém a da face persiste mesmo depois de 8 meses de tratamento. Só que meu cd4 ainda está por volta de 200, minha esperança que EH sumam com o tempo.

          • Cara + diz

            MB+
            cara, fico admirado com suas respostas, vc já vem com a faca e o queijo na mão!!!! e o melhor, sempre disposto a ajudar!!! sempre prestativo!!!

            sou fã!

  19. Pequena + diz

    Boa noite a todos!!!
    Faz algum tempo que leio este blog.
    Hoje me deu vontade de escrever 😉
    Descobri ser soropositiva no início de maio através da doação de sangue, pensei que meu mundo ia acabar,que a minha morte seria imediata…rs..
    Quanta bobeira…rs…
    E como eu era tão preconceituosa!
    Li muito,me informei,conversei bastante com o pessoal do Centro de Referência onde faço meu acompanhamento.
    Eles acabaram se tornando meus amigos.
    Minha saúde está ótima.Não tenho necessidade de tomar nenhum medicamento.
    Percebi que o fato de estarmos vivos é um presente divino que não podemos desperdiçar.
    Nada como um dia atras do outro.
    Viver é bom D +

    • MB+ diz

      Bem vinda pequena+…mais uma para o clube dos otimista e o número só vai crescendo…qualquer coisa tamos aqui.

      • Pequena + diz

        Bom dia MB+ 😉
        Temos mais coisas para celebrar do que deixar o negativismo tomar conta da gente.
        Fiquei apavoradíssima quando descobri, hoje já digeri tudo isso…rs…
        E vamos deixando a vida nos levar, sem deixar de fazer as coisas que amo, trabalhar, estudar, ir ao teatro, um bom cinema,um bom vinho, viajar, buscar meu equilíbrio com meu euzinho interior ❤
        Ah namorar, isso ainda dei um tempinho apesar de gostar muito 🙂
        Tudo tem sua hora.
        Espero fazer bons amigos aqui 😉
        Umá ótima quinta pra vc MB+

    • MB+ diz

      Pequena +

      Já tava com raiva de voce…querendo roubar minha sexta….kkkk.
      É isso ai …como diz a musica….MUDARAM AS ESTAÇÕES MAIS NADA MUDOU…nada mudou mesmo…Ah acho que sou meio louco…eu namoro mais hoje do que antes.

      • pequeno silva diz

        Muito bem MB,

        muito bo.m sua alegria que contagia!!!

        namorar não penso, pq ainda não me vejo contando pra alguém ainda que sou positivo.

        viva feliz sempre MB. Suas msgs me faz feliz!!!

        Abraços e bom fds!!!

        • MB+ diz

          Pequenino…

          Não precisa contar…e sim usar camisinha…Rsrs…quando tiver certeza do AMOR ai pode se abrir pois o AMOR é o unico remedio que cura tudo.

  20. Pequena + diz

    Fica com raiva de mim não…rs…
    Sou da paz ❤
    Ah, pra mim falta mesmo um pouco de tempo…kkkkkkkk

    • MB+ diz

      AH ….Tempo isso voce tem …tem a VIDA TODA…e olha que ela vai ser longa.

  21. exterior diz

    Oi a todos, bom eu descobrir ser soropositivo a uma semana fiz o primero examen “Eliza” e saio positivo entao tive q contar pro meu namorado q eu tinha o virus , no começo ele se assustou ficou con medo, todo aquele “drama,” porem ele fez os examens dele q saio negativo fez 3 veses en 3 lugares diferentes. entoa o laboratorio aonde eu fiz meu primero examene me ligo y disse q precisava conversar, fui ate eles y me contaram, que irrian enviar as amostras pra fazerem un segundo examem mas aprimorado qual o nome nao sei, o resultado saio ontem , e saio como soro positivo, bom pra min foi um choque porem um alivio al mesmo tempo, pq eu tenho mas sei q meu namorado nao tem, tive q contar pra ele o resultado, pra minha surpresa ele esta do meu lado, disse que vamos tentar a relação ate aonde conseguirmos, porem ainda to muito confunso sobre isso, muitas besteiras veem a minha cabeça, ainda nao fui no medico, porem o laboratorio me indicou un doutor q tambem tem o virus e trabalha nessa causas sociais, pra min ir ate ele, gostaria de conseguir contatos q ja pasaram isso, pra q possam me ajudar a entender e tirar duvidas sobre isso. OBG a todos!

  22. Pequena + diz

    Olá MB+
    Esse tempo a qual vc se refere sei que vou ter de sobra 😉
    O outro tempo é que me falta…rs..
    Faço muitas coisas ao mesmo tempo, levo uma vida normal me ocupando e aproveitando cada segundo desse bem precioso que é a VIDA ❤
    Já era assim antes do diagnóstico e vou continuar assim até ficar velhinha de bengala…rs…
    Já me falaram que tenho rodinhas nos pés…hehehe
    Boa noite 🙂

  23. daniel diz

    Pessoal. que bom acordar e ver aki , que todos estao otimistas, tento ficar tambem, ,espero sempre que voces estejam aqui postando novidades, contando algo da vida, e passando esse otimismo para todos, obrigado , daniel

  24. Mateus diz

    Ola
    Qndo descobri ter HIV foi pelo sintoma da Sífilis. Antes de ter as manchas na pele eu me sentia muito cansado e indisposto, meio desanimado.
    Me lembro que antes de tudo desenrolar tive o sintoma da fase aguda. Durante a noite do nada me deu uma febre forte daquelas de molhar a cama. Acordei pela manha estava bem, somente senti uma leve dor de cabeça que passou em 30 minutos .
    Na noite seguinte aconteceu a mesma coisa, e pela manha tive a dor de cabeça e ânsia de vomito.
    Passou o tempo veio as manchas vermelha na pele em formato de bolinhas. Me sentia muito cansado no fim da tarde, trabalhar já estava difícil.
    Quando acordei um dia pela manha e tive a dor de cabeça novamente muito forte( tipo aquelas de ressaca) e vomitei estando em jejum pois não tinha tomado café ainda.
    Resumindo…
    Fui ao medico, descobri ter sífilis. Tomei 2 injeção de penicilina.
    Pedi a ele também todos os exames de DST e HIV.
    Qndo fui pegar os exames o de HIV não estava pronto e demorou um pouco mais. Eu já tinha tomado as 2 injeções e estava bem.
    No dia 18 de dezembro sai do trabalho e falei…vou passar no laboratório para pegar o exame de HIV . E assim fiz.
    Me identifiquei e a moca imprimiu na hora o exame, colocou em um envelope meio as pressas lacrou e me deu.
    Fui para o carro, e como sempre eu mesmo vejo tudo antes de levar ao medico. Tive um frio no estomago quando vi reagente fiquei sem chão.
    Voltei ao medico que me mandou procurar um infectologista no CTA.
    Descobri que, quem tem sífilis e HIV tem que fazer o exame de liquor ( tirar um liquido da coluna) . Fiz o exame e descobri ter neurosifilis assintomático . Fiquei internado 14 dias tomando penicilina cristalina na veia de 4 em 4 horas.
    Depois da sífilis tratada comecei o tratamento para HIV. Minha carga viral era de 59,000 e CD4 780. Comecei dia 1 de marco de 2014.
    Hoje estou indetectável.
    Mudei alguns hábitos pra melhor e sempre tive uam saúde de ferro, o negocio e se cuidar.
    bj a todos

    • pequeno silva diz

      Mateus,

      muito bom o seu post. Eu tive a sífilis e hiv juntos.

      Tive mesmos sintomas. Eu criei umas manchas no rosto. Você teve isso? Sumiram?

      eu não fiz este teste da coluna, liquor.

      tomei 2 injeções de pinicilina de 1.200.000 cada uma. Ainda faltam 4 injecoes de 1.200.000

      Nossaaa… sua recuperação de sífilis foi punk hein?! Creio está com sífilis desde junho. E vc, tem ideia de qdo tempo da infecção até o tratamento?

      Sejamos fortes e VIVER A VIDA. Sua vida continua normal?

      • mateus diz

        Veja bem, Minnha infcto seguiu um protocolo. TODOS que tem hiv e pegam sífilis tem que fazer o exame de liquor.Todos meus amigos que pegaram sífilis e hiv fizeram também os mesmos exames que eu.
        Minha recuperação foi super fácil. como disse tenho uma saúde de ferro. A única parte chata foi ficar internado no hospital 14 dias.
        Não tive manchas no rosto , somente no tórax mesmo e barriga…cheguei a achar que era alergia pois trabalho em meio a plantas e matas.
        Minha vida continua MELHOR. Viajo sempre que posso, pratico academia 4 x na semana, e ando de bike quando da. Nada se muda na vida.. a não ser a hora de tomar os remédios.

  25. Sempre leio todos os comentários aqui e me impressiono como a maioria tiverem na época da descoberta sintomas especificos que levaram a crer que algo de muito errado estava acontecendo. Fico impressionado e muitas vezes assustado a perceber que eu nunca tive nada a não ser casos de gripe que demoraram a curar e como eu fumava atribuía esse sintoma ao uso do cigarro. E tb de dermatites que os médicos diziam que eram stress. Quando descobri, estava com cd4 em 64, e extremamente vulnerável a pegar uma doença, e não sentia NADA, levava a vida normal, balada, trabalho e academia. Isso de certa forma assusta, saber que naquela época, a qualquer momento, poderia ter sido internado e descobrir o vírus da maior forma possível. Hoje meu cd4 está em 204 e ainda sinto um pouco de insegurança, queria ver esse número subindo mais. :/

    • pequeno silva diz

      Mike,

      eu até agosto não sentia nada. E nem imaginava ter o hiv. Eu comecei a perder peso e mal estar vindo da sífilis. Aí resolvi fazer todos os exames e imaginava ter apenas sífilis. Descobri ter hiv.

      se fosse só o hiv acho que teria passado por sua situação.

      Agora estou cuidando da sífilis e começarei tratamento após mostrar pra o infecto os resultados dos exames.

      Fico feliz por vc continuar seus treinos de academia, assim me dá força e segurança pra voltar aos meus treinos.

  26. Francisca Miranda diz

    olá só para da mais força contrair o vírus HIV em 1991 hoje estou com ele há 23 anos tenho 50 anos…faço o tratamento me converti a Jesus Cristo, sou missionaria, oro muito e estou muito bem, morte? nem pensar… só no tempo determinado por Deus luto pela minha sobrevivência até Jesus me visitar para me curar se for da vontade D’le como foi com a mulher do fluxo de sangue. que quando Ele passou ela disse ;se pelo menos eu tocar na sua veste ficarei curada….Marcos 5-25 a 34.

    Ore tenha muita fé viva com muito amor e agradeça sempre a Deus por tudo, não é o fim, pode ser um principio de algo que Deus quer tratar com você, confesse seus pecados de se culpar porque aconteceu isto com você ou peça perdão a Deus por que Ele deixou que acontecesse isto com você?

    estude, trabalhe e tenha um bom e saudável relacionamento, segredo? sim faz parte das nossas vidas, para evitar palavras desagradáveis e depressão ou stress, mantenha o segredo, pois nem tudo que parece é, amigos só em Jesus Cristo…
    um abraço e força Jesus te ama e quer prolongar e salvar suas vidas. um abraço. Francisca

  27. Bruno diz

    Bom dia a todos. Sou soro positivo, descobri a doença a 8 meses, durante esse período já venho me tratando. Moro em uma cidade Pequena, cerca de 40 mil habitantes, sou formado em Ciências contábeis. Aonde faço meu tratamento fica cerca de 300 km, no qual a doutora me solicitou que durante esse período tenho que me descolocar 1 vez ao mês, para me consultar e receber os remédios, tenho uma pequena ajuda da SECRETARIA DE SAÚDE DO MEU MUNICÍPIO (TFD). E vem se tornando rotineiro para mim, sobre as viagens as vezes tenho que tomar dinheiro emprestado, pois na data solicitada para a secretaria de saúde do meu Município, o secretario não deposita o dinheiro para as despesas. O preconceito aqui é muito grande, vivo com isso até dentro de minha casa. Exemplo: minha escova de dente fica separada dos meus pais e irmãos. 😦 Conforme as informações da TNU, concordo em algumas teses, sobre a questão social e cultural e etc… Pois até momento nunca se quer consegui entrego. Trabalho no momento como um secretario de um escritório de advocacia de um amigo. Mais tem dias que falta ao trabalho, pois venho tendo crises, não durmo bem a noite, sinto ânsia de vomito, fraquezas e etc. Com a decisão da TNU, o portador do vírus HIV, mesmo não apresentando incapacidade laborativa, tem o direito da concessão do beneficio olhando para esses critérios : aspectos pessoais, econômicos, sociais e culturais?

    Dei entrada em um auxilio doença, no qual fui negado pelo medico perito que nem se quer olhou os documentos apresentados. Passei 3 minutos na sala de pericia.

    Eu sofro com isso: escoliose lombar,HIV,Osteoporose. E por conta da doença HIV, me sinto pouco depressivo.

    Me ajuda com informações o que posso fazer para ter meus direito.

    Por tudo que tens feito,e tudo que vai fazer por mim,pela esperança viva, que nunca se adia
    e que explode dentro de mim, Deus seja louvado,e hoje eu posso agradecer o que fz por mim.

    Grato

  28. Edison SIlva diz

    Descobri ser soropositvo em conjunto do uma sifilis, tratei da sifilis e consultei o medico sobre o HIV e o doutor me passsou uma bateria de exames os quais fiz e estavam todos normais a carga estava em13470 e o CD4 740 o medico me mandou voltar em seis meses, nesse interim mudei de cidade e resolvi fazer uma consulta nesta cidade apresentei todos exames feitos e o medico que consultou disse ser melhor começar o tratamento imediato e estou no segundo vidro do 3×1 sinto muito sono e antes do segundo mes de tratamento tive rash pelo corpo todo muita coceira e febre baixa 36.7 em media e sinto calor do torax pra cima mais sempre que medi não passava de 37º e mais ou menos 15 dias depois estou com rash de novo que começou nas pernas e subiu aos poucos até os braços porem fraco nas parte superior estou tomando anti alergico e hidratando bastante, porem este rash vermelhidão me deixa apavorado fico num de estado nervos com vontade chorar mas sei que não resolve nada, me sinto muito só e tenho medo disto. Mas a questão e porque tive o rash de novo se tomo o medicamento religiosamente alguem ja passou por isto vou ter que conviver com isto, a vida em inteira a vermelhidão e coceira vai e volta, alguém ja passou por isto, estou esperando a consulta com o médico para avaliação, mas alguem pode me orientar fico perdidinho, seria normal isto com frequencia? Por favor me ajuda, beijos no coração.

Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s