Notícias
Comentários 170

Novos anticorpos e vacinas


Um time de cientistas do NIH descobriu um anticorpo contra o HIV que se liga a um novo alvo no vírus

Uma equipe de cientistas liderada pelo NIH  descobriu uma nova vulnerabilidade na armadura do HIV, a qual uma vacina, outro regime ou tratamento preventivo poderia explorar. O local fica entre duas proteínas, gp41 e gp120, que se projetam para fora do vírus, aumentando o número de lugares conhecidos onde anticorpos amplamente neutralizantes (bNAbs) se ligam ao HIV. Este novo local recentemente identificado no vírus é onde um novo anticorpo encontrado pelos cientistas em uma pessoa infectada pelo HIV liga-se ao vírus. Chamado 35O22, o anticorpo é extremamente potente: impediu 62% das cepas conhecidas de HIV de infectar as células em laboratório, o que quer dizer que mesmo uma quantidade relativamente pequena foi capaz de neutralizar o vírus.

Em seguida, os cientistas descobriram que anticorpos semelhantes ao 35O22 são comuns em um grupo de pessoas infectadas pelo HIV, cujo sangue continha anticorpos que neutralizaram potencialmente uma ampla gama de cepas de HIV. Segundo os pesquisadores, isso sugere que pode ser mais fácil para uma vacina provocar o corpo a produzir o 35O22 do que alguns outros bNAbs conhecidos, que são menos comuns.

Uma vez que o 35O22 se liga apenas à partes da superfície do vírus que aparecem naturalmente no HIV, os cientistas acreditam que uma vacina que induza os anticorpos 35O22 precisaria imitar a forma natural do vírus, tanto quanto possível. Isso exigiria uma abordagem diferente do que a utilizada em muitas vacinas anteriores e experimentais contra o HIV, que incluíram apenas a partes superfície do vírus, em vez de uma estrutura que se parece com todo o vírus.

Além disso, relatam os pesquisadores, as cepas de HIV que 35O22 neutraliza complementa as cepas neutralizadas por outros bNAbs. Isto sugere que a indução combinanda do 35O22 com alguns outros bNAbs em uma vacina, PrEP ou tratamento poderia neutralizar a grande maioria das cepas de HIV encontradas em todo o mundo, de acordo com os cientistas.

ARTIGO:
J Huang et al. Broad and potent HIV-1 neutralization by a human antibody that binds the gp41-120 interface. Nature DOI: 10.1038/nature13601 (2014).
QUEM:
Anthony S. Fauci, M.D., director of the National Institute of Allergy and Infectious Diseases, part of NIH, is available for comment. Mark Connors, M.D., chief of the HIV-Specific Immunity Section of the NIAID Laboratory of Immunoregulation and the principal investigator of the study, also is available for interviews.


Cientistas recebem US$ 25 milhões para vacina que pode prevenir e curar o HIV

A Oregon Health & Science University (OSHU) recebeu uma doação de US$ 25 milhões da Fundação Bill & Melinda Gates para a pesquisa de vacinas contra o HIV, de acordo com uma declaração da OSHU. A vacina que está sendo pesquisada na OSHU, por uma equipe liderada pelo Dr. Louis Picker, pode, eventualmente, tanto prevenir a infecção pelo HIV como curar as pessoas infectadas pelo vírus.

Em 2013, a equipe da OSHU publicou seus resultados na revista Nature, os quais foram considerados um avanço potencial na pesquisa de vacinas contra o HIV. Eles criaram uma vacina por engenharia do citomegalovírus (CMV), que é um vírus comum encontrado na maioria dos seres humanos e primatas, para fazer expressar proteínas de vírus da imunodeficiência símia (SIV).

Após a vacinação de 16 macacos rhesus, os cientistas, em seguida, infectaram eles com uma forma altamente agressiva de SIV, que é o primo do HIV que pode causar a aids nos primatas. Nove dos macacos eliminaram o vírus. A vacina conseguiu produzir uma resposta imunológica sustentada a partir de células-T de memória eficaz, ou células CD8, que matam as células infectadas pelo SIV.

A doação de Gates vai ajudar a financiar a Fase I dos estudos clínicos para testar a segurança de uma versão de um protótipo humano da vacina em seres humanos. A doação também irá ajudar a financiar o desenvolvimento de uma versão otimizada da vacina para testes de eficácia em escala maior. Esta doação é focada principalmente na prevenção, mas a mesma tecnologia será aplicada para a cura.


Anúncios

170 comentários

  1. Diogo diz

    Acho incrível a força de vontade e principalmente as doações que são feitas para a causa do HIV. Espero que logo possamos deixar esse terrível prognóstico de ‘doença sem cura’ para um possível e provável presente de cura e imunização.

  2. Tati diz

    Fico tão animada quando leio essas coisas, sinto que esse pesadelo está perto de chegar ao final… 🙂

  3. Binho diz

    Notícias assim renovam nossa esperança. Eu estou diagnosticado há menos de três meses e fico imaginando a galera que está há 5, 10, 20, 30 anos convivendo lado a lado com o HIV. Como o sonho dessas pessoas com relação à cura deve ser.

    Por ora, eu imagino que ainda não estejamos tãããão perto como gostaríamos. Mas, fico feliz por ver que, independente dos boatos, existem pessoas procurando, sim, a solução.

  4. Digo diz

    Mudando de assunto: alguém aqui já teve a experiência do vírus ter desenvolvido resistência aos medicamentos?
    Até hoje nunca ouvi um relato assim e fico imaginando quão comum ou raro é essa situação. Estou há 4 anos e meio no mesmo esquema.

    • Binho diz

      Digo, pelo que tenho lido em vários sites (aqui, no Prazer Alexandre, ou outros) as pessoas têm sofrido trocas, sim, mas não só por resistência do vírus, como por efeitos colaterais. Agora, quantificar isso não sei se é possível.

      Pelo que vi os relatos, a galera fica uns anos no mesmo esquema, mas depois acaba tendo que mudar um ou outro… E andei lendo reportagem de pessoas que num prazo muito curto trocaram várias vezes, pq a carga viral e o CD4 não se alteravam…

      Estou há 20 dias no esquema “inicial” (efa+teno+lami) e torcendo muito para ficar nele por um bom tempo, pq andei lendo que é um dos que menos dão efeitos colaterais né.

      Bom, vamos aguardar a resposta da galera, pra ver se alguém pode dar umas dicas também.

      • MB+ diz

        Digo,

        O Binho tem razão no que falou…antigamente os esquemas eram muito toxicos e agressivos o que fazia os portadores ter uma má adesão ao tratamento resultando em resistencia viral no prazo de 1 a 2 anos.
        Lembro que as medicações eram bazeadas somente no AZT mas hoje com a evolução dos ARV’s é realizada a tomada de 3 medicações sendo sempre 02 de familias diferente o que dificulta a mutação do virus que causava a resistencia, e mesmo que esta venha a acontecer é realizada a troca de apenas 01 destes medicamentos corrigindo a resistencia e tornando o individuo indetectavel novamente.
        A adesão ao ARV esta se tornando cada vez mais efetiva , pois as medicações já não causam tantos efeitos colaterais a curto e longo prazo, e com a chegada das novas classes medicamentosas a adesão sera ainda maior com probabilidades de resistencia menor.

        • Felix diz

          Gente, fiquei sabendo há apenas 4 dias que sou soropositivo.

          Gostaria de saber sobre a lipodistria. E muito rápido que começamos a perder gordura, facial e pelo corpo, devido ao uso do antirretrovirais?
          Obrigado

          • MB+ diz

            Felix,

            não vamos ficar pensando em lipodistrofia agora NÉ ? Hoje em dia os medicamentos são menos tóxicos e o índice de pessoas que desenvolvem a lipodistrofia baixo e isso demora , caso venha a acontecer seu infecto lhe dirá no momento certo a causa e as medidas que serão tomadas para correção.

            Desencana destas coisas …pois só Peru morre de vespera …né?

      • Edu30 diz

        Eu comecei no dia 20 de agosto esse esquema e vc?
        Binho vc eh o engenheiro que faz teatro?
        Tenho que anotar o nome de vcs em um caderno para saber quem eh quem . Sou do Nordeste . Já disponibilizei meu email para contato e quem sabe fazermos um grupo de whats . edbyington30@gmail.com

        Abraços a todos

        • Binho diz

          Sou eu mesmo, Edu30. Estou meio perdido tbm nos comentários rsrsrs. Abração!

          • Edu30 diz

            Eu ainda to me acostumando com as respostas no email . Abraços binho

    • Camillo diz

      Digo, utilizo a mesma combinação (Efavirenz + Biovir) há 8 anos. De acordo com meu médico, não é fácil o vírus criar resistência, desde que você utilize sua tarv corretamente.

    • Camillo diz

      Digo, utilizo a mesma combinação há 8 anos, Efavirenz + Biovir. De acordo com meu médico, não é tão fácil assim o vírus criar resistência aos arv’s, desde que você os utilize corretamente.

      • Renatinho diz

        Camilo
        Vc usa ARV a 8 anos como é com o tempo eu tenho 11 meses de diagnosticado e tenho um monte de duvida pois assim os medicos diz q viveremos normal mas tenho uma gama de duvidas q os medicos não podem sanar só podem ser respondidas por alguém q vive a mesma situação que eu me add no skype: renatinhoreiss88
        Abraços

  5. Cara bh diz

    Oi Digo, qual esquema vc usa?? Com esses anos sentiu alguma coisa anormal no corpo?? Eu estou a 1 mes usando e com muito medo.. E nao conversei com ninguem com mais de 6 meses de uso..
    Abraco

    • MB+ diz

      Cara bh,

      Sabe porque voce nunca conversou com ninguem a mais de 6 meses em TARV , não…não morreram , o problema é que estão vivos e vivendo e vivendo tão bem suas vidas que simplesmente somem…se tornam pessoas comuns …voce as ve no onibus,metro na rua , nos bares em todos os lugares e não consegue identificar quem são …daqui a 1 ou 2 anos estará assim também uma pessoa comum no meio da mutidão.

    • Digo diz

      Cara bh, uso o Efa + lamivudina/zidovudina. Às vezes sinto um pouco de tontura depois do Efa, o que tem atrapalhado um pouco minha vida social. Também notei emagrecimento nas pernas, colesterol e triglicérides subiram um pouco, mas tem muito a ver com falta de atividade física também.
      Camilo, Binho e MB+, pelo que acompanho, parece que o povo acaba trocando os medicamentos por causa de efeitos colaterais que por causa das mutações – pelo menos em um grupo de pessoas mais esclarecidas. É apenas uma impressão, por isso fiz a pergunta.

  6. MB+ diz

    Se…
    É incrível o que acontece quando estas duas letras do alfabeto acham de se juntar formando a o danado do se… Que bagunça ela faz na nossa cabeça.
    Mas já prestaram atenção ela sempre aparece ou no passado ou no futuro nunca no presente né?
    Se eu tivesse feito aquilo… Se eu tivesse tomado aquela atitude… Se eu não tivesse comido aquela comida… Se eu não tivesse bebido… Se eu… Se eu…
    Ou
    Vou à praia… E se chover.
    Vou fazer faculdade… E se o curso não for bom.
    Vou pedir aquela garota em namoro… E se ela não aceitar.
    Quanto se né?
    Então por causa destas duas letras perdemos nossa vida ou lamentando o passado ou com medo do futuro, mas isso tem que acabar, pois não podemos mudar o passado e muito menos enxergar o futuro, vivemos sim no presente e como disse essas duas letras juntas não se enquadram no presente então vamos esquecer-nos dela né?

    • Mutatis Mutandis diz

      MB+, homem de Deus, que otimismo, hein?! Fantástico seu posicionamento! Esse blog precisa de pessoas como você. Nos dias em que somos levados para pensarmos em coisas ruins, é bom ler o que vc escreve.

      Quanto à cura, ahhh! a cura! Ela virá, os avanços são inquestionáveis, nós seres humanos é que temos uma propensão tremenda para o negativismo (às vezes sob a roupagem de um tal “realismo”).

      Vi inúmeros comentários negativos sobre a pílula única….hoje, a depender do esquema que fora adotado, ela já é praticamente uma realidade.

      As pessoas não percebem que tudo isso que se tem hoje (remédios em menor quantidade diária que antes, em menor toxicidade que antes, efeitos colaterais bem menores que antes) foi sonho um dia, aliás em um passado não muito distante de hoje. Mas nós fechamos os olhos nessa nossa pressa desvairada, que quer tudo ao mesmo tempo agora, aliás, se analisarmos bem, foi essa mesma pressa que nos botou nessa onda de HIV. Será que vale a pena continuar com esse comportamento de querer tudo na hora que eu desejo?!

      Prefiro dar tempo ao tempo, tem gente muito preparada, nos melhores centros do mundo, trabalhando pela minha causa. Vou viver bem até eles encontrarem, agradecendo sempre o esforço dessa gente pela minha saúde. Deus segue no comando!

      • Alex diz

        Que bacana o teu ponto de vista! Acho que esse vírus acaba sendo uma maneira de repensarmos certas atitudes e comportamentos diante da vida – e seguir vivendo melhor do que antes. Comigo tem sido assim.

        Abraço
        A.

    • Renatinho diz

      Mb+
      Otimismo é tudo quando eu descobri fiquei super desanimado cheguei a desistir da academia artes marciais, com o tempo fui entendendo que podemos viver sim e conviver com este virus LOGICO que a minha vida mudou bem mas hoje contiuno malhando e não é pouco fazendo antes marciais to super forte e grande .
      Temos q pensar no hoje e sim principalmente entender q vivemos com um virus e que necessita ser CONTROLADO e que somos pessoas normais e MERECEMOS TODA A FELICIDADE DO MUNDO SOMOS TÃO DIGNOS QUANTO QUALQUER UM

      • Edu30 diz

        Qual a sua idade? Estou q procura de um esporte que goste… Vc acha possível a pessoa ficar malhadao?
        Ou definido?
        Aguardo resposta . Abraços

        • Renatinho diz

          Edu30

          Eu tenho 28 sou grande malhado e trincadãoooo.
          Bom eu treino+natação +artes marciais
          No começo eu fiquei super deprimido mas agora cara a unica coisa que quero é VIVER quem olha pra mim nunca DIRÁ que tenho HIV ..
          A unica coisa q nos impede sabe o que é NOS MESMO, se eu falar q não tenho duvidas é mentira pois tenho varias e principalmente com a minha formação, mas o importante é focarmos em NOS MESMO e na nossa FELICIDADE E VOU TE DIZER UMA COISA eu to GATÃO E TO CADA VEZ MAIS FELIZ
          me add renatinhoreiss88

          • MB+ diz

            Kkkkkk….pega leve com o tay…alias acho que vou começar a malhar também. ..rsrs…

            • Renatinho diz

              MB+
              pegar leve com o TAY ??????
              Na boa amigo ser SORO+ não é fácil isso é verdade, a maioria das pessoas q estão no BLOG quer ler e entender que existe VIDA PÓS HIV ai me vem uma pessoa e nos chama de ILUDIDO, na boa olha o pais q vivemos as religiões a SOCIEDADE e não aceito q ALGUÉM VENHA TIRAR A ESPERANÇA NÃO SÓ MINHA COMO DE TODOS ..
              Temos o direito de falar o que queremos e logo iremos ouvir o que NÃO QUEREMOS
              NINGUÉM NO MUNDO TEM O DIREITO DE ARRANCAR A ESPERANÇA DO OUTRO
              Se está descontente (tem varias pontes aiiiii) é o que acho

              • MB+ diz

                Renatinho.

                Voce tem razão no que fala, pois também fico bem P…quando aparece alguem que vem nos desanimar, mas temos que dar um desconto né? as vezes as pessoas estão sobrecarregadas e muitas vezes depressivas e falam coisas sem pensar, né?

          • Olá Renato, obrigado pela resposta. Espero trocar dicas contigo. Este eh seu skype?
            Vou fazer um para mim e assim que tiver feito te adiciono. Por enquanto, utilizo o email mesmo

            edbyington30@gmail.com
            Quero malhar e ficar com um corpo legal.
            Abraços

          • pequeno silva diz

            Renatinho, tudo bem?!

            Eu sou malhado e tb me preocupei com estética, pode parecer tolice, mas sabemos que temos este pensamento. Vi seu email mas renatinho vc não passou o domínio do seu email rsrs

            • Pequeno Silva,
              Gostaria de conversar contigo sobre academia e exercício físico . Abraços
              Edu

              • pequeno silva diz

                Edu30,

                eu passei 4 semanaa sem academia. Eu peguei sifilis tb e fiquei fraco. Voltei aos treinos na última quinta feira. Eu diminui os pesos e aumrmtei a resistência nos exercícios fisicos.

                quiser me passar seu email conversamos mrlhor.

          • marco diz

            To 40 dias tomando minha medicação..nao lembro os nomes agora….mas sao 3 remedios ….no começo fiquei mal pensando no meu corpo..nos efeitos colaterais tb…mas agora jah to melhor….como sempre fiz atividades fisicas, meu medico disse que os efeitos serao minimos….assim espero…farei um exame dia 04 novembro pra saber como esta minha carga viral…eu nao vejo a hora de ficar indetectavel logo..vc sabe qto tempo demorar pra isso??vou tentar te add no skype broder…

  7. anonimomaranho8 diz

    A impressåo que tenho é que a qualquer momento vao anunciar a cura!

  8. anonimomaranho8 diz

    A impressao q tenho é a qualquer momento anunciarao a descoberta da cura!

      • menina diz

        camilo voce usa face? se sim tem o da Li? se tiver me add no facebook..ela tem o meu. beijao

      • Eufrasia diz

        Pessoal, preciso que me orientem um infecto em São Paulo, sou africana e pretendo ir a São Paulo fazer a minha primeira consulta. Pfv indiquem -me clínicas boas.
        Força, amei o blogue.

        • MB+ diz

          Eufrasia,

          De que lugar da africa voce é ?
          Olha no brasil é oferecido na rede publica tudo que uma pessoa portadora do virus precisa (infecto, psicologo, nutricionista, dentista ,etc) e pricipalmente os medicamentos, em São Paulo há varios lugares onde voce pode se tratar com algumas siglas CTA -centro de testagem e acompanhamento, SAE – serviço atendimento especializado entre outros.
          Clinicas existem varias particulares que oferencem estes serviços (mas é paga) mas mesmo que opte por elas , as medicações só é fornecida pela rede publica.
          Para poder indicar um local para voce preciso saber aonde voce ficara em São Paulo (cidade, bairro) só assim posso te indicar.

          • Eufrasia diz

            MB+

            Antes de mais agradeço pela atenção, vivo em Angola e pretendo ficar no parque dos jardins, não tenho certeza do nome da área mas é mais ou este.
            Não tenho problemas em pagar as consultas, desde que sejam bons profissionais.
            Estou mesmo aflita e sem ninguém para desabafar.

  9. Pequena diz

    Oi pessoal adoro esse blog cada vez que leio fico mais confiante em relação ao futuro. Essa semana não me sinto muito bem tenho muita dor no corpo e cansaço. Será que é normal ou será que minha imunidade está baixa? Digo uma coisa pra você Mb você é maravilhoso com as palavras, obrigada por me ajudar. Beijos a todos e muita força sempre.

    • MB+ diz

      Pequena,

      Pelo que voce falou faz somente 1 mes que voce se descobriu soro positiva pois segundo seu relato o 1° exame deu negativo , com base nisto voce “pode” veja bem “pode” estar passando pelo processo de soroconversão e neste periodo algumas pessoas tem sintomas parecido com uma forte gripe…pois seu corpo esta lutando contra o virus…Mais isso somente o seu INFECTO pode lhe dizer com absoluta certeza …pois somente ELE esta apto para lhe dar um diagnostico concluso.

      E seu marido está melhor?

      • Pequena diz

        Essa semana ele está tão bem agora ele nem sente mais os efeitos ruim dos remédios ele disse que é como se ele não tivesse nada, me disse isso hoje basta não pensar para não abalar o emocional porque o físico está cada dia melhor. Quanto a mim minha primeira consulta ainda é só dia 16 me resta esperar. Fico lendo os depoimentos e penso quanta gente né, todos com tantas dúvidas. Obrigada por tudo.

  10. Tay diz

    O povo iludido isso ai vai demorar anos até lá já estaremos mortos, e talvez possa acontecer daqui muuuuitos anos caso nenhum outro aviao ”caia” notem que ultimamente não se ve mais noticias sobre possivel cura do HIV por ai devido não ter quase mais esperanças, ou seja só nos resta nos conformarmos com essa merda.

    • MB+ diz

      Tay,

      Demorar anos? sim concordo com voce 2 ,5 10 sei lá , vai demorar um pouquinho sim , mais ela vira.
      Mortos? taves pois poderemos morrer a qualquer momento , atropelados, uma bala perdida, um acidente automobilistico pois isso acontece a qualquer momento e com qualquer pessoa né?
      Ilusão? sim somos um povo iludido, iludido com a politica, com o trabalho, com os estudos , com nossas relações amorosas , coisa de gente normal , não é mesmo?
      Na TV não se passa noticias de uma cura para o HIV , do cancer, da hepatite, da diabetes, do lupus e o pior nem da gripe . não é mesmo?
      Sim devemos nos conformar …conformar com a vida e viver esta,pois como voce mesmo disse é uma merda…isso mesmo o HIV é uma merda e não será um merdinha que nos fara deixar de viver a vida com tudo de bom ou ruim que ela nos tras.

      • Pequena diz

        É isso aí Mb+ sábias palavras não importa quem verá a cura talvez não seja nois mas tenho filhos e quero ter netos e espero que na era deles isso seja um vírus insignificante.

        • MB+ diz

          Que bom…agora a tendência é só melhorar …o psicologico também aos poucos vai melhorando ainda mais tendo uma pessoa como voce ao lado…sorte para voces amigos. ..sim amigos pois pessa como voce da prazer em chamar de amigo.

    • Renatinho diz

      Tay
      Sim povo iludido sim alias somos sempre iludidos afinal olhe a tua volta se é que vc consegue enxergar .
      Concordo com vc que HIV é uma merda agora imagina quem tem cancer e que o tratamento é bem incerto e more muito mais rapido que morreremos sim isso é FATO CONSUMADO pois pra morrer BASTA ESTAR VIVO .
      Agora entenda uma coisa na época do Cazuza nem imaginavam medicamentos q nos fiz pude-sem controlar o virus e não nos destruir tão rapido e olha o TARV hoje ..
      Não sei se vc tem HIV mas o que menos precizamos é pessoas q nos JOGUEM PRA BAIXO a sociedade já faz ISSO por si SÓ .
      Se não termos esperanças iremos acabar como VARIOS que ouvimos falar e vemos exemplos (TAY) com um pessimo animo e se achando a PIOR PESSOA DO MUNDO
      Eu acredito sim na CURA posso não estar vivo para VIVENCIAR mas uma coisa eu digo pra vc e para todos::
      SOMOS DIGNOS E MERECEDOR DA FELICIDADE MESMO QUE A CURA NÃO VENHA……..

      • MB+ diz

        Renatinho ,

        LI seu comentario ao lado de oito infectos aqui do hospital, todos mandaram te parabenizar por esse seu pensamento otimista e te mandam um recado o dia desse bostinha HIV esta contado …E sim provavelmente voce vera a cura com vida.

        • Renatinho diz

          MB+
          Amigo não posso vivenciar a CURA MAS UMA COISA EU TENHO CERTEZA COMIGO É ASSIM ISSO NÃO ME DERRUBA , sabe eu sempre me cuidei nunca na minha vida transei sem camisinha com um desconhecido e em descuido fui INFECTADO olha fiquei triste TIVE QUE FAZER REDUÇÃO DE DANOS .
          Cara ja fazem 11 meses hoje to malhado bonito e falo uma coisa estas pessoas q me chamam de iludido por esperar e confiar na cura são tão triste e se escondem atras do anonimado da INTERNET pra mostrar o que realmente são sem FÉ E SEM ESPERANÇA

  11. Paulo Rodrigues diz

    Estou há oito anos com a mesma combinação, Efavirenz com Lamivudina+Zidovudina, me dou super bem, tirando alguns efeitos que tenho quando os tomo de estomago vazio, sao bem tranquilos. E acho que a cura ainda demora um pouco, apesar disso nao devemos perder as esperanças

  12. cavalcante feitosa diz

    Caro JS

    Esse blog é no mínimo “confortador”, mas meu problema é sei “postar” um comentário mas não sei como ver comentários “sobre” esse meu comentário, entende? Inclusive já vi comentários comentários que responde a outros (como uma espécie de bate papo). Como posso chegar a esse nível de interação com todos?

    abraço

  13. pequeno silva diz

    Eu que vou daqui a pouco no infectologista pela primeira vez quero coisas otimistas. Preciso disso. Começar esta difícil nova etapa. Não sei o que me espera… medo de sintomas de aids surgirem logo. Sonho a carga viral indetectavel… isso é difícil de conseguir e manter?

      • pequeno silva diz

        Cavalcante Feitosa, obrigado pelo apoio. Fui no infectologista e digo que foi uma ótima consulta. Tirou muitas duvidas. Disse que terei uma vida normal como qq outra pessoa, só fazer tratamento corretamente que terei uma vida tranquila. Pode parecer besteira estas palavras mas para quem vai ter a primeira consulta e não sabia do que possa acontecer e um mundo novo, estas palavras de um médico lhe dão força e determinação para começar a batalha. Farei amanhã novos exames mais detalhados e dps do resultado começar com coquetel. Fiquei com medo, mas ele tranquilizou dos efeitos colaterais e se persistirem trocamos a medicação. Desculpa o longo texto, mas voltei pra casa aliviado. Sabendo o que vem mais a frente. Falei a ele até que tinha desistido de planis pro futuro e ele disse: viva a sua vida normalmente, vc viverá tanto qto quem não tem o hiv. Nossa, um alivio psicológico grande e necessário para mim. Abraços

        • Binho diz

          pequeno silva, não tenha dúvidas: nossos médicos são as melhores pessoas para nos ajudar. Eles têm nosso histórico e poderão tirar nossas dúvidas com mais clareza.

          Também tenho medo dos efeitos colaterais, não vou negar. Mas, resolvi fazer como faço com avião: eu morro de medo, mas quando preciso viajar, entro nele, aperto o braço da poltrona e vamos que vamos rsrs. Ou seja, a gente só precisa enfrentar.

          Neste início não está sendo muito fácil, porque une muita coisa: a descoberta da sorologia, o medo dos efeitos, as dúvidas do amanhã… mas tudo isso é nossa mente lutando contra nós. Temos de ser mais fortes.

          E que bom que poderá contar com tua irmã. Sem dúvida fará toda a diferença.

          Abração! E muita força a todos nós. 🙂

        • Pequena diz

          Pequeno silva que bom que seu médico interage com você o meu é muito fechado, mas tenho apoio maravilhoso dos psicólogos de lá quando alguém fala abertamente com a gente ficamos mais fortes.

          • pequeno silva diz

            Pequena,

            Omeu médico foi muito bom, esclarecedor, estimulador. Isso dá força e determinação. Fé em Deus tudo dará certo pra todos nós. ,

        • cavalcante feitosa diz

          pequeno silva

          essas suas “descobertas” após a consulta foram de alívio pra vc e de alívio para mim que ainda não recebi “nem” o resultado do último exame que fiz. Vou confiar nas palavras do seu médico ok, muito obrigado e abraço. E fé em Deus ok.

          • pequeno silva diz

            Cavalcante Feitosa,

            temos que sermos otimistas. Hoje fiz os primeiros exames que o médico passou. CD4/CD8, carga viral e vários outros. Sexta feira faço retorno no médico com resultados dos exames em mãos e aí ele passará o coquetel. Ele me deixou tranquilo, mas fico tenso na reação, efeitos colaterais da medicação, mas sempre penso: “quero viver e bem. Então, tomar medicação e buscar ser feliz. O MB dizendo que está a 6 anos nesta batalha e feliz me dá força a começar esta batalha com firmeza e determinação.

            • cavalcante feitosa diz

              obrigado pequeno silva pelas palavras de conforto e fique com Deus (Refiz o exame hoje 18/09/2014, pra mim isso tudo é constrangedor)

              • Carvalho+ diz

                Cavalcate feitosa
                Também estou no aguardo dos resultados dos meus primeiros exames. Como ficamos ansiosos. Estou curtindo muito o blog.

  14. pequeno silva diz

    Binho, pois é. O medo é o inicio do coquetel e seus efeitos colaterais. Falei deste medo, de não

  15. pequeno silva diz

    Continuando… Falei do medo de efeitos colaterais, não aguentar trabalhar. Ele disse que nenhum paciente deixou de trabalhar e indicou iniciar o tratamento numa sexta feira por que ae passo sábado e domingo em casa repousando. Senti firmeza no meu médico. Tô confiante. Energia positiva e minha irmã tá me dando uma força fora de série. Me apoiando. Fiz questão de ela entrar cmg pra falar e escutar o médico. Me mandou voltar pra academia, comer direito, tudo pra me deixar bem. É uma mãe. Força e fé Binho. Se quiser vms trocar ideias e nos falando sempre. Abraço a todos.

    • MB+ diz

      Nossa…que bom humor galera…
      Binho é assim que se faz enfrentra esse bostinha e colocar ele no devido lugar né?
      pequeno silva …antes de mais nada na proxima consulta de os parabens para seu infecto pois é isso que esperamos da nossa medicina , não só receitas e avaliações , mas sim o apoio humano e otimismo.
      É assim mesmo galera sempre remando pois o barco da nossa vida não pode parar…

    • Tay diz

      Olha vai fazer 1 ano que eu tomo e até agora nenhum efeito colateral, é a mesma coisa de não se tomar nada.

      • cavalcante feitosa diz

        Que bom Tay

        vc é privilegiado de Deus parabéns!! abraço

  16. pequeno silva diz

    MB+,

    obrigado. Falarei pra ele sim. E quando ele falou pra eu ter minha vida e fazer planos pro futuro eu me animei. Pensei: terei vida, pq sabemos que qdo recebemos a noticia que temos hiv nós estamos mais perdidos que cego em tiroteio. Eu até perguntei se não estaria me iludindo, mas falou firme que está ali pra falar as verdsdes pra seus pacientes. Isso é bo., nos dá força.

  17. Tati diz

    Boa noite gente… estou feliz com otimismo de todos é contagiante… Vamos lutar contra esse chatonildo virus, tem mta gente dedicando a vida em estudos e pesquisas para que possamos viver, acho que a melhor forma de agradecimento é fazer a nossa parte… Saibam que qdo peço a Deus por mim, peço por vcs tb, pois não imaginam a força que me dão… Bjos!

    • MB+ diz

      Tati,

      Boa …continue pedindo pro Papai do Ceu para iluminar e abençoar a mente desses cientistas para que logo achem o caminho para nossa remisão.

  18. MB+ diz

    Tempo…
    Hoje me peguei pensando no tempo… No tempo perdido.
    No tempo em que perdemos pensando no futuro.
    No tempo perdido lamentando o passado.
    No tempo perdido tentando achar culpados.
    No tempo perdido tentando culpar os culpados.
    No tempo perdido procurando achar uma solução.
    Parei de pensar… Fiquei olhando o ponteiro do relógio marcando os segundos, 10, 18, 25, 34, 46, 53,59 e 60 um minuto acabara de passar um minuto da minha vida que não voltará mais a acontecer e perdi, poderia ter feito tanta coisa neste minuto, poderia ter sorrido, abraçado alguém , dado um bom dia , ter elogiado minha secretaria, falado uma besteira, ter dito eu te amo ou simplesmente ter bebido um copo de agua e matado minha sede.
    Mas não o perdi… Perdi um minuto importante na minha vida, fiquei imaginando porque, fechei os olhos e dentro de mim tentei buscar o HIV. Foi quando o vi na forma de uma criança com um jeito sapeca e ele sorria, Criei coragem e perguntei:
    -Esta rindo do que?
    Ele me respondeu:
    -Rindo de você perdendo seu tempo, sua vida, pois este é meu papel.
    Então falei:
    – Isto você não fara mais.
    Abri então os meus olhos e falei:
    – Garçom traz um Chopp bem gelado, hoje vou comemorar.
    – Vou comemorar a vida, vou comemorar o viver.

    • Pequena diz

      Adorei seu texto. Uma coisa que não faço é pensar em um culpado talvez o único culpado pra mim e muitos outros seja o AMOR, mais prefiro ter esse vírus a perder o amor que sinto. Bola pra frente e sou e vou ser muito feliz ainda. Beijos.

      • Mutatis Mutandis diz

        Pequena, de pequena você não tem nada…. Palavras contundentes que se percebe que são muito verdadeiras, que vêm de dentro. Valeu mesmo…

        MB+,

        vc não existe! Um ativista do otimismo!

        • Pequena diz

          QObrigada Mutatis sou pequena só no tamanho é assim que meu marido me chama mas tenho uma cabeça que pensa demais. Adoro todos na verdade vivemos a mesma coisa por isso nos entendemos. Um grande abraço.

    • Ricardo Azevedo diz

      MB+ você me fez chorar agora com este texto ! Caramba, me deu um up no meu dia ! Obrigado por existir e depois de ler algo tão bacana quero te oferecer uma canção “Raridade” do Anderson Freire, pois aqui, com seus relatos tão motivadores, vc se transformou em uma de nossas raridades. Forte abraço.

      • MB+ diz

        Ricardo,

        Obrigado , Cara gostei da letra e da musica , apesar de curtir um punk rock .
        Não sou raridade não existem varios MB’s espalhados por ai é como vivessemos numa escadaria e o de cima dando a mão para o debaixo assim sucessivamente.

  19. Acredito na vida diz

    Olá faz dois meses que descobri minha sorologia, acredito como todos tive um choque,pensei quanto tempo eu tenho,do que adianta planos,pois sei que o que me espera não é tão longo para se pensar num futuro, e fui angústiado sem expectativas marca a primeira consulta com o infectologista, entrei na sala com o coração na boca mas tudo mudou quando joguei pra fora todas os meus medos e ele me respondeu ” não há o que ter medo, sua vida será normal assim como foi até agora,poderá fazer tudo o que sempre gostou de fazer” ouvir aquilo de um medico foi como voltar a querer viver, e assim marquei exames, e depois de dias voltei e ele me disse que eu estva bem, mas que já me passaria as combinações dos remedios para o tratamento,pois o ministerio da saúde assim determinou que independente da carga viral, que o paciente começasse logo seu tratamento,e pra mim foi mais um baque, as primeiras semanas tomando os remedios,senti an pele o que era ter HIV, ENJOADO,TONTO,FRACO, mas pra minha surpresa dias depois acordei tão bem como se não estivesse com nada e hj já com alguns meses e uns dias,fazendo o tratamento me sinto bem,e minha força sempre foi entrar nesse blog e ler as materias e os comentarios,nunca escrivi nada,mas ficava daqui só observando e recarregando minhas forças… um grande abraço a todos!

    • Edu30 diz

      Eu também estou com dois meses do diagnóstico e logo que recebi entrava aqui e lia . Até que ontem resolvi me manifestar e está sendo uma terapia.
      Comecei a tomar a medicacao em agosto e ontem fui pegar os medicamentos na farmácia para o segundo mês de tratamento e pude perceber a nossa cabeça é nosso melhor e pior aliado. Por isso, paciência e fé sempre. Pensamento positivo sempre . E gostaria de agradecer ao Jovem Positivo por reunir um espaço tão receptivo com pessoas amáveis e atenciosas . Já me sinto dentro de uma grande fraternidade pela vida .

  20. MB+ diz

    Acredito na vida e Edu30,

    Que bom que voces estão bem e acreditando no tratamento, agora é só fazer nossa parte né? Deixar o baixo astral de lado e viver a vida , problemas todos temos sendo positivo ou não.
    Como gosto sempre de dizer :

    -Somos HIV positivo né?

    Agora temos que escolher entre o HIV ou o POSITIVO , eu já fiz a minha escolha que é e sempre vai ser:

    POSITIVO…o lado POSITIVO da VIDA

    • Edu30 diz

      MB+ seus comentários são ótimos !
      Ainda estou naquela de que cada segundo é uma vitória contra os pensamentos negativos.
      Espero que possa melhorar o meu humor de forma continua e mais uma vez reintero que o blog é um alento para mim.
      Abraços

  21. Jana diz

    Olá!!!

    Todos nós quando descobrimos tivemos a mesma sensação q seria o fim…Com o tempo vemos q podemos sim viver bem, para isso temos q seguir o tratamento certinho e trabalhar com a cabeça, ter sempre pensamentos positivo. A sete meses tomo a medicação não sinto absolutamente nada, a maior lição q eu tirei de tudo q aconteceu comigo é dar mais valor a vida, aproveitar cada momento ao lado da família, viver ser feliz. E assim segue a vida…

    Um abraço a todos!!!

    • Olá Jana , acredito que vc não tenha lido meu relato.
      De forma sucinta, descobri ser portador faz dois meses e a 20 dias tomo a medicacao . Até aí tudo bem .
      A questão eh o psicológico , faz um ano que venho enfrentando problemas de saúde na família que acabaram me deixando com o humor depressivo. Desde abril que ando meio down e em julho a descoberta da doença .
      Então , to procurando ajuda em tudo … Leitura , blogs, terapias alternativas e claro que pessoas. Como não posso me abrir com meus amigos e familiares só me restam vcs e já está sendo bem positivo . Acredito que eu vá vencer esse momento , mas desistir do tratamento jamais .
      Abraços .

      • Jana diz

        Oi Edu30, eu te entendo sim, quando eu descobrir ser portadora do virus eu busquei ajuda em leituras, blogs, pessoas q convivem a mais tempo com o virus, da mesma forma q vc nao me abri ainda com pessoas da minha familia, na verdade só uma pessoa do meu convívio q sabe da minha condição. Vc vai vencer esse momento, eu tenho certeza, logo estará bem, e eu estou torcendo por vc.

        Um grande abraço!!!

  22. MB+ diz

    Relaxa edu…aos poucos tudo vai entrando nos eixos…eu descobri a 6 anos e na minha vida nada mudou. ..minto mudou sim e para melhor.

    • Pequena diz

      MB+ você já sabe a 6 anos. Você é maravilhoso vir aqui falar tão maravilhosas palavras e incentivar a gente obrigada por você existir. Beijos

  23. MB+ diz

    Gente….

    Sexta feira….Uhhhhhhhhh chegou….

    Poxa essa semana foi meio complicada.
    Acordei pensando em macacos.
    Almocei pensando em macacos.
    Dormi pensando em macacos.
    Sonhei com macacos.
    Já estava me sentido um macaco e até fazendo macacadas,RSRS.
    E olha nem sabia como era esse tal macaco Rhesus e hoje conheci um …e não é que o bichinho é bonitinho.
    Fiquei conversando com ele …desejei boa sorte e agradeci por ele estar ajudando nos testes de uma vacina.
    Pena que não vou mais ver meu amiguinho , vai ficar isolado.
    Bem semana que vem …volto a fazer macacadas …pois este final de semana vou viver vida de gente mesmo.
    Alguem me acompanha num Chopp?

    • Felix diz

      MB+ que ótimo humor. Lembrei da Hazel do livro A culpa é das estrelas. Em que cidade vc está?

    • Tati diz

      MB+ Foi bom vc ter falado em chopp, desde que soube da minha sorologia minha vida social foi pro saco, n sei como lidar com os remédios nessas horas, se vou estar na rua posso atrasar o horário? Desculpe se a pergunta é idiota, ainda estou meio sem rumo… Bom fim de semana!!!

    • Pequena diz

      Como você bebe de verdade o médico nosso proibiu o consumo de álcool. Não te dá nenhum efeito colateral?

      • MB+ diz

        Pequena.

        Não faço uso dos ARV’s ainda ….se seu medico proibiu …ta proibido né? conversa com ele e pergunta o por que? ele te esclarecera melhor.

  24. Tati diz

    Aqueles 3… Efavirenz e os outros dois eu esqueci… Rs! Os que a maioria falam aqui, todos juntos a noite, tomo as 10 e meia.

  25. MB+ diz

    Kkkkk…efa…teno…lami…sei…putz daria pra te falar o que meus amigos fazem mais por aqui é dificil…tem Skype?

  26. pequeno silva diz

    O alcool ainda tenho dúvidas, mas minha irmã foi comigo na consulta e sabendo que gosto de uma cerveja perguntou pro médico se eu poderia beber. Resposta: pode beber, ele terá vida normal, pode ter excesso? Não, nem quer não é soropositivo pode.

    assim sendo, vida normal e sem excessos.

    • MB+ diz

      pequeno silva.

      pequeno mais ligeiro…é isso mesmo viver como uma pessoa normal…sem excessos.

  27. pequeno silva diz

    MB,

    Poderia me passar um email ou skype? Queria falar reservadamente com vc e tirar umas dúvidas rsrs

  28. MB+ diz

    Tati e Pequena,

    Quando me contaminei fiquei sabendo logo em seguida pois como havia dito trabalho em hospital e realizava exames de três em três meses , apos o diagnostico realizei todos os exames (CD4 , CV e os demais), logo que chegaram os resultados fui ao infecto . Ele olhando meus exames somente falou:

    • Fica tranquilo esta tudo OK , CD4 670, CV 5000.

    Naquele tempo o protocolo era para dar inicio as TARV’s somente com CD abaixo de 350 ou CV acima 100.000 o que não era o meu caso.

    Mas eu estava preocupado com outras coisas também, e comecei a perguntar para o medico:

    • Como vai ser minha vida doutor? O que posso fazer e o que devo parar de fazer?

    Ele respondeu:

    • Sua vida vai ser normal, e como uma pessoa normal você pode fazer tudo , desde que com moderação.

    Ele me olhou nos olhos e disse B. já nos conhecemos né? já saímos varias vezes para as baladas e você esta com medo do futuro , isso é normal, mas vou tirar essa duvida.

    Você pode beber? Sim,pode,desde com moderação.
    você pode comer? sim,pode, desde que com moderação.
    Drogas? não recomendo ….Risos.
    Pode beijar , abraçar , correr , dançar , amar , chorar , tomar banho de mar , de chuva , se resfriar , se machucar , fazer sexo (desde que com proteção).
    Cara você pode fazer tudo…mas tudo mesmo … mas com moderação …como uma pessoa normal.

    Olhei para ele, perguntei:

    E a medicação? Não vai atrapalhar?.

    Como te disse desde que com moderação a medicação nunca ira atrapalhar , a maioria dos ARV’s não tem contra-indicação com o uso da bebida.

    • Ah…vida normal né doutor ?
    • Sim vida normal B.
    • Posso fazer tudo né?
    • Pode B. , pode.
    • Ta bom…disse EU.

    Sai dali e continuei vivendo …

    Ah, não sou um alcoólatra não , bebo no máximo uns três chopp na sexta e só…Risos.
    E essa conversa se passou a seis anos e até o momento não faço uso da medicação… ainda não precisei…..

    • Pequena diz

      Confesso que penso muito na medicação mas se você ainda não usa quem sabe eu também nem vou usar ainda sei que estou a pouco tempo porque a um mês atrás meu resultado deu negativo pode ser então que meu cd4 e a CV ainda estejam bons né. Adoro falar contigo você é muito legal obrigada.

      • MB+ diz

        Pequena

        Quando fui diagnosticado a orientação era para que fosse indicado os arvs para quem tinha cd4 inferior a 500 ou carga viral acima de 100.000 o que não era o meu caso; mas agora a coisa mudou e acredito para melhor todos terão acesso a medicação a partir da constatação do hiv…não tenha medo do remédio pois ele é nosso aliado contra esse bostinha.

        • Jeremias diz

          afinal, qual é a onda?é o fato de tu não “precisar ainda” tomar os remédios, ou o fato de ser “ótimo” que todo mundo, independente de números, tome o coquetel?então vai lá e toma ué….ou você acha que tem gente que não precisa, cara pálida, ou acha que é melhor todo mundo tomar, não tem como conciliar as duas coisas….

          • MB+ diz

            Jeremias.

            Quem indica a hora de tomar é o medico infecto. ..quem decide a hora de quando iniciar ou mesmo se quer tomar será sempre o paciente…no meu caso minha infecto ainda não indicou e portanto eu não tomo.entendeu…cara palida.

  29. Tati diz

    MB+ Vc é uma fofura, obrigada por nos ajudar, meu infecto falou o msm, beber com moderação, mas meu problema é tomar os remédios na bar… Como fazer isso? Kkkkk Adoraria falar com vc no skipe mas meu email tem nome completo, profissão e talz fico com receio de deixar aqui, mas vou fazer outro mais discreto e te passo… Bjokas!!!!

  30. Barney diz

    Alguém aqui no blog, mudou sua vida radicalmente? Tiveram efeitos colaterais não suportáveis? Tenho 26 anos,ainda não comecei com a medicacao, gosto muito de festar, estar com amigos, beber uma cerveja, trabalho, faço faculdade. Mesmo não estando em tratamento não deixei de fazer nada disso. Tenho melhorado a alimentação e outros habitos. Mas alguém aqui mudou sua vida radicalmente? Quais as complicacoes de se manter o tratamento? De tomar as medicacoes? Fui diagnosticado a dois meses. Ainda me adaptando e gostaria de saber como foi para outras pessoas a partir do diagnostico, começar o tratamento, se manter no tratamento, as mudanças na rotina, sintomas que tiveram, etc. Já que tenho q conviver com isso agora, gostaria de saber com que tipo de “inimigo” estou lidando, para poder me prevenir agora ja que nao me preveni antes. Muitas vezes ainda não acredito, não me recordo ter acontecido algo relevante para que me contaminasse, nada que todo mundo não faça, mas foi numa desse que fui azarado, sempre me cuidei, mas… agora que a vida estava se ajeitando,namoro, faculdade chegando ao fim. Porém hoje percebo que minhas reclamações de antes não são nada diante disso. Tenho tentado levar a vida normalmente, não mudei nada alem de melhorar minha alimentacao. E com vocês como tem sido a rotina???

    • Pequena diz

      Barney. O primeiro dia que descobri entendi a frase que diz assim um buraco se abriu em meus pés” foi terrível não sentia meu corpo chorei muito pensei um milhão de coisas em um dia só mas com o passar dos dias fui vendo que não é tão terrível assim. Hoje tem uma coisa que me assusta quando as pessoas próximas souberem o que vão fazer sei que quando esse dia chegar vai ser uma batalha, mas por enquanto ninguém precisa saber. Hoje só eu e meu marido sabemos digo pra ele que somos só nós dois um para o outro. Acho que esse vírus fez uma coisa boa hoje nos amamos mais e somos mais Unidos

    • Renatinho diz

      Barney
      Meu eu tenho uma vida super agitada mas tem coisas q eu não quero falar e nem expor aqui me add no skype e conversamos ::
      renatinhoreiss88

      • Phoenix Recife diz

        Renatinho, gostaria de ouvir mais sobre essa tua vida super agitada, estou muito, muito morgado 😦 te add no skype, fala la 😉 obrigad

  31. Tati diz

    Oi Barney estou nessa há qse dois meses, minha vida sempre foi com hábitos saudáveis de alimentação e academia, não mudou nda, nadica mesmo, iniciei pilates agora também e graças a Deus estou bem… Tb tive o mesmo medo mas aos poucos deixando de pensar nisso o tempo todo.

  32. Mateus diz

    Ola. Bebo todos os dias de 1 a 3 tacas de vinho. Fumo um baseado todas as noites.
    Minha infecto disse q nada disso me prejudica. Nunca tive os efeitos colaterais dos ARVS (efa, lami, teno). ME sinto Super bem, trabalho, malho e procuro ter uma dieta saudável. Nem parece q tenho HIV.

    bj a todos

    • Caetano diz

      Sou parecido com você nesse quesito Mateus! Rs,porém parei de fumar meu baseado e nem bebo mais,antes de começar a me tratar bebia todo dia rs

    • Alisson diz

      Também faço igual a vc Mateus, a medicação nunca me atrapalhou.

    • Mead diz

      Boa Noite pessoal
      Fui diagnosticado a um mês com o HIV. Fui na primeira consulta para coleta de exames e em outubro vou saber os resultados com detalhes…
      Tive uma longa conversa com o médico e ele me tranquilizou muito, pois estava desnorteado e, achando que a minha vida havia acabado no momento que soube do diagnóstico…
      Tive muita vontade de buscar ajuda em meus amigos e minha família, mas todos o médico e a assistente social me disseram para não falar, pois essa era uma realidade na minha vida e eu que teria que viver e conviver com ela…
      Eu analiso pela minha própria ignorância em relação à infecção e como as pessoas sobreviviam após o diagnóstico…
      Conhecia algumas “amigos”, que viviam com o HIV, mas nunca coragem de perguntar ou saber como era estar nessa condição..
      Bom, não comentei com ninguém a respeito e, tudo o que sentia nesses primeiros duas era culpa… Culpa por ter, diante de todos os problemas dos últimos anos, ter me deixado ser vulnerável, culpa por não ter me cuidado mais, culpa por achar que toda a informação que eu tinha era suficiente para me manter protegido… E não fui!

      A pessoa que eu pensei pudesse me ajudar, virou as costas… E eu não posso pedir nada… Prefiro o silencia a ter que apontar todos os vacilos do passado. Quero ser feliz, ter saúde e desejo o mesmo a ela.

      Claro! Ouvi palavras otimistas dos médicos e li muitas coisas aqui no blog que me fizeram entender melhor essa nova realidade e a forma que devo proceder para continuar tendo uma vida normal… com qualidade tanto física quanto mental.
      Claro que surgiram muitos medos, principalmente aqueles relacionados aos relacionamentos que terei daqui prá frente, pois além de zelar pela minha saúde, ainda terei que olhar pela segurança da pessoa que estiver ao meu lado…
      Eu não quero que ninguém viva o que estou vivendo neste momento… Não que eu esteja me sentindo condenado a uma doença, mas é claro que preferiria não estar vivendo isso … Preferiria não ter que tomar remédios, não viver na ansiedade de ter um vírus que me causa damos, enfim…
      Mas eu sei de todas as coisas que levaram a esse desfecho e, jamais culparei alguém ou a mim mesmo…
      Eu sei que me cuidei ao máximo que pude… Sempre fui responsável pelas minhas atitudes, mas eu falhei algum momento.
      Sou humano, e a razão nunca foi o meu grande forte.
      Okay!! Na conversa com o médico, ele me disse que não era preciso começar com o tratamento imediatamente e que essa seria uma decisão minha…
      Com toda essa confusão, eu quero começar imediatamente e não quero dar tempo e nem deixar que este intruso destrua qualquer resistência no meu corpo…
      O que eu faço?
      Eu sei que isso é bem recente e o médico falou que existem pessoas que vivem anos com o vírus sem saber e estão bem…
      Quer começar o tratamento logo irá apenas me expor a uma medicação que pode ter efeitos colaterais e tal… Que eu posso esperar.
      Pelo que entendi, a medicação hoje é muito menos agressiva que aquelas histórias que vi em filmes e relatos…
      Então eu não sei…
      Como foi para vocês?!
      Claro! Estive psicologicamente muito abatido por isso e por outras questões recentes… Principalmente medo de como lidar com o mundo com esta nova realidade… Família, amigos, trabalho…
      Comigo mesmo, estou bem!!! E sei que vou ficar melhor.
      rsrsrs
      Bom, essa é uma conversa que deveria ter na terapia, mas queria compartilhar com pessoas que, em algum momento, viveram isso…
      Se alguém se sentir a vontade de enviar algum contato para conversarmos, ia ser muito bom e eu ficaria grato
      Abs

  33. MB+ diz

    Barney.

    Mudar a vida radicalmente? conheço apenas três formas :
    Quando se casa.
    Quando se opta por uma religião mais ortodoxa.
    Ou quando se tem uma doença que necessita dessas mudanças câncer, diabetes, doença renal entre outras.
    Pelo que entendi você não se enquadra em nenhuma dessas três situações né?
    Efeitos colaterais não suportáveis? Risos, ai só você pode disser o quanto você suportaria.
    E caso chegasse ao ponto insuportável seria trocada a medicação.
    Bebida? Festa? amigos? diversão…Você ta vivo né? e essas coisas sempre irão existir pois fazem parte da vida …e você tem que viver.

    Poderia falar muito sobre medicações , efeitos colaterais , tratamento etc etc etc…Nada adiantaria pois o temos que mudar primeiro nossa forma de pensar ou melhor não pensar né?
    Ficamos focados no que pode ou não pode e acabamos esquecendo que estamos vivos e podemos tudo…MENOS PARAR O TRATAMENTO…e pior acabamos por fazer o que não pode e não vivemos o que pode.

  34. MARCELO diz

    Olá pessoal, fazem 3 meses que estou no esquema efv lamiv tenofv só que desde que inicie tenho um zumbido nos ouvidos dia e noite o que tem me deixado deseserado desmotivado e depressivo. Minha infecto retirou o efavirens dazem 3 dias e não tenho melhora do zumbido ainda…alguém sabe de um caso parecido…ou quanto tempo, se for culpa do efavirenz o zumbido vai desaparecer ? Tenho pensado ser a lamivudina a culpada em vez do efavirenz…se alguém souber de alguma coisa por favor me ajude ou se seu infecto saberia me ajudar …

    • Oi Marcelo, tbm estou nesse esquema a exatos 3 meses, e estou com muitos zumbidos desde então , minha infecto diz que é temporário , mas irei pedir pra mudar o esquema pois nao aguento mais viver assim, no seu caso resolveu retirando o efv? responde aew estou desesperado!!!!

      • Carvalho + diz

        Também tenho esses zumbidos. Já cheguei até a comentar aqui e começou depois de 3 meses de início da TARV; parece ser mais frequente com 12 horas após ter tomado os comprimidos. Mas, os zumbidos não me causam um incomodo insuportável, vou ver com uns seis meses se passa.

        • Carvalho + Valeu pela ajuda pensei que fosse o único com esse incomodo , tem dias que tento não dar importância mais é muito dificil!!! Pois não sabia que podia escolher em aderir ou nao o TARV pois tenho um CD4 de 1100 e CV 4.500, na boa minha vida tá um caos com esse esquema!!! Obrigado,,,

          • Vini luz diz

            carvalho + : também tenho este zunido comecei a tratar faz dois meses e ate agora nada de melhorar o que fazer ? seu zunido melhorou?

  35. Cara bh diz

    Ola!! Alguem ja sentiu dores de cabeca e na nuca com o esquema ter/ evi/ lam?

  36. Pessoal estou em uma empreitada para unir soropositivos do VALE DO PARAÍBA -SP (São josé dos Campos, taubaté, tremembé, Pinda, Roseira, Aparecida, Guaratinguetá, Lorena, Cachoeira Paulista, Canas, Cruzeiro…) Criei o blog para podermos tem esse apoio mais próximo, uma terapia em grupo regional! Por favor.. transmitam para conhecidos soropositivos:http://valepositivo.blogspot.com.br/

  37. MB+ diz

    Tati.

    Como não gosto de deixar pergunta sem resposta , realizei hoje uma consulta com meus assessores para o assunto relacionado Baladas/HIV/Medicação e das 6 pessoas que consultei me deram a seguinte dica:
    Para as pessoas que fazem uso dos arv’s no esquema Lamivudina, Tenofovir e Efavirenz é o seguinte.

    A Lami e o Teno são medicamentos que devem ser tomados de preferencia sempre no mesmo horário então escolha tomar estes no decorrer do dia , uma dica é tomar antes ou depois de uma refeição (café da manha , almoço ou cafe da tarde) assim fica vinculado estes hábitos a tomada dos remédios evitando o esquecimento.

    Já o Efavirenz é mais tranquilo em relação a horários mas deve ser tomado e nuca deixado de lado , então se for para uma balada você já tomou os dois acima , curta , beba , dance e se rolar algo mais não tenha medo divirta se , ai ao chegar em casa ou quando for dormir toma se o Efinha e bons sonhos.

    Ah… só uma dica e esta é minha…não vão ficar enchendo a cara pois ai vocês podem correr o risco de não só esquecer a medicação mas também de usar a camisinha…né?.

    OBS: Esta dica só é valida para quem usa TENO , LAMI e EFA…Tá BOM.

  38. Tati diz

    MB+ Fofurissimo… Obrigada pela dica, ontem eu saí, levei os remeditos e tomei 2 copinhos de cerveja, parei, levantei da mesa e disse que ia tomar um remedio, n entrei em detalhes, ninguem perguntou e depois terminei a noite no refri… Aos poucos a gente se ajeita… Curti muito com minhas amigas, quero minha vida social de volta, dá pra conciliar sim… Boa semana!! Bom trabalho lá com seus amigos macaquinhos… Kkkkkk

    • MB+ diz

      Tati,

      De fofo não tenho nada ….rsrs …É isso mesmo vida que segue né?…poxa nem me convidou? da proxima lembra de mim.

    • Tati, também já fiz isso. De fato a neura se encontra mais na nossa cabeça que na cabeça dos outros. Já saí com amigos, tomei umas cervejinhas, quando deu o horário eu discretamente peguei meu remédio e tomei, ninguém perguntou nada, na verdade foi como se nada tivesse acontecido. 😉

  39. Téo diz

    PEssoal, só queria dizer o quão importante tem sido pra mim acompanhar as notícias e os comentários aqui do blog.
    Sinto uma gratidão profunda por todos vcs!

  40. Andressa diz

    Gostei muito do blog, é bom ler noticias como essa nos da esperança e vontade de viver. Que não nos falte fé
    Um abraço a todos!

  41. Mead diz

    Boa Noite pessoal
    Fui diagnosticado a um mês com o HIV. Fui na primeira consulta para coleta de exames e em outubro vou saber os resultados com detalhes…
    Tive uma longa conversa com o médico e ele me tranquilizou muito, pois estava desnorteado e, achando que a minha vida havia acabado no momento que soube do diagnóstico…
    Tive muita vontade de buscar ajuda em meus amigos e minha família, mas todos o médico e a assistente social me disseram para não falar, pois essa era uma realidade na minha vida e eu que teria que viver e conviver com ela…
    Eu analiso pela minha própria ignorância em relação à infecção e como as pessoas sobreviviam após o diagnóstico…
    Conhecia algumas “amigos”, que viviam com o HIV, mas nunca coragem de perguntar ou saber como era estar nessa condição..
    Bom, não comentei com ninguém a respeito e, tudo o que sentia nesses primeiros duas era culpa… Culpa por ter, diante de todos os problemas dos últimos anos, ter me deixado ser vulnerável, culpa por não ter me cuidado mais, culpa por achar que toda a informação que eu tinha era suficiente para me manter protegido… E não fui!

    A pessoa que eu pensei pudesse me ajudar, virou as costas… E eu não posso pedir nada… Prefiro o silencia a ter que apontar todos os vacilos do passado. Quero ser feliz, ter saúde e desejo o mesmo a ela.

    Claro! Ouvi palavras otimistas dos médicos e li muitas coisas aqui no blog que me fizeram entender melhor essa nova realidade e a forma que devo proceder para continuar tendo uma vida normal… com qualidade tanto física quanto mental.
    Claro que surgiram muitos medos, principalmente aqueles relacionados aos relacionamentos que terei daqui prá frente, pois além de zelar pela minha saúde, ainda terei que olhar pela segurança da pessoa que estiver ao meu lado…
    Eu não quero que ninguém viva o que estou vivendo neste momento… Não que eu esteja me sentindo condenado a uma doença, mas é claro que preferiria não estar vivendo isso … Preferiria não ter que tomar remédios, não viver na ansiedade de ter um vírus que me causa damos, enfim…
    Mas eu sei de todas as coisas que levaram a esse desfecho e, jamais culparei alguém ou a mim mesmo…
    Eu sei que me cuidei ao máximo que pude… Sempre fui responsável pelas minhas atitudes, mas eu falhei algum momento.
    Sou humano, e a razão nunca foi o meu grande forte.
    Okay!! Na conversa com o médico, ele me disse que não era preciso começar com o tratamento imediatamente e que essa seria uma decisão minha…
    Com toda essa confusão, eu quero começar imediatamente e não quero dar tempo e nem deixar que este intruso destrua qualquer resistência no meu corpo…
    O que eu faço?
    Eu sei que isso é bem recente e o médico falou que existem pessoas que vivem anos com o vírus sem saber e estão bem…
    Quer começar o tratamento logo irá apenas me expor a uma medicação que pode ter efeitos colaterais e tal… Que eu posso esperar.
    Pelo que entendi, a medicação hoje é muito menos agressiva que aquelas histórias que vi em filmes e relatos…
    Então eu não sei…
    Como foi para vocês?!
    Claro! Estive psicologicamente muito abatido por isso e por outras questões recentes… Principalmente medo de como lidar com o mundo com esta nova realidade… Família, amigos, trabalho…
    Comigo mesmo, estou bem!!! E sei que vou ficar melhor.
    rsrsrs
    Bom, essa é uma conversa que deveria ter na terapia, mas queria compartilhar com pessoas que, em algum momento, viveram isso…
    Se alguém se sentir a vontade de enviar algum contato para conversarmos, ia ser muito bom e eu ficaria grato
    Abs

    • Secret diz

      Olá Med!!!

      Seja bem-vindo ao clube!!

      É uma desgraça que todos nós passamos em determinado momento de nossas vidas. Porém, estamos aqui! Eu tb sou meio recente no clube (03 meses de diagnóstico).

      Se quiser me add meu skype secretguy19@hotmail.com

      Abraços!

    • Pedrinho diz

      Mead é tudo muito difícil mesmo, espero que o tempo torne mais fácil. É fato q alguns lidam muito bem com isso, outros não. Creio q me encontro no meio termo, há momentos q sequer lembro e em outros sou tomado por imensa tristeza. Depois de um ano a culpa ainda me assombra, sempre fui bom em perdoar os outros, mas sou muito duro comigo! Desejo superar isso logo.

    • Olá Mead,
      Atualmente o Ministério da Saúde recomenda o início imediato da terapia. Os efeitos colaterais relatados são minimos e em muitos casos inexistentes. A sua vida vai continuar normal!!!
      Pode me escrever filhosorop@globomail.com

  42. marco diz

    Galeraa comecei a 40 dias com o coquetel…so senti sono no começo..depois fui me adaptando…so tenho medo de emagrecer….perder massa e ficar com cara de HIV mesmo…to bem perdido ainda com essa nova situacao…. tento sempre pensar que tenho uma doenca cronica e preciso da medicação td dia… ..adoro esse seu blog me sinto tao bem qdo leio ele antes de dormir…

    • Cavalcante Feitosa diz

      oi marco

      Fui diagnosticado recentemente e ainda não fiz exames para detectar a carga viral. A enfermeira do SUS me aconselhou que eu os fizesse pelo meu plano (pra agilisar) e só pedisse ao médico que ele passasse os remédios no formulário do SUS. Você fez exames particulares ou pelo SUS? A gente recebe logo os resultados ou custam a ser entregues? Quais os medicamentos que você toma? Quais horários mais convenientes para não atrapalhar a nossa vida normal? Você, agora depois do tratamento, está se sentindo saudável? Eu estou me sentindo cansado e sem ânimo. O que faço?

      Abraço e boa sorte amigo

      Cavalcante Feitosa

      • Cavalcante Feitosa diz

        se quiser entrar em contato via email para um papo de amigo e esclarecimento fique a vontade: eufyum@hotmail.com (e isso vale para qualquer amigo aqui do blog ok) abraço

    • Esses sinais são coisas do passado, não existe mais cara de hiv. Alimente-se bem, faça atividade física e evite bebida alcóolica. Tome sua medicação sempre no mesmo horário.
      A sua vida vai continuar normalmente.
      Esta semana conheci uma pessoa que trata há 22 anos e está super bem. O vírus não consome mais as pessoas.
      Esta sua insegurança logo passa.

      • Cavalcante Feitosa diz

        OI filho

        Você parece estar bem resolvido com o tratamento.
        Descobri que sou hiv + a poucos dias apesar de ter feito exames a pelo menos 2 meses (é que custaram a chegar e eu não tinha ido buscá-los até uns dias atrás na falsa esperança de não estar positivo). Quando recebi os resultados e me dirigi ao CTA, embora tenha sido muito bem recebido, o assistente social foi logo dizendo: OS MEDICAMENTOS SÃO AGRESSIVOS E SÃO PARA O RESTO DA VIDA. Isso me deixou um pouco triste porque o que vejo na midia e nos depoimentis aqui do blog é ALGO totalmente ao contrário (é claro que os remédios têm efeitos colaterais, sei disso, mas como ele falou me deixou um pouco abalado). Mas quando fui no SAE – onde vou começar o tratamento, a enfermeira falou que o tratamento de lá é muito bom e que ninguem ainda tinha reclamado. Isso me deixou mais calmo.
        Os sintomas que eu sentia, e ainda sinto, são muito pertinentes. O que eu tenho medo mesmo é de não me adaptar com os medicamentos. Quando começamos o tratamento com os medicamentos e a carga viral fica em baixa a gente volta a ter ânimo e disposição? Porque ultimamente estou me sentindo fraco e desanimado. E ainda estou com muito medo dessa minha nova condição. Para mim tudo isso ainda é novidade. Se você puder me orientar em alguma coisa agradeço ok.

        Abraço

        Cavalcante Feitosa

        meu email: eufyum@hotmail.com

        • Olá Cavalcante, não tenha medo, grande parte da “doença” é psicológica, é normal você entrar em depressão quando descobre a sua sorologia, a fraqueza pode ser resultado disso, a gente fica meio cabisbaixo e falta vontade para fazer as coisas, mas com o tempo as coisas se ajeitam, a gente se acostuma com a ideia e descobre que não é nenhum bicho de sete cabeças.

          • Cavalcante Feitosa diz

            oi L (é assim que vou te chamar?)

            Obrigado pelo conselho. Realmente estou muito ansioso para começar o tratamento e ver se no meu caso vai dar tudo certo como vejo em muitos depoimentos aqui no blog. Ultimamente só estou me sentindo cansado fisicamente, mas a “coisa” psicológica ainda não apareceu (tomara que não apareça). Estou levando tudo numa boa, sem tempo para pensar no que aconteceu ou ficar me culpando ou culpado alguém. Foi uma fatalidade, sei lá. Nesses últimos meses estou tão ocupado com os “afazeres” do meu mestrado que não tenho tempo de me preocupar com coisa pequena como um “simples hiv”(kkkkkk), afinal a vida é MAIOR.

            Valeu por tudo

            Abraço

            Cavalcante Feitosa

  43. Phoenix Recife diz

    Eu ainda estou tentando me ajustar, há dias bons, dias ruins e dias péssimos. Já iniciei o tratamento logo que descobri por recomendação do meu infecto baseado em novos trabalhos que mostram melhores resultados a longo prazo quando se inicia de cara as medicações. Sonhando com a tal carga viral indetectável. Medo, sim, bastante…penso nos efeitos a longo prazo, medo de resistência viral e por ai vai. Mas o medo principal é da minha vida social… já não conhecia muita gente do meio, e agora, tenho receio de conhecer qualquer pessoa nova..nem me imagino paquerando ou algo do tipo…:( sei que vai passar, espero que passe. No resto, tentando cuidar um pouco mais de mim, voltei à academia e por ai vai. abraço a todos. Força, sempre

    • Carvalho+ diz

      Phoenix Recife, você tem a energia do Recifense e vai superar logo. Já iniciei a 10 dias e tive poucos efeitos colaterais. Os de longo prazo deixa pra pensar um pouco mais na frente e ver as novas soluções da medicina. Dieta saudável e exercícios são bem importantes. E claro curtir o mar de Recife como irei fazer agora… abraços

  44. Marco diz

    Cavalcante Feitosa

    Primeira consultafizpelo convenio, estava fazendo um pre operatorio e pedi exames HIV e ca estou…rsrsrs…ai fui encaminhadoao SUS….estou fazendo tudo pelo SUS,o exame de carga viral e mais coisas demora uns 25 dias pra chegar… apesar de ser uma cidade pequena, somos referencia no estado de SP.. No começo quis fazer na Capital por ngm me conhecer e tals, trabalho na area da saude e me senti envergonhado, pois deveria dar o exemplo né..mas faz parte, sem lamentações… Os remedios no começo me davam tontura apenas e sono…de resto vida normal que segue….saio pra baladas….bebo fds apenas…sou atleta e isso me ajudou muito a nao deixar imunidade cai..To sonhando com a carga indetectavel o mais rapido possivel, tomo os remedios td noite quando chego da facul….pus na minha cabeça que tenho uma doença cronica(minha mae com diabetes, PA alta, colesterol, toma 12cp ao dia)eu tomo apenas 4….Sua cabeça eh seu pior inimigo…controle-a e vc vai levar o virus na boa…jah tive relaçoes sexuais, com camisinha, levo minha vida extremamente normal broder…sem neuras…espero que vc chegue nesse ponto tbm! Dia 04/11 faço os primeiros exames pos medicação..estou bem otimista viu.. Abraço

    • Cavalcante Feitosa diz

      Amigo Marco

      Fiz vários exames pós detecção do hiv (15/10/2014) e agora estou esperando os resultados para ver qual medicamento irá se adequar ao meu caso. Por enquanto estou calmo, mas confesso que estou apreensivo pela chegada dos resultados dos exames para que eu possa começar o tratamento. Você toma toda a sua medicação “somente” à noite quando chega da faculdade? É porque ouvi relatos de pessoas que tomam remédios a noite e pela manhã. Vou estar sempre por aqui a procura de amigos e de auxílio para as minhas dúvidas. Se eu puder ajudar também estou à disposição. Se preferi mandar mensagem: eufyum@hotmail.com

      Abraço

      Cavalcante Feitosa

  45. delvo de souza quirino diz

    Ola pessoal estive lendo o depoimento de vocês e a força que cada um da ao outro nesta caminhada já tem três anos que carrego isso comigo e sabe o que mais me doe é que só o médico que cuida de mim sabe que sou soro positivo ainda não tive coragem de dizer a minha família estou tentando levar isso assim até onde eu conseguir não quero causar mais sofrimento. Espero ser aceito por essa família que achei não sou bom em teclar mas peço a Deus a sabedoria para fortalecer estas amizades e quem sabe num futuro bem proximo podemos nos encontrarmos e comemorar essa vitória que todos nós esperamos que Deus nos abençoe. Espero contato de alguém 019993683753.

Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s