Notícias
Comentários 50

Relatório da Unaids de 2014

A Unaids divulgou hoje, 16 de julho de 2014, seu relatório de 2014 sobre a epidemia de HIV/aids, que contabiliza os dados do ano passado. Diferentemente do Relatório Global, este traz os números da epidemia sobre “as pessoas deixadas para trás”, que estão nas lacunas do controle da epidemia. Estes números mostram que 35 milhões de pessoas vivem hoje com HIV, 19 dos quais não sabem da sua condição. Em 2013, aconteceram 2,1 milhões novas infecções, 38% menos do que em 2001. A transmissão vertical, de mãe para filho, decresceu 58% desde 2001 — ainda assim, 240 mil crianças foram infectadas no ano passado. As mortes em decorrência da aids foram reduzidas em 35% desde seu pico, em 2005. 12,9 milhões de pessoas têm acesso à terapia antirretroviral, o que representa 37% das pessoas vivendo com HIV. Foram investidos 19 bilhões de dólares no mundo todo, em resposta à aids. Os três países com maior incidência de HIV são África do Sul, Nigéria e Uganda. O Brasil empata com os Estados Unidos, com 2% dos novos casos de infecção.

Anúncios

50 comentários

  1. Larissa diz

    12 milhões fazendo tratamento com antirretrovirais. Nem ouso fazer as contas de quanto a indústria farmacêutica fatura com tudo isso. De mim essas indústrias não ganham um centavo, a não ser por emergência.

    • Larissa diz

      Desculpe, gente, eu sei que a terapia antirretroviral é importante, aumenta a expectativa de vida (em tese, será que uma pessoa com hábitos saudáveis precisaria da terapia, e os controladores de elite?) e inibe a multiplicação do vírus, mas sou revoltada com a indústria farmacêutica e acho que a cura para o HIV já deveria ter vindo há muito tempo. Reconheceram o vírus no início da década de 80 e já em 1987 já havia o AZT sendo comercializado, achei muito rápido, acredito que a cura não seja lucrativa, infelizmente vivemos em um mundo ganancioso, moldado pelo capitalismo selvagem. Gostaria de ler a opinião de vocês. Não sou adepta de teorias da conspiração, mas racionalizando, chego a esse pensamento.

          • Existem muitas pessoas com habitos saudaveis que desenvolvem a doença . E transmitem. Não existem pessoas em tratamento ( novos tratamentos) ARV que desenvolvem a doença. E possivelmente não são transmissores ( indetectavel).

            É como uma diabetes. Claro que poderia haver alguma cura. Poderia? Não sabemos, mas para quem aplica insulina 3x ao dia na veia, não adianta ser natural. Existem niveis e niveis.

            Acredito que voce se vai peitar a industria deve fazer isso de forma orquestrada. Senão, você não lesa a industria , é somente 1 recusa sua pessoal de uso.

            O Brasil quebrou patentes, assim você não está pagando o mesmo aqui do que gera o lucro de laboratorios internacionais.

            • Larissa diz

              Quebra de patente, ok, mas faça uma breve pesquisa dos vínculos que indústrias nacionais têm com essas mesmas indústrias que lançaram a molécula, uma breve pesquisa, apenas. E o diabetes não é tratado só com um insulina. Recomendo que pesquise a diferença ente diabetes melito tipos I e II e seus algoritmos de prescrição. Enfim, a maior parte das doenças são preveníveis, mas remediar gera receita muito maior.

              • Larissa diz

                Desconsidere os erros de digitação e concordância, postei sem revisar.

        • Larissa diz

          Você acha que eu não queria que existisse uma cura? Claro que eu queria. Mesmo sendo soronegativa, eu apoio a causa da cura e a extirpação da merda desse vírus de todos que são portadores. Vamos ao menos ser mais realistas e pouco utópicos. Vivi com uma tia de criação que tinha HIV, ela era maravilhosa, infelizmente ela morreu, não pelo vírus, mas por overdose de tóxicos. Desde essa época que eu aprendi a não discriminar e fomentar qualquer preconceito em relação aos soropositivos. Acho que você está me julgando precipitadamente, já que sou uma não-portadora que não faz nenhuma segregação quando o assunto é HIV. Vá na rua e pergunte a qualquer um sobre o HIV, exceto os soropositivos, a maioria vai dizer coisas preconceituosas e desinformadas a respeito.

        • Larissa diz

          Anderson, isso acontece com qualquer outra doença, colega. Com câncer, hipertensão, diabetes e tantas outras doenças. O que poderia ser prevenível, eles não previnem, entopem de produtos químicos nocivos nossa alimentação e vivemos numa sociedade doente, com seu sistema fisiológico lutando contra agressores do ambiente aos quais somos expostos todos os dias. A indústria farmacêutica vive de doenças, não de cura/saúde. Um nicho multibilionário da farmacêutica irá se curvar a uma cura? Espero que sim, espero que divulguem e tratem logo a todos. Não há preconceito aqui, há apenas uma análise fora do senso comum. Vamos nos ater das emoções e racionalizar apenas um pouco, então entenderemos que em todo mercado há interesses escusos, infelizmente, diferentes dos interesses que esperamos. Peço que argumente na próxima resposta, ofender não vai resolver.

          • Camillo diz

            Ai Larissa, vc continua escrevendo besteiras, teoria da conspiração legítima!

          • JCS diz

            Larissa,

            Seu raciocínio é em partes plausível. A cura, não só do HIV, mas de várias enfermidades ditas incuráveis, certamente traria prejuízo a alguns. Indústria e médicos, por exemplo, veriam suas demandas drasticamente reduzidas. A indústria realmente não quer a cura, quer lucros. Ela não se ocupa da cura. Porém, não creio que na ausência de cura devido a supostos entraves criados pela indústria, mas pelas limitações do saber científico diante da complexidade do organismo humano e dos mecanismos patológicos. A ciência ainda desconhece sequer a causa de muitas doenças.

            A cura do HIV é aventada há pelo menos uns 15 anos. A cada descoberta, novas dúvidas. É um processo natural das sérias e embasadas pesquisas que são realizadas. Nesses trinta e poucos anos de HIV, no que se refere a terapias a curva evolutiva é nítida. Houve muito progresso, e isso abre uma boa perspectiva para o futuro. Só nos resta esperar, usando o que temos para o momento no controle das doenças.

            • Larissa diz

              Perfeito o seu comentário, JCS. Ademais, irei me abster de postar aqui. Não fui muito bem interpretada e recebida por alguns comentaristas. Um até disse que de boas intenções o inferno está cheio. Acredito que seja uma ignorância da parte dele, por achar que um soronegativo não pode ter boas intenções quando fala de HIV. Enfim, uma pena. Boa sorte a todos e estarei comemorando juntamente com todos vocês quando promoverem a cura ao alcance de todos, e eu espero viver para presenciar isso. Deus abençoe e vida longa a todos nós.

              • JCS diz

                Larissa,

                Busque o debate, pois é construtivo. Evite o combate, não vale a pena.

                Abraço.

                • Larissa diz

                  Muitos não estão abertos ao debate. A ofensa é mais conveniente para alguns. Vi que será perda de tempo.

        • Larissa diz

          Anderson, vocês são muito informados a respeito, são pessoas letradas e esclarecidas. Talvez eu cometa um erro em comentar isso, por isso pedi a opinião de quem discordasse. Conheço muito pouco acerca do HIV, aqui estou aprendendo bastante, não só com o editor do blog, como também com os leitores. Desculpe pela minha ignorância e achismos, só expus uma opinião infundada a respeito.

  2. Barney diz

    Me sinto a pessoa mais azarada. Olho para os outros e penso, como isso foi acontecer comigo?! Sei que a resposta e simples. Não consigo acreditar, como assim, algo que parecia tão distante de mim!!!

    • Cris diz

      Olá Barney…

      E você já parou pra pensar quantas pessoas estão pensando e passando pela mesma situação que você? Quantas pessoas que encontramos na rua que está positiva e não sabemos? Ou outros problemas tão ou piores que os nossos?

      Pois é querido… como disseram os outros, vamos viver, porque a vida é belaaaa. Tem horas que não tem como não lembrar, mas na maioria das vezes tem sim.

      Bjksss

      • Camillo diz

        Bravo Cris!!! Assim é que se fala. Vamos vivendo muitíssimo bem engolindo nossos benditos arvs!

  3. Positive Vibe diz

    Valeu JS! E bom ver que o o blog voltou ao formato anterior. Assim fica mais fácil para dar uma força aos que chegam 😀
    Ah, galera, com o fim do soropositivos.com, eu e outros amigos que conheci aqui criamos um bloguinho pra postar novidades. A ideia é ter um arquivo virtual onde, na medida do possível, compilamos notícias sobre os avanços nas pesquisas. Quem tiver interesse em ajudar, meu email eh sp.positivevibe@gmail.com. Aos que preferem simplesmente acompanhar, o endereço é http://somosmaispositivos.blogspot.com.br
    Abs/Bjs

  4. Pois é Barney, todo mundo acha uma coisa distante! Até pegar. Vc não é a pessoa mais azarada do mundo, apenas fez suas escolhas! Acretito que vc tinha informação como todos nós aqui. Mesmo assim opitou por não usar camisinha, ou seja isso não é azar!!! Agora não resolve chorar pelo leite derramado! Melhor pensar que amanha é outro dia, e que a vaca não morreu!!!

    • Anderson diz

      Calma que em poucos anos ja chega a cura ou, no minimo, novos tratamentos que vc nao vai nem lembrar que tem ou teve hiv.

      • Oi Camillo, estou por aqui e no skype, as vezes, namorando ainda não rs. Estou trabalhando e estudando, e vc como está? estou com saudades viu ? Beijinhos 😉

  5. Amanhã completo o primeiro mês usando os ARVS. No inicio rolou aquele desconforto no peito e uma leve sonolência. Hoje não sinto mais nada. Meu infecto disse que em dezembro tomarei apenas um comprimido por dia. Notícia maravilhosa. Então, jajá esse medicamento vira uma injeção trimestral. E depois a cura. Porque eu não tenho dúvidas que ela vai aparecer. Então pensamento positivo. 🙂

    • Anderson diz

      Os TARVs de hoje tem cada vez menos efeitos colaterais. Vc nao vai nem sentir nada.É so nao esquecer de tomar todo dia. Faz de conta que é uma vitamina e goela abaixo. E desencana.

  6. Kiko diz

    Como pode né?! tem gente que não tem conhecimento algum sobre o HIV/AIDS e vem até aqui pra escrever um monte de besteira. Gente não existe cura para o vírus do HIV , aliás não existe medicamento que elimine nenhum vírus do nosso organismo. Quem mata o vírus que causa as doenças é o nosso próprio sistema de defesa, porém, infelizmente o nosso organismo não consegue eliminar o vírus do hiv.

    • Larissa diz

      A cura que eu falo é justamente essa. Se conseguimos eliminar tantos outros vírus do organismo, não conseguimos eliminar o HIV. A cura já existe, e está com o paciente de Berlim, só é preciso a cura disponível para todos. O que eu falo seriam de interesses comerciais em disponibilizar a cura para todos, mas espero estar errada. A dificuldade está em nosso corpo não conseguir combater o HIV. Bom, infelizmente vi que gostam de segregar, quando eu apenas não vejo diferença alguma em quem tem com o vírus e quem não vive. É como qualquer pessoa que está vulnerável a infecções oportunistas, não necessariamente tenha que ter o vírus, aliás a AIDS não é sempre causada pelo HIV, veja outras doenças que deprime o sistema imunológico…O problema é o estigma que a sociedade impõe aos portadores, e muitos portadores fazem essa separação, se recrutam em um lado e qualquer coisa que alguém que não tenha o vírus, fale, é porque não conhece, ou não pode estudar o assunto, ou não sabe nada, só quando tiver vai poder debater, etc, não é bem assim, galera. Desculpe pela ignorância no assunto, só quero deixar claro que todos somos iguais, da mesma espécie, não façam como a maior parte das pessoas, que adoram separar grupos e alimentam intolerância por quem eles acham que não faz parte do grupo que eles mesmos segregaram. Enfim, desculpe pelo que eu disse, e foi bom o seu comentário, só estou aprendendo aqui.

  7. Lipe diz

    Olá pessoal, que bom estarem aqui, pois com o encerramento do soropositivos.com estávamos meio que sem rumo, rsrs…
    abs a todos

    • Cris diz

      Oi Lipeee,

      Também fiquei sem rumo, e bastanteeee. Mas já entrei aqui e sem pedir licença. hahahahaha

      Obrigada Jovem por mais este espaço!

  8. cris diz

    Larissa querida, volte qd vc for uma soropositiva e conversamos… Acredite, as opinioes podem mudar qd nossa vida é o que esta em jogo… No mais só voltemos com esse assunto qd vc estiver com o seu na reta

    • Larissa diz

      Ok, Cris, vi que os preconceituosos aqui são muitos de vocês. Desculpe, mas irei fazer de tudo para não pegar o vírus, por mais que você pense ou deseje isso. Eu sei que não controlamos nossas vidas, mas muito do que nos acontece é consequência de nossas escolhas. Obrigada pela tolerância de vocês, acredito que meu erro foi revelar ser soronegativa, esse foi o erro, pois alguns de vocês são um pouco intolerantes. Veja bem, eu apenas expus uma opinião, eu espero por uma cura e já desejei trabalhar na área. Mas conheço um pouco do meio científico e sei como é difícil combater os interesses capitalistas. Infelizmente, eu já briguei com muita gente preconceituosa com os soropositivos. A maioria dos depoimentos que eu vejo são de pessoas que nem imaginavam o que era HIV antes de receberem o diagnóstico, são de pessoas que eram preconceituosas e achavam que estavam imunes a tudo, muitos dos soropositivos eram assim, tinham um total desconhecimento da doença, então não me julgue por eu querer debater a respeito, em momento algum fomentei algum ódio aqui, apenas tenho aversão a uma indústria que só visa lucros, sempre estarei do lado do bem, não do mal. Eu estou aproveitando o ensejo de um tempo que estou tendo para estudar o assunto. Possa ser que minha opinião esteja equivocada, por isso eu pedi a opinião de vocês sobre a possibilidade de cura, já que vocês conhecem mais que eu. Eu não pedi intolerância ou que desejassem que eu pegasse a doença para depois vir aqui comentar. Agradeço ao editor do blog que foi super gente boa. Continuarei com ele em meus favoritos, mas vejo que os leitores gostam de segregar soropositivos x soronegativos, como se tivesse que existir essa segregação, já que na minha cabeça isso não existe, pois somos todos iguais, a diferença é que uns vivem com um vírus que causa depressão do sistema imunológico e têm que cuidar mais da saúde, e outros, não. Não vejo problema nenhum em ser soropositivo, só acho que eu gostaria de evitar que isso acontecesse comigo e peço a Deus para que não aconteça, porque eu sei que o preconceito da sociedade é grande e o HIV afeta a saúde, querendo ou não. Enfim, obrigada por segregarem os grupos, não sei se esse é o caminho, e o respeito a opiniões divergentes, poderiam vir aqui e debater numa boa e tentarem me convencer de que estou errada, e espero estar. Quando eu disse que não alimento a indústria farmacêutica, eu disse que não sou de tomar medicamentos e evito ao máximo, em uma população hipocondríaca, onde qualquer dor de cabeça, já está se entupindo de medicamentos, eu faço o contrário. Esse não é o caminho, Cris, somos todos iguais, não é porque não sou soropositiva que eu não deveria expor minha opinião ou que não deveria acessar o blog. Mas pararei de comentar, deixarei o espaço de vocês, já que quiseram assim. Continuarei a ler o blog, pois pegarei muita informação importante. Passem bem e que a cura venha o mais rápido. Amém. Deus abençoe.

  9. andrielson diz

    Ola, descobri que sou soroppsitivo a dois meses e comecei a tomar os remedios a duas semanas. Nossa, no inicio Eu pensei que seria o fim. Hoje tenho uma Amiga/Irmã que me ajuda, que é meu norte. Mas as vezes bate uma tristeza por achar que logo logo vou morrer e so penso na tristeza de minha mãe. Mas estou lutando contra esse virus que assim como eu tambem quer viver . Força pra todos nos!

    • Larissa diz

      Morrer? Jamais, cara, não fale assim! O vírus só muda um pouco da rotina e cuidados, mas não mata! Cuide da sua saúde, faça o uso correto do tratamento e você terá uma excelente qualidade de vida. Você vai viver por muitos anos, e a morte, todos nós vamos morrer, isso é certo, independentemente de ser portador do vírus. Desencana, viva sua vida, não ligue para o que os outros falam. Quem sabe você viva muito para assistir à cura de milhões de pessoas? Tenha pensamento positivo, não é o fim do mundo, apenas o começo de uma vida sob nova perspectiva. Deus abençoe.

    • Cris diz

      Andrielson meu amorrrrrrrrrr!!

      Você não vai morrer logo nãoooo!! Não por causa desse bichinho. Estamos com uma expectativa de vida se não igual, quase igual ao resto da população. Com cuidados, estamos adoecendo menos que todo mundo.
      Nossa vida mudou? Mudou sim. Mas isso não quer dizer que estamos condenados a morte.
      Não é fácil, mas também não é difícil!!
      Existem algumas coisinhas chatas… (fazer exames, pegar remédios no CTA, acordar a noite pensando) Mas fora isso, é vida absolutamente normal.
      Acordar cedo, trabalhar, estudar, namorar, dançar, passear, fazer academia, caminhar. Tudooo igual. Claroooo com os devidos cuidados e preservando a nós e a quem nos relacionamos.
      Eu sei de minha soropositividade a 3 anos. E quem diz que estou??? Absolutamente ninguém. Na verdade, além do pessoal aqui do blog, só quem sabe é minha medica e a secretaria dela.
      Pode contar comigo e com os Anjos de plantão daqui sempre que precisar. Como já falei inúmeras vezes, minha vida mudou muitoooo depois que os conheci.

      Bjinhosss

      • andrielson diz

        Hahahahaha! Criiiiiiis ;*
        Realmente é uma mudança. Ainda to com os efeitos dos remedios, passo quase o dia todo tonto. A noite apos tomar os remedios Eu me deito e penso e faço aquela pergunta que creio todos nós fazemos:’Por que Eu?
        Claro que nao estamos preparados para receber a noticia, tenho 20 anos e como disse descobri minha sorologia a dois meses. Tenho uma amiga que tem sido incrivel comigo, mas que as vezes me pergunto se nao fui ‘cruel’ em fazer isso com ela, em contar, e contei um dia antes do aniversario de 19 anos dela, no dia que comecei o tratamento.
        Vou estar sempre por aqui compartilhando experiencias com todos.

        • Camillo diz

          Ô Andrielson, pq tu, como todos nós aqui, deu mole! Desencana rapá, engole tua tarv direitinho e mira o horizonte!

          • Cris diz

            Camillo,

            Tu é fantástico!!! Amo ler teus comentários. Curtos e diretos. Um pouquinho diferente dos meus né??? Hahahahahaha

  10. Cris diz

    Oi Larissa,

    Sou a outra Cris… Não vou entrar em maiores detalhes, até porque estou no trabalho e é difícil escrever muito aqui.
    Não, não somos preconceituosos, um dia fomos, (ao menos eu fui) mas hoje, com todas as informações que temos e que buscamos todos os dias, acredito que isso mudou e muito.
    O que nos machuca muitas vezes, são palavras duras, de incredulidade, já que nossa vida é tão dura, tão difícil.
    Não buscamos isso, aconteceu… cada um com sua maneira recebeu esse “presentinho” indesejado. Confiando na pessoa que nos relacionávamos, achando que não iria acontecer conosco etc, etc, etc.
    Você falou em informação. Sim, todos tivemos informações. EU tive muito. Não sou criança, sou uma pessoa razoavelmente culta, tenho uma boa posição na empresa onde trabalho, tenho acesso a todo tipo de informação.
    O que buscamos todos os dias, todas as noites e madrugadas é alguém que nos apoie, que nos console, que nas horas de desespero nos diga que tudo vai ficar bem. Eu comecei viver melhor depois que conheci as pessoas daqui do blog, que estão sempre dispostas a ajudar umas as outras. Como falamos eu e o Positive Vibe, hoje somos “SOROMILITANTES” e não importa a hora, o dia, já ajudamos muitas pessoas que pensaram até em suicídio. Gostaríamos muito que a cura viesse ontem, mas sabemos que pode demorar um pouco, mas virá.
    Enquanto isso, vamos vivendo, nos apoiando, recebendo novas pessoas, infelizmente todos os dias.
    Mas tentamos fazer isso com carinho, com dedicação e não com palavras que muitas vezes podem machucar, ou deixar alguém desesperado.

    Bjos no seu coração.

  11. Boa tarde, pessoal!
    Só pra dizer que eu conversei com meu parceiro e decidimos que vamos usar camisinha ate no sexo oral insertivo, no caso comigo. Sei que é chato, mas só assim pra eu me manter 100% com a cabeça tranquila.
    Gosto bastante desse site, e sempre entro para me manter atualizado, torço muito pra essa cura aparecer logo e ela virá!
    Saúde pessoal, bjosss!

  12. Melina diz

    Blog simplesmente FANTÁSTICO!!!! Como médica tenho apenas elogios a fazer!! Informações úteis e um relato de “nova vida” incrível!!!
    Estou simplesmente apaixonada pelo blog!!
    E desejo apenas uma vida longa e bela, e que continue com essa iniciativa que com certeza está ajudando muitas pessoas.

    • Cris Gaucha diz

      Olá Melina,

      É sempre bom ter alguém da área da saúde entre nós… Principalmente alguém tão entusiasmada qto você está.

      O blog não é meu, mas estou sempre por aqui. Busco forças e esperanças aqui.

      Com a licença do Jovem Soropositivo, eu te digo: Seja bem vinda!!

Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s